Notebookcheck

Análise do Netbook HP Pavilion dm1-3180eg

Martina Osztovits (traduzido por Ricardo Soto), 04/19/2011

Netbook com gráficos poderosos? A HP está confiando no mais recente hardware Fusion da AMD para este netbook dm1-3180eg. Um processador dual-core E-350, 3 GB de RAM e um chip gráfico integrado HD 6310 deve acelerar o desempenho do pequenino de 11-polegadas.

Os portáteis Pavilion da HP foram desenvolvidos especificamente para usuários finais e não profissionais. Eles estão disponíveis numa grande variedade de formatos e configurações de hardware. Nosso modelo de análise tem uma tela com uma diagonal de 11,6-polegadas, e é um dos menores membros do portfólio Pavilion da HP. Com um processador AMD E-350 incluindo um chip gráfico integrado HD 6310, o netbook deve fornecer desempenho adequado e boa duração da bateria, mesmo em movimento.

Descubra em nossa análise, como o dm1-3180eg se desempenha em nossa extensa série de benchmarks, e como é comparado com netbooks com o mais recente Atom da Intel, incluindo aqueles com uma Nvidia ION 2 (para isto, veja as seções de Desempenho e Duração da bateria em particular).

Case

A HP chama a cor do nosso modelo de análise “preto com padrão prisma”. No entanto, isto aplica-se somente para o marco da tela. O teclado, touchpad e unidade base são pretos, enquanto que as superfícies internas, as bordas laterais são pratas. O notebook está totalmente feito de plástico, como você esperaria desta faixa de preços. A sensação das superfícies é o que você esperaria do plástico, mas não desagradável, e levemente áspero nas teclas e o touchpad.

A unidade base é robusta, demonstrando excelente resistência para ser torcido e boa resistência contra pressões diretas. A bateria, quando é encaixada no lugar, ainda é capaz de se mover um pouco, e pode ser movida um pouco para trás. Quando a bateria é removida, deixa uma grande brecha entre o teclado e a tela.

A tampa também passou o nosso teste de torque e pressão sem problemas. O marco da wide screen também demonstrou ser robusto.

As dobradiças do netbook seguram a tela com firmeza, no lugar, e a tampa não se balança notavelmente após ajustar o ângulo. O grande ângulo de abertura é uma agradável surpresa, mas devido á leve unidade base você precisa das duas mãos para abrir o netbook.

O netbook não tem um seguro para manter a tampa fechada, provavelmente devido ao seu pequeno tamanho. Você deve tomar cuidado quando viaja com ele para que nenhum objeto estranho entre no espaço entre o teclado e tela e pose causar danos.

Conectividade

A seleção das entradas é típica para um netbook. Estão incluídas 3 entradas USB 2.0, a VGA, uma entrada de áudio combinada para fones e microfone, e um leitor de cartões 2-em-1 para cartões SD e MMC.

O netbook não vem com entradas velozes para conectar dispositivos de armazenamento massivo, como USB 3.0 ou eSATA, por exemplo, mas tem uma entrada HDMI que permite transferir imagens e som digitalmente para uma tela ou equipamento externo.

Considerando o tamanho do netbook, a disposição das entradas é mais ou menos aceitável. Os canhotos estarão em desvantagem, particularmente com a localização das entradas HDMI no lado esquerdo. É uma pena que a localização da bateria e do mecanismo de apertura da tampa evite que qualquer entrada possa ser posicionada na parte posterior da máquina.

