###leftbanner###
 
 

Análise do Ultrabook Dell XPS 14

Felix Sold (traduzido por Ricardo Soto), 09/12/2012

Meio termo. O novo Ultrabook XPS 14 foi apresentado para a imprensa durante o Dell Technology Camp 2012. Após seu lançamento oficial no final de junho, as primeiras unidades com Intel Ivy Bridge e Nvidia GeForce GT 630M agora estão sendo entregues. Um ultrabook da classe superior que está disponível a partir de 1149 Euros (RRP, ~1410 USD).

A classe de ultrabooks dos portáteis está crescendo. Após a primeira geração de ultrabooks, que constiu em de somente de uns com telas de 11,6 e 13,6 polegadas, agora a Dell, entre outros, também oferece um equipamento multimídia de 14 polegadas. O XPS 14 passa os requisites da Intel e com isso pode ser chamado oficialmente de Ultrabook. A altura fina de 20,8 mm (0,82 polegadas) e um moderno processador dual-core Intel Core i7-3517U Ivy Bridge funcionando a 1,9 GHz são dois dos principais componentes. Ao mesmo tempo, a Dell também equipou o menor Ultrabook XPS 13  com novo hardware, embora a maior resolução nativa de 1600x900 Pixels do maior irmão de 14 polegadas seja uma bônus  em contra do modelo menor.

Outra diferença é a placa de vídeo dedicada Nvidia GeForce GT 630M, que é ativada quando é necessária. Graças à alternação automática de gráficos da tecnologia Optimus, de acordo com a Dell deve ser possível atingir uma duração de bateria de 11 horas. Outros componentes da nossa unidade de teste são 8 GB DDR3 de memória de sistema e um solid state drive (SSD) de 512 GB feito pela Samsung. Todo este pacote não é barato, custando 1799 Euros (~$2210). No entanto, o modelo básico do XPS 14 está disponível diretamente da companhia, com preços a partir de 1179 Euros (~$1450).

Case

O acabamento e design são convincentes.
O acabamento e design são convincentes.

Visualmente o novo XPS 14 se baseia no modelo menor.  A diferença vem do maior chassi de 33,6 x 23,3 x 2,08cm, (13,2 x 9,17 x 0,82 polegadas, LxPxA) e um peso de 2,06 kg (4,54 libras). O menor XPS 13 pesa apenas 1,36 kg (3 libras) e, portanto, é 34% mais leve.  O próprio case está feito de uma só peça de alumínio, fazendo-o muito estável. O pousa palmas está feito de uma liga de alumínio-magnésio. Com isso a superfície de toque suave tem uma sensação agradável. A base do equipamento está revestida com silicone, no qual o equipamento descansa. No geral, o XPS 14 deixa uma impressão de alta qualidade. O design é simples com um contraste de preto e prateado e é de total agrado do editor.

A unidade base não cede quando é pressionada. Mesmo quando flexionada com ambas as mãos, o case permanece rígido. A tampa da tela também é feita de alumínio e é ainda mais aprimorada por um Vidro Corning Gorilla. No geral,a tampa poder ser apenas um pouco flexionada, pelo qual não são produzidos ruídos. A tela é segurada por uma grande dobradiça, montada no centro. O máximo ângulo de apertura é de apenas 135 graus. A dobradiça é boa, embora tenhamos observado um ligeiro balanço. As contínuas vibrações quando usado em um carro podem causar que o ângulo de apertura mude, mas isto não de ser um problema quando use em um trem.

Conectividade

Com maior espaço que o modelo menor, o ultrabook pode ser descrito assim: mais espaço, mais interfaces. Além das duas portas USB 3.0 (1x com Power Share) e um mini DisplayPort, o XPS 14 também oferece um porta de rede RJ-45e uma porta HDMI port. Todas esta portas de conexão e o conector AC estão localizados na traseira do lado esquerdo do equipamento. Por outro lado podemos encontrar um conector estéreo de 3,5mm (porta combinada) para fones ou um headset suportado, um Seguro Kensington e um leitor de cartões SD. Este último é difícil de detectar devido à uma mistura de cores da coberta plástica. No geral não estamos satisfeitos com a transição para o case e a inconveniência de ter que remover a coberta, o qual pode somente pode ser feito com a ajuda de das unhas dos dedos.

localização das portas é correta, dado que um mouse pode ser usado no lado direito do equipamento, sem problemas. A gama excede aquela da maioria dos ultrabooks, embora a Dell tenha omitido, por exemplo uma porta Thunderboltt, uma terceira porta USB no lado direito, ou uma entrada de microfone separada.