Lado Frontal: Alto falantes Altec Lansing na borda inclinada
Lado Frontal: Alto falantes Altec Lansing na borda inclinada
Lado Esquerdo: Conector de força, LED de força, ventilador, LED do HD, HDMI, USB 2.0
Lado Esquerdo: Conector de força, LED de força, ventilador, LED do HD, HDMI, USB 2.0
Lado Posterior: Bateria
Lado Posterior: Bateria
Lado Direito: Leitor de cartões 2-em-1, entrada de áudio combinada, 2x USB 2.0, VGA, LAN (RJ45)
Lado Direito: Leitor de cartões 2-em-1, entrada de áudio combinada, 2x USB 2.0, VGA, LAN (RJ45)

Comunicação

O hardware de comunicação do Pavilion dm1 inclui um controlador Realtek PCIe GBE Family (10/100/1000 MBit) para conexão com cabo a uma rede Ethernet. O adaptador wifi integrado Ralink RT5390 802.11 b/g/n (bgn) também suporta o padrão n, tornando possível uma conexão de rede relativamente mais veloz através de hotspots wifi, dada a infra-estrutura correta. O adaptador Ralink Motorola BC8 Bluetooth 3.0 + HS lhe permite trocar dados com pequenos dispositivos portáveis como seu PDA ou telefone celular.

Adicionalmente, há uma câmera web montada na borda superior do marco da tela, embora apenas tenha uma resolução VGA. No entanto, isto deve ser suficiente para bate-papo com vídeo com amigos.

Acessórios

Além do mais essencial, por exemplo, a bateria e adaptador de energia, você apenas encontrará um par de folhetos informativos na caixa do netbook. O usuário é responsável por criar um disco de recuperação.

Garantia

A garantia padrão é de 12 meses de recolho e devolução. A HP também oferece alguns upgrades do serviço como um ”Care Pack”, mas o dm1-3180 atualmente não está listado de acordo com a página web.

Dispositivos de Entrada

Teclado

De acordo com a HP, o pequeno dm1 oferece um teclado com teclas “ao 97% do tamanho original”. E, de fato, o tamanho das teclas é muito generoso para uma máquina de11-polegadas, com a exceção das teclas up e down, que são apenas da metade do tamanho das teclas esquerda e direita em ambos os lados. Por outro lado, o dm1 não possui teclas Page Up e Page Down separadas. Estas estão disponíveis usando a tecla FN combinada com a tecla de seta para cima e para baixo respectivamente, mas isto não está marcado. Você pode começar a digitar imediatamente sem pausas graças à disposição alfanumérica padrão e a tecla Enter de duas filas.

Em termos de propriedades mecânicas, as teclas têm um deslocamento relativamente longo e baixa resistência à pressão. A resposta táctil poderia ser mais clara. Na parte superior direita do teclado há uma leve flexão. O ruído durante a digitação geralmente não é muito forte, mas na região anteriormente mencionada torna-se notavelmente mais forte durante a digitação com mais força. Isto aplica-se especialmente às teclas maiores, Enter, Espaço, e Retorno.

Existem diversas hotkeys para funções como wifi ligado/desligado que pode ser alcançado diretamente sem usar a tecla Fn, mas quando deseja usar as verdadeiras teclas de funções (F1, F2 etc.) deve pressionar a tecla Fn. O botão mudo e controles de wifi, entre outros, podem ser acessados usando estas teclas.

Touchpad

De acordo com a HP este é um touchpad Mylar, sendo o Mylar um filme de polietileno tereftalato. O touchpad Synaptics ClickPad V7.4 tem muitas opções de configurações. O touchpad se mantém sensível até as bordas, tem uma sensação agradável, e permite que o dedo se mova suavemente sobre ele. O cursor pode ser controlado sem dificuldade.

É uma historia diferente para os botões do touchpad localizados diretamente embaixo do touchpad. Estes freqüentemente falham em responder quando pressionados, e, às vezes age como se tivesse mente própria. Se o touchpad não é necessário em momento algum, pode ser desativado tocando o pequeno ponto no canto superior esquerdo do touchpad. Quando o touchpad está inativo este pequeno LED brilha em cor laranja. No entanto, este interruptor se comportou de forma muita obstinada algumas vezes, no nosso modelo de teste.

Teclado
Teclado
Touchpad
Touchpad

Tela

dm1 vs. sRGB (transparent)
dm1 vs. sRGB (transparent)
dm1 vs. AdobeRGB (transparent)
dm1 vs. AdobeRGB (transparent)

De acordo com sua página web, a HP equipou este netbook com uma tela LED de Alta Definição HP BrightView, com uma diagonal de 29,4 cm (11,6-polegadas). A tela neste modelo de teste é um painel AUO305C do fabricante Taiwanês AU Optronics Corp. Como foi anunciado, isto oferece uma resolução HD de 1366 x 768 em um formato widescreen de 16:9.

Infelizmente a superfície não tem um acabamento mate. A reprodução das cores é suficientemente boa para aplicativos de escritório ou para navegar pela internet enquanto esta em movimento. No entanto, o nível de preto de 1,38 cd/m², é muito alto, o qual significa que o preto parece mais um cinza escuro. Outra conseqüência é que a razão de contraste é previsivelmente pobre com 156:1.

Normalmente você não esperaria um grande espaço de cores de um netbook. Neste caso, não cobre sRGB, e não cobre AdobeRGB.

191.7
cd/m²
167.6
cd/m²
189.1
cd/m²
195.7
cd/m²
215
cd/m²
184.4
cd/m²
195
cd/m²
213
cd/m²
184.8
cd/m²
Distribuição do brilho
AUO305C
Gossen Mavo-Monitor
Máximo: 215 cd/m² Médio: 192.9 cd/m²
iluminação: 78 %
Contraste: 156:1 (Preto: 1.38 cd/m²)

O brilho da tela é convincente, com um bom valor máximo de 215 cd/m². O brilho médio ainda é 192,9 cd/m². Infelizmente o brilho cai para 167 cd/m² na porão superior central da tela, produzindo uma uniformidade por embaixo da média do brilho de 78%.

O uso em exteriores não é um dos pontos fortes do dm1-3110eg, graças à tela altamente refletiva. Os reflexos também podem aparecer em interiores.

Sob o sol
Sob o sol
Na sombra
Na sombra

Os ângulos de visão são típicos para este tipo de máquina. A gama horizontal de ângulos utilizáveis é generosa, embora mais reflexos apareçam à medida que o ângulo aumenta. Verticalmente, até as menores mudanças no ângulo irão resultar numa perda do contraste.

Ângulos de visão: HP Pavilion dm1-3180eg
Ângulos de visão: HP Pavilion dm1-3180eg

Desempenho

Dentro do dm1-3110eg, um processador E-350 dual-core da AMD fornece a energia necessária. Tem uma placa de vídeo integrada e controlador de memória, e foi desenvolvida especialmente para pequenos portáteis e netbooks. É o concorrente direto dos processadores Atom da Intel.

O processador tem acesso a 3 GB de RAM, divididos em um módulo de 1 GB e um módulo de 2 GB. A versão pré-instalada do Windows 7 Home Premium de 32 Bit é suficiente para esta quantidade de Memória. No lado inferior da unidade base, pode-se encontrar um painel de acesso que permite a fácil substituição dos dois módulos de RAM, diferente da informação na página web da HP, da qual não há informação. A principio o controlador de memória do processador poderia suportar uma atualização de até 8 GB de RAM. Porém, se fazer isto teria sentido já é outro assunto.

O nosso netbook usa o chip gráfico HD 6310 integrado. Com seus 80 shaders e um processador de vídeo UVD3, você esperaria que ele superasse o GMA 3150 da Intel em processadores Atom. Você esperaria que ele atingisse o nível de uma unidade gráfica ION em termos de desempenho gráfico.

System info CPUZ CPU
System info CPUZ Cache
System info CPUZ Mainboard
System info CPUZ RAM
System info CPUZ RAM SPD
System info CPUZ RAM SPD
System info GPUZ
System info DPCLatency
Informação do Sistema do HP Pavilion dm1-3180eg