Lado esquerdo: Conector de força, RJ-45, HDMI, mini DisplayPort, 2x USB 3.0
Lado esquerdo: Conector de força, RJ-45, HDMI, mini DisplayPort, 2x USB 3.0
Lado direito: Áudio,leitor de cartões, Seguro Kensington
Lado direito: Áudio,leitor de cartões, Seguro Kensington

Comunicação

Em termos de opções de comunicação nada mais pode ser desejado. Além do modulo de rádio Intel Centrino Advanced-N 6235, que suporta os padrões WLAN 802.11a/b/g/n e Bluetooth 4.0, o portátil oferece uma porta de rede RJ-45. Atrás desta é um controle gigabit da Realtek. A maioria dos (menores) portáteis disponíveis omitem completamente esta porta, ou suporta a suporta unicamente através de um adaptador. O Asus UX31A é um exemplo. Por outro lado os próprios ultrabooks da Toshiba possuem esta porta, dado que a primeira geração, que com um posicionamento bem pensado no lado traseiro não afeta o visual. O modelo atual deste portfólio é chamado de Toshiba Satellite Z930.

A Dell não oferece um módulo UMTS ou LTE integrado para o XPS 14. Por isso o instrumento de escolha é um dispositivo USB externo, que atualmente está disponível por um preço baixo. Uma excelente característica da placa Intel é o suporte para Wireless Display (Wi-Di): Através de um receptor separado você pode transmitir conteúdo sem fios para a TV. Outras opções de comunicação incluem uma webcam integrada de 1,3 Megapixels e dói microfones digitais integrados. Esta combinação serve para as videoconferências com imagem e áudio de qualidade média.

Acessórios

Na embalagem chique do XPS 14 podemos encontrar apenas os acessórios mais necessários para o uso imediato. Além do próprio equipamento, incluídos estão o adaptador de força de 65W com cabos e alguns documentos. Em comparação o pacote de software pré-instalado é extenso. Além do útill freeware Adobe Reader X e Skype, há a habitual versão demo do antivírus e o Microsoft Office Starter. Através de várias notificações, o programa de segurança da McAfee qualifica para uma pronta desinstalação. Além dos programas, os acessórios para o ultrabook devem ser adquiridos de forma separada. Durante a configuração, a Dell já oferece uma variedade de produtos, pelo qual se recomenda uma comparação de preços.

Manutenção

Todo o lado inferior age como uma grande coberta de manutenção, que está assegurada por dói parafusos abaixo da placa XPS prateada e seis parafusos Torx T5. Estes últimos provavelmente sejam o maior obstáculo para os usuários. Após remover essa coberta, tem-se livre acesso aos componentes. Em nosso caso isto inclui 8 GB DDR3 em um só módulo e um SSD de 512 GB de 2,5 polegadas. Isto não deixa muito espaço para melhorias. A fácil opção de expansibilidade compensa nas configurações de gama baixa com um HD padrão e 4 GB de RAM. Note-se, no entanto, que o novo HDD ou respectivamente SSD deve ter uma altura máxima de 7 mm. Se for um pouco mais alto não caberá  no chassi. Outra vantagem é a possibilidade de limpar o ventilador e o dissipador de calor.

Garantia

Desde a fábrica, a Dell fornece uma garantia de apenas 12 meses. No entanto, isto vem com o serviço de hardware On-site do Seguinte Dia Útil e suporte de software premium por telefone. Outros fabricantes de ultrabooks oferecem uma garantia de 24 meses sem custo extra. Sem importar a configuração, a Dell oferece uma extensão de garantia de 24 ou 36 meses por 140 e respectivamente 188 Euros (~$172 e $231). A mais longa está atualmente em oferta através do configurador online. Normalmente esta custa 280 Euros (~$344, RRP, 33 % de desconto).

Dispositivos de Entrada

O XPS 14 utiliza os mesmos dispositivos de entrada com o maior XPS 15, que analisamos recentemente. Por isso não há diferenças no touchpad e no teclado. Apenas as bordas do teclado parecem mais finas devido ao menor case. Você pode encontrar informação detalhada na análise do maior representante da série, Dell XPS 15 (L521X).