Agora damos uma olhada nos resultados dos benchmarks de CPU. O programa SuperPi precisou de 51 segundos para calcular Pi com um milhão de posições decimais, 113 segundos para dois milhões de decimais e finalmente 2539 segundos para 32 milhões de decimais. Isto coloca o CPU E-350 entre 89 e 98 por cento mais veloz para estes cálculos single-core que portáteis com o processador Intel Atom N550. Para esta comparação nós usamos o  Acer Aspire One D255 (1m: 101s, 2m: 222s, 32m: 4893s) e o Asus Eee PC 1015PN (1m: 97s, 2m: 218s, 32m: 4793s). O CPU dual-core C-50, também da AMD, vence o E-350 por entre 46 e 50 por cento (Toshiba NB550D: 1m: 76s, 2m: 170s, 32m: 3716s). O CPU Atom D525 funciona um pouco mais lento que o C-50, com o E-350 superando-o por cerca de 58% (Asus Lamborghini VX6: 1m: 80s, 2m: 178s, 32m: 4011s). Finalmente, o CPU AMD K125 no Aspire One 521 esta quase no mesmo nível do E-350 no benchmark SuperPi.

A pontuação do teste de CPU do 3DMark06 deu os seguintes resultados: nosso netbook Pavilion dm1-3180 terminou com 985 pontos, justo na frente do Asus Lamborghini VX6 que obteve 953 pontos. O Asus Eee PC 1015PN é o seguinte com 814 pontos (21% de vantagem para o dm1), seguido pelo Aspire One 521 com 753 pontos (31% de vantagem para o dm1), o Acer Aspire One D255 (732 pontos, 35% de vantagem para o dm1), e totalmente derrotado, no último lugar, o Toshiba NB550D (AMD Fusion C-50) com 625 pontos (58% de vantagem para o dm1).

Como teste final orientado para o CPU que usamos as partes de reprodução dos benchmarks Cinebench R10. Na reprodução single, o processador E-350 funciona cerca de duas vezes mais veloz que um Atom N550. Esta vantage cai para cerca de 40 ou 45 por cento na reprodução multicore, comparado com o Acer Aspire One D255 e o Asus Eee PC 1015PN respectivamente. O CPU C-50 no Toshiba NB550D (AMD Fusion) é derrotado pelo dm1-3180eg por 67% (single rendering) e 72% (multi-rendering). O seguinte candidato, o Asus Lamborghini VX6 (D525), que atingiu uma melhor pontuação de CPU no teste 3DMark06, tem que admitir sua derrota aqui (o dm1 o vence por 70% no single rendering e 21% no multi-rendering). O K125 é um processador de um só núcleo de nível básico feito pela AMD; com ele, o Acer Aspire One 521 atinge uma pontuação 29% melhor que o processador E-350 no nosso modelo de teste no teste single rendering CineBench.

3.7
Índice de Experiência Windows 7
Processador
Cálculos por segundo
3.7
Memória (RAM)
Operações de memória por segundo
5.5
Gráficos
Desempenho da Área de Trabalho para Windows Aero
4.2
Gráficos de jogos
Gráficos 3D empresariais e de jogos
5.7
Disco rígido principal
Velocidade de transferência de dados de disco
5.9
Cinebench R10 Rendering Single 32Bit
1060
Cinebench R10 Rendering Multiple CPUs 32Bit
2080
Cinebench R10 Shading 32Bit
1981
Ajuda

Benchmaks do GPU

Para nossa comparação gráfica olhamos primeiro a pontuação total do 3DMark06: o Asus Lamborghini VX6 (D525 / Nvidia ION 2) lidera com 2.397 pontos (+17% para o VX6), seguido pelo nosso modelo de teste Pavilion dm1-3180eg com 1.981 pontos. Depois disto vem o Toshiba NB550D (HD 6250 AMD Fusion) com 1.448 pontos (+37% para o dm1) e o Asus Eee PC 1015PN (N550 / Nvidia ION 2) com 1.155 pontos (+72% para o dm1). E na parte posterior deste pacote está o Aspire One 521 (K125 / HD 4225) com 1.046 pontos (+89% para o dm1). O CPU Atom da Intel, tendo apenas uma GMA 3150 integrada no núcleo, consegue apenas 140 pontos e, portanto, esta bem longe das outras. A solução gráfica ION 2 da Nvidia, supostamente está quase no mesmo nível da HD 6310, mas em combinação com CPUs diferentes é um pouco contido, como pode ser claramente visto no Eee PC 1015PN, ou acelerado, como no caso co o Asus VX6.