Teclado Chiclet com iluminação
Teclado Chiclet com iluminação
Touchpad generoso com suporte para gestos
Touchpad generoso com suporte para gestos

Tela

Refletiva de 1600 x 900 pixels
Refletiva de 1600 x 900 pixels

O XPS 14 é o primeiro ultrabook da Dell em usar uma tela de 14 polegadas. Ela tem uma resolução de 1600x900 pixels. A superfície da tela é como a dos outros equipamentos XPS, refletiva. Neste caso estamos falando de um Vidro Gorrilla Corning resistente e durável. A resolução (HD+) é mais notória  quando comparada com equipamentos mais econômicos de gama baixa. Estas em sua maioria oferecem 1366x768 e, portanto, são pouco confortáveis para trabalhar com várias janelas abertas sem uma tela externa. Por outro lado, a Asus tem seus ultrabooks de portfólio (UX21AUX31A e UX32VD) com resolução nativa Full HD. A Dell não oferece mais configurações nesta área. 

O painel do tipo AUO103E agora deve passar por uma série de medições extensas.  A tela tem um alto brilho máximo de 416 cd/m². Isto pode ser medido no meio da tela, enquanto que as outras áreas ficam um pouco atrás. O mínimo é de apenas 338 cd/m². Devido a esta diferença a distribuição do brilho é de apenas 81%. 

371
cd/m²
385
cd/m²
372
cd/m²
351
cd/m²
416
cd/m²
358
cd/m²
338
cd/m²
403
cd/m²
351
cd/m²
Distribuição do brilho
Informações
Gossen Mavo-Monitor
Máximo: 416 cd/m²
Médio: 371.7 cd/m²
iluminação: 81 %
iluminação com acumulador: 377 cd/m²
Preto: 2.24 cd/m²
Contraste: 186:1

nível de preto de mais de 2 cd/m2 é consideravelmente alto. Como resultado o preto é cinzento e a relação de contraste e baixa. A falta de contraste ofusca o prazer de assistir filmes e ver fotos. Subjetivamente, as cores e a nitidez a imagem não deixam nada a desejar.

Um lugar com sombra
Um lugar com sombra

No uso em exteriores o refletivo vidro Gorilla é o maior obstáculo. Os reflexos não podem ser evitados, nem mesmo em lugares com sombra. Graças ao brilho da tela, ainda pode-se trabalhar, inclusive com o brilho reduzido. A legibilidade na luz direta do sol é limitada. Um filme mate poderia ajudar neste caso, embora isto diminua a nitidez da imagem. O ideal seria um XPS 14 com uma tela mate (opcional).

Ângulos de visão: Ultrabook Dell XPS 14-L421X
Ângulos de visão: Ultrabook Dell XPS 14-L421X

Em conclusão, a estabilidade dos ângulos de visão confirma a confusa impressão do painel TN. No campo horizontal a imagem permanece bastante estável, embora uma queda do brilho seja visível. O plano vertical é relativamente instável. O mínimo desvio da posição ideal resulta na inversão e desbotamento da imagem de referência.

Desempenho

O Dell XPS 14 é a primeira unidade de teste que recebemos com o novo processador dual-core Intel Core i7-3517U. Este processador de ultra baixa voltagem funciona com uma freqüência de 1,9 GHz, tem dois núcleos e quatro threads – é o mais moderno processador dual-core móvel da Intel. Através do Turbo Boost 2.0 integrado, a freqüência pode atingir 3,0 GHz quando um núcleo está sob estresse. Com dois núcleos ativos, esta freqüência ainda é muito alta com 2,8 GHz. Em comparação com a geração mais antiga, os processadores Ivy Bridge são produzidos usando o processo de 22 nanômetros com transistores 3D. O equivalente do ano passado é chamado de Intel Core i7-2677M, mas não possui a ágil memória de sistema DDR3 de 1600 MHz.

Outras especificações incluem a Intel GMA HD 4000 integrada e neste caso, também a Nvidia GeForce GT 630M dedicada. Este GPU atualmente se classifica na área inferior da classe media e oferece 1024 MB de memória GDDR5, que é acessada através de um bus de memória de 64-bits. Além do aumento de desempenho comparado com a placa de vídeo do CPU, ela também suporta a tecnologia Optimus da Nvidia. Por isso, dependendo do aplicativo e a demanda, a placa apropriada é ativada e, portanto, o equilíbrio entre o desempenho e a eficiência é atingido.

As configurações se diferenciam no tipo de drive e na capacidade. Nossa unidade de teste entra na corrida com um amplo SSD de 512 GB e memória dês sistema de 8 GB DDR3. Este ultimo curiosamente funciona a 1333 MHz, embora a nova plataforma já suporta memória de freqüências superiores.

Systeminfo CPU-Z CPU
Systeminfo Windows 7 Leistungsindex
Systeminfo DPC Latency Checker
Systeminfo GPU-Z Nvidia GeForce GT 630M
Systeminfo GPU-Z Intel GMA HD 4000
Systeminfo CPU-Z RAM SPD
Systeminfo CPU-Z RAM
Systeminfo CPU-Z Mainboard
Systeminfo CPU-Z Cache
Systeminfo HD Tune Pro 5.0
Informação do sistema: Dell XPS 14-L421X Ultrabook

Processador

Para iniciar os nossos testes há uma variedade de benchmarks de CPU, dos quais nós usamos o software da Maxon para comparação. No atual teste multi-core de CineBench R11.5 o Intel Core i7-3517U marca 2,78 pontos. O Intel Core i7-2677M no Asus Zenbook UX21E marca apenas 2,13 pontos, caindo 23% atrás. O Dell XPS 13 está em um nível similar com a pontuação de 2,25 pontos (19% de diferença).

Também vale a pena dar uma olhada no processador dual-core Intel Core i5-3317U Ivy Bridge, que se encontra em muitos ultrabooks atuais. O modelo de gama baixa do the XPS 14 também possui a unidade em questão. Em média ele marcou 2,2 pontos no teste multi-core de CineBench, uma diferença de cerca de 21%. Para o usuário normal o alto desempenho provavelmente não compensa, dado que o aumento custa 120 Euros (~$147). As configurações top em oferta são entregues com o processador mais poderoso.

Cinebench R10 Rendering Single 32Bit
3956
Cinebench R10 Rendering Multiple CPUs 32Bit
8703
Cinebench R10 Shading 32Bit
6146
Cinebench R10 Rendering Multiple CPUs 64Bit
10783 Points
Cinebench R10 Rendering Single CPUs 64Bit
5167 Points
Cinebench R10 Shading 64Bit
6121 Points
Cinebench R11.5 OpenGL 64Bit
24.53 fps
Cinebench R11.5 CPU Multi 64Bit
2.78 Points
Cinebench R11.5 CPU Single 64Bit
1.19 Points
Ajuda

Desempenho do Sistema

desemepnho do sistema pode ser visto: No PCMark 7 da Futuremark a configuração de teste marcou 3467 pontos, posicioniando o ultrabook no terço superior do nosso banco de dados. Em um nível comparável estão muitos ultrabooks com um veloz SSD, que afeta o teste consideravelmente. Entre eles estão o Lenovo IdeaPad U310, o Samsung Series 9 900X4C-A04DE e os ultrabooks Zenbook mencionados antes da Asus do ano passado. O Dell XPS 13 é10% mais veloz com uma pontuação de 3823 pontos, mas subjetivamente isto não é evidente. Os tempos de carga são mínimos e o XPS 14, no geral, funciona com muita fluidez. Os modelos mais econômicos do XPS 14 com um HD padrão deve ser um pouco mais lentos em termos de tempos de carga.

4.8
Índice de Experiência Windows 7
Processador
Cálculos por segundo
7.1
Memória (RAM)
Operações de memória por segundo
7.1
Gráficos
Desempenho da Área de Trabalho para Windows Aero
4.8
Gráficos de jogos
Gráficos 3D empresariais e de jogos
6.7
Disco rígido principal
Velocidade de transferência de dados de disco
7.9
PC Mark
PCMark Vantage12570 pontos
PCMark 73467 pontos
Ajuda

Dispositivos de Armazenamento

Benchmark
System info CrystalDiskMark
Benchmark
System info AS SSD Benchmark

Dependendo do modelo e preço, o XPS 14 é entregue com um HD normal ou um SSD de 512 GB. Para ser mais precisos, está é uma unidade da série 830 da Samsung com interface SATA III com até 6 Gbit/s e altura de 7 mm. Unidades mais altas não cabem no fino equipamento. Con taxas de transferência de mais de 400 MB por segundo em operações seqüenciais (CrystalDiskMark) e tempos de acesso muito baixos (AS SSD) este modelo deixa uma muito boa impressão. O armazenamento flash está disponível de fábrica no modelo topo, por 1799 Euros (~$2211). Dados os preços baixos atuais de SSDs uma pós instalação compensa, mas deve se ter cuidado com a altura.