No teste Shading CineBench nosso modelo de teste resultou ser a opção mais convincente com 1.981 pontos. O Acer Aspire One (HD 4250) esta justo atrás com 1.822 pontos. As notícias emocionantes: a GMA HD da Intel, por exemplo, a solução gráfica usada nos mais potentes processadores Core i, esta justo na frente com até 2.,178 pontos.

O Asus 1015PN com gráficos ION 2 e CPU N550 da Intel apenas consegue 1.016 pontos aqui. A GMA 3150 no Atom N550 apenas consegue cerca de 285 pontos. Outro resultados de benchmark podem ser encontrados em nossa comparação de placas de vídeo móveis.

3DMark 2001SE Standard
8824 pontos
3DMark 03 Standard
5719 pontos
3DMark 06 Standard
1982 pontos
Ajuda

Desepenho do Sistema

No teste PCMarkVantage, que considera o desempenho geral produzido pela interação dos componentes de hardware individuais, o dm1-3180eg é o mais alto da nossa lista em nossa comparação de máquinas, principalmente graças à sua pontuação na seção do disco rígido. Nosso modelo de teste marcou 2.277 pontos, um resultado relativamente forte para um netbook, derrotando o Asus Eee PC 1015PN por 25%, o Aspire One 521 por 35%, o Asus Lamborghini VX6 por 38%, o Acer Aspire One D255 por 52% e o Toshiba NB550D (AMD Fusion) por 58%.

Subjetivamente, podemos reportar que o netbook é suficientemente veloz, desde que não muitos aplicativos estejam sendo usados ao mesmo tempo no Windows. Quando você executa múltiplas tarefas, atinge rapidamente os limites do desempenho do netbook. Comparado com netbooks single-core, o dm1 definitivamente dá uma sensação de maior rapidez.

PCMark Vantage Result
2277 pontos
Ajuda

Disco Rígido

O dispositivo de armazenamento massivo é um disco rígido convencional com uma capacidade total de 500 GB. OHitachi HTS725050A9A tem uma velocidade de 7.200 rpm; como você iria esperar, os resultados HDTune e CrystalDiskMark são bons, com altos índices de transferência e bons tempos de acesso. No entanto, de acordo com o HDTune o uso do CPU é relativamente alto com 18,4%.

Hitachi Travelstar 7K500 HTS725050A9A
Velocidade de Transferência Mínima: 12.1 MB/s
Velocidade de Transferência Máxima: 107.5 MB/s
Velocidade de Transferência Média: 81.3 MB/s
Tempo de Acesso: 17.2 ms
Índice de Explosão: 80.9 MB/s
Uso da CPU: 18.4 %

Veredicto do Jogos

Como indicam os benchmarks, o HP dm1 não é capaz de se desempenhar bem com jogos. Os jogos 3D modernos são melhor jogados com a resolução e detalhes mais baixos. Alguns jogos como Resident Evil 2 ou Dirt 2, ainda não podem ser jogados nem com estes ajustes. Jogos menos exigentes, particularmente FIFA 11, demonstraram ser fluidos com ajustes baixos.

baixo média alto ultra
Anno 1404 (2009) 37.41 fps
Colin McRae: DIRT 2 (2009) 19.786 fps
Resident Evil 5 (2009) 17.7 fps
Fifa 11 (2010) 55.187 fps

Emissões

Ruído do Sistema

O ruído do sistema resulta ser um dos pontos fracos do Pavilion dm1-3180eg. O portátil é consistentemente barulhento mesmo com uso leve, com o nível de ruído atingindo 42,1 dB(A). Com uso pesado, o ruído do ventilador aumenta, levando o nível de ruído até barulhentos 47.6 dB(A). O disco rígido também vibra o tempo todo, fazendo com que o ruído parece ainda mais alto.