Samsung SSD 830 Series MZ7PC512HAGH
Velocidade de Transferência Mínima: 355.6 MB/s
Velocidade de Transferência Máxima: 384 MB/s
Velocidade de Transferência Média: 374.2 MB/s
Tempo de Acesso: 0.079 ms
Índice de Explosão: 327.1 MB/s
Uso da CPU: 27.2 %

Placa de vídeo

O próximo passo é submeter a Nvidia GeForce GT 630M através dos benchmarks sintéticos de jogos. O comprovado 3DMark 06 a unidade de teste marca 6881 pontos e, por isso está no meio do nosso extenso banco de dados. O Dell XPS 13 com a antiga Intel GMA HD 3000 é, em comparação 54% mais lentas (3196 pontos). O atual Apple MacBook Air 13 Mid 2012 com a mais recente Intel GMA HD 4000, que é a segunda placa do XPS 14, atinge uma pontuação de 5819 pontos em Windows 7 (15% de diferença). Em vista do valor médio dos dois chips gráficos no XPS 14 há uma diferença de 36%  em favor do GPU da Nvidia. O mais recente 3DMark 11 confirma os resultados da versão mais recente com pequenas diferenças nos porcentagens.

3D Mark
3DMark 0322477 pontos
3DMark 0511854 pontos
3DMark 06
 1280x1024
6881 pontos
3DMark Vantage4833 pontos
3DMark 111168 pontos
Ajuda

Desempenho dos Jogos

O desempenho puro dos jogos pode ser considerado de classe média baixa. Jogos menos exigentes comoTrackMania Nations Forever ou o adorado Diablo III podem ser jogados até mesmo com as configurações mais altas sem engasgamentos. No entanto, ao jogar jogos exigentes, a Nvidia GeForce GT 630M rapidamente tinge seus limites. No geral o GPU não garante um desempenho excelente dos jogos. Para os jogos casuais que são jogados de vez em quando e não têm altas exigências de resolução e detalhes para oferecer, o Dell é prático.

baixo médiaalto ultra
Trackmania Nations Forever (2008) 15368.317.9fps
Mafia 2 (2010) 43.429.724fps
Diablo III (2012) 79.846.643.930.9fps
Dirt Showdown (2012) 4320.214.3fps

Emissões

Pequeno ventilador do case.
Pequeno ventilador do case.

Ruído do sistema

Graças ao armazenamento flash e à falta do drive ótico, a única fonte de ruído que resta nesta configuração é o ventilador. Durante o uso de escritório o ultrabook opera de forma silenciosa até o final, com o nível de ruído medido em 29,6 dB(A), que é o mais baixo que o nosso instrumento mostra. Sobre tudo, esta operação silenciosa é útil na biblioteca ou no escritório, onde não é perturbado pelos ruídos do equipamento.

Sob cargaNvidia GeForce GT 630M dedicada é automaticamente ativada e o ventilador começa a girar. A uma distância de 15cm (5,9 polegadas) medimos um nível de 45,7 dB(A). Por isso o equipamento é audível, mas ele soa de forma constante, com uma freqüência não muito alta, o qual não é perturbante no segundo plano. Ao comparar o Dell XPS 13 e o Dell XPS 15 encontramos apenas diferenças pequenas. Um das principais vantagens é a ráida queda do nível do ruído quando a carga diminui.

Barulho

Ocioso 29.6 / 29.6 / 29.6 dB
Carga 45.6 / 45.7 dB
 
    30 dB
silencioso
40 dB
audível
50 dB
ruidosamente alto
 
min: , med: , max:    Voltcraft SL-320 (15 cm de distância)

Temperatura

Uma peça do sistema de resfriamento.
Uma peça do sistema de resfriamento.

Além do ventilador, um dissipador de calor com forma de L completa o sistema de resfriamento do XPS 14. A temperatura, mais que tudo, é um ponto crítico em equipamentos finos, o qual deveria ser cuidadosamente considerado neste caso devido à placa de vídeo dedicada. Em modo inativo o case fica morno, e a superfície especial de toque suave dissipa o calor extra se forma agradável. Um máximo de 33,5oC foi medido no teclado. O lado inferior permanece frio com uma média de 31,3oC. Por isso, neste caso, trabalhar com ele sobre as pernas não é problema.

Com as ferramentas Prime95 e Furmark podemos espremer o máximo do hardware. Após uma hora de execução do teste de estresse, o equipamento estava significantemente quente. No pico, medimos mais de 50oC no teclado. Neste caso não desejará mais tocar o equipamento. O pousa palmas permanece evidentemente mais frio com uma diferença de 20oC, mas o lado inferior não pode mais ser ignorado, dado que também esquenta bastante.

Ao navegar através de Wi-Fi, as temperaturas sobre as pernas são agradáveis.  Somente durantes prolongados períodos de carga (jogos, renderização, etc.) poderia esperar temperaturas de superfície consideravelmente altas. Neste caso, o equipamento deve permanecer no escritório, devido à melhor circulação do ar.

Carga Máxima
 51.9 °C54.4 °C42.0 °C 
 49.6 °C53.0 °C40.4 °C 
 37.0 °C34.0 °C35.7 °C 
Máximo: 54.4 °C
Médio: 44.2 °C
45.1 °C53.0 °C48.8 °C
41.8 °C46.2 °C46.0 °C
38.1 °C39.5 °C41.0 °C
Máximo: 53.0 °C
Médio: 44.4 °C
alimentação elétrica  55.7 °C | Temperatura do quarto 24.4 °C | Voltcraft IR-360

Duração da Bateria

Consumo de Energia

Um pondo importante para os portáteis da atualidade é a duração da bateria, que depende do consumo dos componentes escolhidos. O analisado Intel Core i7-3517U é um processador dual-core de tensão ultra-baixa da atual família Ivy Bridge da Intel. Este processador consome 17 W de acordo com as especificações, com a placa de vídeo dedicada da Nvidia adicionando mais consumo. A maioria dos ultrabooks funciona apenas com a Intel GMA HD 4000 integrada. No caso dos ultrabooks da Dell temos a tecnologia Optimus da Nvidia. Dependendo da carga, esta tecnologia alterna automaticamente entre os dois GPUs.

Durante o uso de escritório com a placa de video do CPU ativa, o sistema usa entre 7,7 W e 11,3 W. Por isso, o ultrabook se classifica entre equipamentos similares, porém, menores de 13,3 polegadas. Sob carga, a Nvidia GeForce GT 630M está ativada e o consumo de energia aumenta até um máximo de 46,9 W. Em comparação: O Dell XPS 13 com hardware mais antigo, incluindo os gráficos integrados, usa apenas 32,8 W. O atual Dell XPS 15 com CPU quad-core, gráficos mais potentes e tela maior, usa consideravelmente mais energia, com 79,6 W. O geral, não há um consumo de energia incomum, o qual está entre as outras unidades XPS.

Consumo de energia

desligado / 0.5 Watt
Ocioso 7.7 / 11.1 / 11.3 Watt
Carga 34.7 / 46.9 Watt
 
Key: min: , med: , max:         Voltcraft VC-940

Duração da Bateria

Bateria de polímero de lítio (65 Wh)
Bateria de polímero de lítio (65 Wh)

Para o uso móvel, a Dell equipou o ultrabook com uma bateria de polímero de lítio com uma capacidade de 65Wh. No site de internet a Dell promete uma duração de onze horas e meia, o qual devemos comprovar em um teste prático. Para o benchmarking usamos a bem conhecida ferramenta Battery Eater sob Windows e seus diferentes perfis.

teste classic carrega o sistema com renderização de gráficos. Além disso, este teste é executado com a Nvidia GeForce GT 630M ativa, iluminação máxima do teclado e da tela. Após, ao redor de duas horas o teste atinge o máximo e o adaptador de força de 65W deve ser conectado. A carga continua do teste classic representa um uso mais alto do comum, enquanto que a "navegação através de Wi-Fi“ é um cenário mais realista. Neste teste vários web sites são atualizados através de um script a a cada 40 segundos. O brilho da tela está ajustado em 150 cd/m² assim as medidas são similares. No teste, as aceitáveis 6 horas e 12 minutos foram atingidas.

Voltando para a promessa da Dell. O teste Reader do Battery Eater simula a leitura de um e-book com brilho mínimo, modules wireless desligados e os gráficos do processador ativos. Com estas configurações, o XPS 14 excede os anúncios do fabricante e atinge as convincentes 12 horas e 32 minutes. No uso cotidiano, a duração da bateria está em algum lugar entre 4 e 8 horas, dependendo da carga do sistema.

Tempo de Execução da Bateria
Ocioso (sem WLAN, min brilho)
12h 32min
Navegar com WLAN
6h 12min
Carga (máximo brilho)
2h 05min

Veredicto

Dell XPS 14 Ultrabook
Dell XPS 14 Ultrabook

Dell XPS 14 expande o portfólio de ultrabooks da empresa. Mais nada pode se desejar do case, a seleção dos materiais e o acabamento. Também gostamos do maior número de interfaces, embora uma Terceira porta USB 3.0 no lado direito teria completado o panorama. O ponto bônus da manutenção simples dos componentes é pequeno, em comparação com os acessórios e a duração da garantia de apenas 12 meses. Os dispositivos de entrada melhorar a boa imagem do case e o mesmo teclado pode ser encontrado no XPS 15. Um remanescente é o ícone de ejetar na tecla F7, o qual, certamente, não faz sentido no XPS 14.