 

Barulho

Ocioso
39.6 / 39.6 / 42.1 dB
Carga
43.2 / 47.6 dB
  red to green bar
 
 
30 dB
silencioso
40 dB(A)
audível
50 dB(A)
ruidosamente alto
 
min: dark, med: mid, max: light   Voltcraft SL-300 Plus (15 cm de distância)
Teste de estresse
Teste de estresse

Temperatura

Durante as típicas atividades de netbook, como os uso de internet e office, o case se mantém frio o tempo todo. Conforme a carga do CPU aumenta, as temperaturas aumentam. As leituras máximas foram tomadas durante um teste de estresse de várias horas e com uso de 100% do CPU e GPU. Mas mesmo nesta situação as superfícies de trabalho se mantiveram sempre frias. Partes do lado inferior atingiram mais de 40 graus C, o qual significa que não é aconselhável tê-lo sobre as pernas quando trabalha com carga pesada. No entanto, nem o estresse causado pelos jogos exigentes foi tão alto como o atingido durante o teste de estresse. Dentro do netbook, a temperatura da placa de vídeo e processador chegam até um máximo de 78 e 77 grau C respectivamente, que ainda está no campo verde.

Carga Máxima
 32.1 °C27.5 °C24.3 °C 
 34.3 °C30.9 °C25.3 °C 
 31.7 °C26.4 °C23.2 °C 
Máximo: 34.3 °C
Médio: 28.4 °C
38.4 °C30.9 °C27.7 °C
42.3 °C33.4 °C28.4 °C
40.5 °C33.9 °C26.6 °C
Máximo: 42.3 °C
Médio: 33.6 °C
alimentação elétrica  38.6 °C | Temperatura do quarto 24 °C | Raytek Raynger ST
(+) The average temperature for the upper side under maximal load is 28.4 °C / 83 F, compared to the average of 29.8 °C / 86 F for the devices in the class Netbook.
(+) The maximum temperature on the upper side is 34.3 °C / 94 F, compared to the average of 33.1 °C / 92 F, ranging from 21.6 to 53.2 °C for the class Netbook.
(±) The bottom heats up to a maximum of 42.3 °C / 108 F, compared to the average of 36.6 °C / 98 F
(+) In idle usage, the average temperature for the upper side is 28.6 °C / 83 F, compared to the device average of 29.8 °C / 86 F.
(+) The palmrests and touchpad are cooler than skin temperature with a maximum of 31.7 °C / 89.1 F and are therefore cool to the touch.
(-) The average temperature of the palmrest area of similar devices was 29.3 °C / 84.7 F (-2.4 °C / -4.4 F).

Alto falantes

Você pode ler as palavras “Dolby Advanced Audio” na grade dos alto falantes Altec Lansing na borda frontal inclinada do netbook. E, de fato o som está surpreendentemente balanceado e claro, embora faltem os baixos, como era de se esperar. O som não tem distorções e está livre de ruídos mesmo no volume máximo, o qual é suficiente para o uso em interiores.

O netbook de11polegadas somente tem uma entrada combinada para fones/microfone. A qualidade do som através dos fones estava livre de ruído (sem medições).

Duração da Bateria

Máxima duração da bateria (Reader's Test)
Reader's Test
Mínima duração da bateria (Classic Test)
Classic Test
Recarregando
Recarregando

O nosso modelo de teste dm-3180eg vem com uma bateria de lítio íon com umas capacidade de 55 Watt hora. Pode atingir uma capacidade máxima de quase 10 horas no teste Battery Eater Reader, com uso leve, o perfil de economia de energia, wireless desligado e brilho da tela no mínio.

Quando se executa uma carga pesada, como é simulado pelo teste Battery Eater Classic com máximo brilho da tela, o perfil de alto desempenho e wireless ligado, ainda dura 2 horas e 39 minutos. Com uso leve e um bom brilho da tela, o usuário pode esperar cerca de7 horas e 22 minutos enquanto navega pela internet sem fios.