Como um dos primeiros ultrabooks do mercado, o XPS 14 oferece uma tela maior com uma resolução de 1600x900 pixels. Além do brilho máximo, os demais resultados são menos que convincentes. Com respeito ao alto preço de gama baixa de mais de 1000 Euros (~$1230) estávamos esperando um painel IPS ou pelo menos um TN de melhor qualidade. O Vidro Gorilla Corning ajuda no visual e à durabilidade, mas prejudica a visibilidade em exteriores (reflexos perturbantes). A combinação do processador Intel Core i7-3517U Ivy Bridge e a Nvidia GeForce GT 630M dedicada é uma boa escolha, dado que o equilíbrio de desempenho e eficiência está controlado. Isto é confirmado pelos bons níveis de consumo de energia e durações de bateria.

Os alto falantes estéreo nos surpreenderam. Não pode se esperar muito de um equipamento com um poder total de 4W. O XPS 14 brilha com o som balanceado e bom nível de volume. Alguns fabricantes, que fazem grandes anúncios e se exibem com adesivos no chassi dos equipamentos, podem aprender da Dell.

Um ultimo ponto de crítica seria o aquecimento sob carga. Com temperaturas de mais de 50oC, as vezes é bastante desconfortável.

Em resumo, um ultrabook premium com pontos fortes. A tela, entre outras coisas, não ajuda a pontuações geral, que atualmente é de 83%.

Em Análise: Ultrabook Dell XPS 14 L421X
Em Análise: Ultrabook Dell XPS 14 L421X

Especificações do portátil

Dell XPS 14-L421X

:: Processador
:: placa mãe
Intel HM77 (Panther Point)
:: Memória
8192 MB, Micron Technology, DDR3-10600S, 1333 MHz
:: Placa gráfica
NVIDIA GeForce GT 630M - 1024 MB, Análises do: 625 MHz, GDDR5, 296.01, Intel GMA HD 4000
:: Pantalha
14 polegadas 16:9, 1600x900 pixel, AUO103E, TN LED, Infinity HD+, Brilhante: sim
:: Disco rígido
Samsung SSD 830 Series MZ7PC512HAGH, 512 GB
:: Placa de Som
Intel Panther Point PCH - High Definition Audio Controller
:: Conexões
2 USB 3.0, 1 HDMI, 1 DisplayPort, 1 Kensington Lock, Conexões Audio: Conector combinado de áudio, Card Reader: SD, SDHC, SDXC, RJ-45
:: Funcionamento em rede
Realtek PCIe GBE Family Controller (10/100/1000MBit), Intel Centrino Advanced-N 6235 (a b g n ), 4.0 Bluetooth
:: Tamanho
altura x largura x profundidade (em mm): 20.7 x 335.8 x 233
:: peso
2.06 kg Suprimento de energia: 0.34 kg
:: Bateria
69 Wh Lítio-Polímero, 8-Células, Type: 4RXFK, 4600 mAh, 14,8 V
:: Preço
1799 Euro
:: Sistema Operativo
Microsoft Windows 7 Home Premium 64 Bit
:: Características adicionais
Webcam: 1.3 Megapixel, Alto falantes: 2x 2 Watts, Waves MaxxAudio 4, dois microfones digitais integrados, Teclado: Tipo Chiclet , Iluminação do Teclado: sim, Ultrabook, adaptador de força de 65 W, Documentação, Adobe Reader X, Microsoft Office Starter, Webcam Central, Skype, Windows Live Essentials, McAfee SecurityCenter (Demo version), Intel WiDi, Garantia inclui serviço de hardware on-site para o seguinte dia útil e suporte premium para software por telefone

 