É assim como os portáteis já mencionados na seção de Desempenho avançam em termos de duração da bateria: na frente está o Toshiba NB550D (AMD Fusion) com o processador C-50 e placa de vídeo Radeon HD 6250, que também oferece a maior bateria de 60 Wh. Porém, curiosamente, é supeerada no teste Classic pelo Acer Aspire One D255 (Atom N550, GMA 3150) que toma a segunda posição com uma bateria de 49 Wh e tem um desempenho muito menor que o nosso modelo de teste. Depois disso vem o nosso netbook dm1 com uma bateria de 55 Wh e o Asus 1015PN com uma bateria de 47 Wh, que é quase igual quando se trata da duração da bateria. O Asus Lamborghini VX6 e Acer Aspire 521, definido as posições 4 e 5.

Tempo de Execução da Bateria
Ocioso (sem WLAN, min brilho)
9h 56min
Navegar com WLAN
7h 22min
Carga (máximo brilho)
2h 39min

Como era de se esperar com este hardware integrado, o consumo de energia do netbook se mantém dentro de limites razoáveis. O dm1 marca pontuações altas para este excelente uso mínimo de energia de apenas 5,5 Watts, e apenas consome 21 Watts sob estresse. O adaptador de energia é do tamanho adequado para isto e, portanto, não esquenta demais. As leituras de energia do netbook em modo standby e quando está desligado também foram agradavelmente baixas.

O processador dual-core E-350 (incluindo unidade gráfica) tem um TDP que é significantemente maior que os dos processadores ULV Atom e Arrandale. Mas o chip gráfico integrado também é significantemente mais veloz. Em termos e baixo uso de energia, o Acer Aspire One D255 fecha a nossa lista de comparações. Depois disso vem nosso modelo de teste e o Toshiba NB550D (AMD Fusion) que estão quase no mesmo nível, seguidos pelo Aspire One 521. Os dois portáteis ION 2, o Asus Eee PC 1015PN e o Asus Lamborghini VX6, consumem mais energia.

Consumo de energia
desligadodarklight 0.3 / 0.4 Watt
Ociosodarkmidlight 5.5 / 6.7 / 11.3 Watt
Carga midlight 17 / 21 Watt
 color bar
Key: min: dark, med: mid, max: light        Voltcraft VC 940 // VC 960

Veredicto

O Pavilion dm1-3180eg marca uma pontuação alta comparado com muitos de seus netbooks rivais graças ao seu desempenho gráfico mais avançado. Porém, deve lembrar-se que isto não faz com que o netbook se transforme num multimídia ultra móvel ou máquina para jogos, nem de perto. Jogos modernos e exigentes irão se executar com detalhes mínimos, se for o caso. Mas os netbooks simplesmente não foram criados para este fim. A unidade gráfica provavelmente seja mais útil para codificar vídeos HD, por exemplo.

Este modelo de teste também demonstra ter um desempenho decente de aplicativos, graças ao seu veloz disco rígido de 7.200 rpm. Mas deve tentar não ter muito aplicativos abertos ao mesmo tempo. Um ponto fraco deste netbook é a constante vibração do disco rígido, e o ruído do ventilador, que é quase sempre audível e algumas vezes bastante barulhento.

A longa duração da bateria e baixo consumo de energia são características excelentes. É uma pena que o pequeno e leve netbook não seja adequado para qualquer situação móvel – a superfície brilhante da tela produz reflexos que distraem, não apenas em exteriores, mas também em interiores sob certas condições de iluminação.

Aqueles que estão em constante movimento irão descobrir que o Pavilion dm1 é um pequeno e leve companheiro para viagens, com algumas falhas, como a tela altamente refletiva. O preço também é relativamente alto para um netbook de quase €450, mesmo o desempenho estando entre os melhores, para um netbook. A plataforma integrada AMD Fusion foi surpreendentemente boa comparada com a mais recente solução da Intel...