Estamos analisando o novo Ultrabook Dell XPS 14 L421X, ...
Estamos analisando o novo Ultrabook Dell XPS 14 L421X, ...
Uma folha de Vidro Corning Gorilla em frente da tela.
Uma folha de Vidro Corning Gorilla em frente da tela.
Sob a luz direta do sol isto se torna um pouco crítico.
Sob a luz direta do sol isto se torna um pouco crítico.
O lado inferior tem um agradável revestimento de silicone.
O lado inferior tem um agradável revestimento de silicone.
Duas ferramentas são necessárias para abrir o chassi.
Duas ferramentas são necessárias para abrir o chassi.
Embaixo da coberta: diversos adesivos e dois parafusos.
Embaixo da coberta: diversos adesivos e dois parafusos.
Depois, o interior é completamente acessível e sem obstáculos.
Depois, o interior é completamente acessível e sem obstáculos.
8 GB de memória de sistema DDR3 estão em um módulo.
8 GB de memória de sistema DDR3 estão em um módulo.
O modelo top oferece um SSD de 512 GB.
O modelo top oferece um SSD de 512 GB.
O sistema de resfriamento consiste de um ventilador e um dissipador de calor feito de cobre.
O sistema de resfriamento consiste de um ventilador e um dissipador de calor feito de cobre.
Embaixo deles está o CPU (topo) e o GPU da (abaixo).
Embaixo deles está o CPU (topo) e o GPU da (abaixo).
Os 65W fornecidos tomam conta da energia.
Os 65W fornecidos tomam conta da energia.
Claro, escuro e desligado. A diferença não é muito evidente.
Claro, escuro e desligado. A diferença não é muito evidente.
A iluminação de fundo tem apenas três ajustes:
A iluminação de fundo tem apenas três ajustes:
O teclado Chiclet com iluminação de fundo e um grande touchpad.
O teclado Chiclet com iluminação de fundo e um grande touchpad.
...um dos primeiros ultrabooks de 14 polegadas no mercado.
...um dos primeiros ultrabooks de 14 polegadas no mercado.
O chassi está feito de uma única peça de alumínio (Unibody).
O chassi está feito de uma única peça de alumínio (Unibody).
O acabamento e a sensação podem ser vistos.
O acabamento e a sensação podem ser vistos.
Visualmente, o equipamento faz lembrar a série MacBook Pro.
Visualmente, o equipamento faz lembrar a série MacBook Pro.
Quase não há diferenças nos detalhes.
Quase não há diferenças nos detalhes.
A combinação de preto e prateado é bonita e simples.
A combinação de preto e prateado é bonita e simples.
As interfaces à esquerda do ultrabook.
As interfaces à esquerda do ultrabook.
No outro lado estão o conector de áudio, o Seguro Kensington e...
No outro lado estão o conector de áudio, o Seguro Kensington e...
...um leitor de cartões SD, que pode ser aberto usando apenas as unhas dos dedos.
...um leitor de cartões SD, que pode ser aberto usando apenas as unhas dos dedos.
Vantagem: uma porta de RJ-45 separada.
Vantagem: uma porta de RJ-45 separada.
Os dispositivos de entrada deixam uma boa impressão na análise.
Os dispositivos de entrada deixam uma boa impressão na análise.

Portáteis Similares

Portáteis com o mesmo GPU

Portáteis com o tamanho de tela e peso

» Breve Análise do Portátil Asus VivoBook S451LB
GeForce GT 740M, Core i5 4200U
» Breve Análise do Portátil HP ProBook 645 G1
Radeon HD 8450G, A-Series A6-5350M

Links

  • Informação do fabricante

Compare Preços

Pro

+Excelente acabamento com solidez
+USB 3.0, miniDP, HDMI e porta de rede RJ-45
+Excelentes dispositivos de entrada
+Tela HD+ brilhante
+Bom desempenho do hardware
+Funcionamento silencioso em modo use
+Alto falantes estéreo surpreendentes
+Consumo de energia e duração da bateria
 

Contra

-O case do leitor de cartões é um pouco desconfortável
-Apenas 12 meses de garantia
-Preço básico superior ao da concorrência
-Tela refletiva com contraste medíocre
-Alta temperatura sob carga

Resumindo

Do que gostamos

O acabamento e a sensação do case, bem como o equilíbrio entre o desempenho e eficiência.

O que gostaríamos de ver

Um melhor sistema de resfriamento para lidar com o aquecimento do hardware. Lém disso, uma tela mate de alta qualidade.

O que nos surpreendeu

Os alto falantes integrados. Com um poder combinado de apenas dois watts, é fornecido um som balanceado.

A concorrência

Distintos ultrabooks com a mais recente geração de processador economizadores da Intel. Estes seriam o Dell XPS 13 do mesmo fabricante, o Asus UX32VD com Nvidia GeForce GT 620M dedicated, o Lenovo IdeaPad U310 e respectivamente o IdeaPad U410 e também o Toshiba Satellite Z930 com tela mate e porta RJ-45. Ultrabooks com tela de 14 polegadas ainda são raros.

Rating

Dell XPS 14-L421X
08/03/2012 v3
Felix Sold

Acabamento
97%
Teclado
88%
Mouse
90%
Conectividade
72%
Peso
87%
Bateria
92%
Pantalha
70%
Desempenho do jogos
77%
Desempenho da aplicação
94%
Temperatura
65%
Ruído
83%
Impressão
85%
Médio
83%
83%
Multimedia *
Médio equilibrado

> Português - Home > Análises > Análises > Arquivo de análises próprios > Análise do Ultrabook Dell XPS 14
Felix Sold, 2012-09-12 (Update: 2013-06- 6)