Em Análise:  HP Pavilion dm1-3180eg
Em Análise: HP Pavilion dm1-3180eg

Especificações do portátil

HP Pavilion dm1-3180eg (Pavilion dm1 Serie)
Processador
AMD E-350
Placa gráfica
Memória
3072 MB 
Pantalha
11.6 polegadas 16:9, 1366 x 768 pixel, AUO305C, Brilhante: sim
placa mãe
AMD A50M
Disco rígido
Hitachi Travelstar 7K500 HTS725050A9A, 500 GB 
, 7200 rpm
Placa de Som
IDT 92HD81B1X @ ATI SB800
Conexões
3 USB 2.0, 1 VGA, 1 HDMI, 1 Kensington Lock, Conexões Audio: Conectro combinado para fones/microfone, Card Reader: Leitor de cartões 2-em-1 para cartões SD e MMC
Funcionamento em rede
Realtek PCIe GBE Family Controller (10/100/1000/2500/5000MBit/s), Ralink RT5390 802.11 b/g/n WiFi Adapter (b/g/n = Wi-Fi 4), Bluetooth Ralink Motorola BC8 Bluetooth 3.0+HS Adapter
Tamanho
altura x largura x profundidade (em mm): 21 x 290 x 214
Bateria
55 Wh Lítio-Ion
Sistema Operativo
Microsoft Windows 7 Home Premium 32 Bit
Camera
Webcam: Webcam mit integriertem Digitalmikrofon (VGA)
Características adicionais
12 Meses Garantia
peso
1.56 kg, Suprimento de energia: 360 g
Preço
449 Euro

 

Bildgeschichte mit Bildunterschriften (getrennt per Enter für jedes Bild)
Bitte in Alternative Text und Title Text ebenfalls kopieren

Portáteis similares

Portáteis com o tamanho de tela e peso

Breve Análise do Portátil HP Pavilion TouchSmart 11-e000sb
Radeon HD 8210, A-Series A4-1250, 11.6", 1.4 kg
Breve Análise do HP Chromebook 11
Mali-T604 MP4, Exynos 5250 Dual, 11.6", 1.044 kg
Análise do Netbook HP Mini 5103
Graphics Media Accelerator (GMA) 3150, Atom N550, 10.1", 1.37 kg

Portáteis do mesmo fabricante

Encrenca em dobro: Breve Análise do Portátil HP Omen X 2S 15
GeForce RTX 2070 Max-Q, Core i7 9750H, 15.6", 2.38 kg

Links

  • Informação do fabricante

Compare preços

Pro

+Longa duração da bateria
+Baixo consumo de energia
+Bom teclado
 

Contra

-Tela refletiva
-Barulhento
-Touchpad deficiente

Resumindo

Do que gostamos

Ver a AMD pressionado a Intel na arena dos netbooks.

O que gostaríamos de ver

Sobre tudo, uma tela mate, e funcionamento silencioso durante o uso de escritório.

O que nos surpreendeu

Que a HP estrague a excelente portabilidade deste netbook usando uma tela refletiva.

A concorrência

Já existem uma variedade de netbooks lá fora. Quem procure por maior desempenho gráfico também poderia dar uma olhada nos netbooks ION 2, como o Asus Lamborghini VX6 ou o Eee PC 1510PN. Outra alternativa seria o Acer Aspire One 521 em uma plataforma AMD.

Rating

HP Pavilion dm1-3180eg - 03/07/2011 v2(old)
Martina Osztovits

Acabamento
82%
Teclado
97%
Mouse
78%
Conectividade
68%
Peso
91%
Bateria
92%
Pantalha
65%
Desempenho do jogos
56%
Desempenho da aplicação
68%
Temperatura
88%
Ruído
58%
Impressão
81%
Médio
77%
81%
Netbook - Médio equilibrado
Please share our article, every link counts!
> Análises e revisões de portáteis e celulares > Análises > Análises > Arquivo de análises próprios > Análise do Netbook HP Pavilion dm1-3180eg
Martina Osztovits, 2011-04-19 (Update: 2013-06- 6)