Notebookcheck

Análise do Portátil Dell Inspiron 1525

Mais do que apenas Office.

O Dell Inspiron 1525 marca pontos não apenas em aspectos típicos dos portáteis de escritório, como também em aspectos de multimédia. Para além de uma boa qualidade, um teclado ergonómico e um desenho limpo, também oferece, por exemplo, uma porta HDMI. Dentro, e para assegurar o desempenho, está um processador Dual Core da Intel e dois GB de RAM.

Análise Toshiba Portégé R500 Logo

Chassis

O Dell Inspiron 1525 parece tudo menos aborrecido. Doze tampas com desenhos diferentes trazem uma bem-vinda variedade à vida com portáteis. Um agradável 'Matte Black', 'Flamingo Pink' e padrões coloridos, como o 'Chill', estão disponíveis, sendo quase certo de irá encontrar um que lhe agrade. O portátil analisado veio em preto e branco com padrão 'Commotion' e atraiu a atenção de colegas, amigos e transeuntes. Todos pareciam interessados e intrigados.

Por dentro, o Dell Inspiron 1525 é elegante, e bem desenhado. O cinza escuro continuo e o plástico prateado fica aquém de algumas pequenas aplicações metálicas e dos perfeitamente integrados altifalantes, localizados acima do teclado. Uma característica agradável: A barra multimédia dá as boas-vindas ao utilizador com uma luz elegante quando se liga.

 

 

 

 

É relativamente evidente que o Dell Inspiron 1525 não pertence ao grupo de portáteis mais finos do mercado. A altura deste portátil de 15.4 polegadas varia entre 4.1cm e 3.1cm. Como que para compensar esse facto, pesa apenas 2.8kg com a bateria colocada, o que é razoável para um portátil desta categoria. O transformador pesa 364g.

A qualidade de construção deste portátil da Dell aparenta ser boa. Apesar de algumas pequenas falhas no que diz respeito a folgas entre painéis e arestas, as vantagens do chassis rígido largamente compensam as desvantagens. Mesmo aplicando uma força considerável na zona onde se apoiam as mãos, esta não cede facilmente. Ruídos parasitas podem apenas ser provocados perto da zona onde se encontra a drive óptica. Em relação à suavidade de toque dos materiais utilizados, pode-se dizer que é boa. As superfícies mais ásperas, especialmente na zona de apoio das mãos é insensível a sujidade e a pequenas arranhadelas, e é assim que devem ser.

 

No entanto, o desenho do ecrã não muito bom. Falta um gancho de transporte. O ecrã é mantido fechado apenas pelo seu peso e pelo atrito das duas dobradiças - uma concepção discutível. Se fecharmos o Dell Inspiron 1525 e o virarmos ao contrário segurando-o apenas pela sua base, imediatamente aparece uma abertura de quase dois centímetros entre a base e o ecrã.  Assim, sujidade ou mesmo objectos pontiagudos poderão facilmente entrar quando se transporta este portátil. Apesar de não ter tão bom aspecto, a Dell deveria voltar a usar pelo menos um gancho com o respectivo botão deslizante na moldura do ecrã. Tirando a ausência do gancho de transporte, a qualidade de construção e dos materiais do Dell Inspiron 1525 são na sua globalidade bons.

Equipamento de Interface

Em relação ao equipamento de interface deste portátil da Dell, este consegue ser ainda melhor que alguns portáteis multimédia. Para além de quatro portas USB, Firewire, uma boa câmara alojada dentro da moldura do ecrã e um leitor de cartões, existe ainda uma saída digital HDMI, que é onde esta máquina realmente marca pontos. Televisões LCD e ecrãs planos, os últimos quase sempre com um adaptador, conseguem ser ligados em segundos e asseguram uma imagem de alta qualidade. Um pequeno controlo remoto aumenta a agradabilidade de utilização. Uma saída analógica VGA e S-Video também estão presentes. Uma saída de som digital não está disponível.

O Dell Inspiron 1525 liga-se à Internet quer através de LAN, WLAN ou ainda através de uma já ultrapassada ligação de modem. Bluetooth e HSDPA estão apenas disponíveis como opção - a última apenas presente em portáteis de uso empresarial mais dispendiosos.

Frente: Áudio, Leitor de Cartões
Frente: Áudio, Leitor de Cartões
Lado Esquerdo: Fecho Kensington, Ligação à Corrente, 2x USB, VGA, LAN, Modem, HDMI, Firewire
Lado Esquerdo: Fecho Kensington, Ligação à Corrente, 2x USB, VGA, LAN, Modem, HDMI, Firewire
Trás: Bateria
Trás: Bateria
Lado Direito: ExpressCard/54, Gravador DVD , S-Video, 2x USB
Lado Direito: ExpressCard/54, Gravador DVD , S-Video, 2x USB

Dispositivos de Entrada

A disposição do teclado do Dell Inspiron 1525 segue os habituais standards e pode assim, ser usado de forma intuitiva e sem problemas. Todas as teclas são suficientemente grandes e estão bem localizadas. Contudo, devido ao plástico fino e à sua superfície muito suave  as teclas não aparentam ter a mesma qualidade que as da mais cara série Latitude. Mesmo assim, a sensibilidade das teclas é muito boa. Todas a teclas estão bem ligadas na sua base, que por sua vez é bastante sólida. Concluindo, o teclado está preparado para trabalhar intensivamente.

O touchpad provocou alguns problemas durante a análise. No global, reage com precisão. O seu tamanho torna a navegação sem rato muito fácil para principiantes. Infelizmente, é por vezes teimoso. Especialmente se existe uma carga elevada no processador ou se o portátil é reactivado do estado de stand-by, o touchpad recusa-se a reagir durante alguns segundos. Dentro  do mesmo período de tempo, nós não tivemos qualquer problema em mover o cursor do rato usando um rato externo - estranho.

Teclado do Dell Inspiron 1525
Teclado
Touchpad do Dell Inspiron 1525
Touchpad

Ecrã

Medidas ao Ecrã
Diagrama de côr

Quando escrevíamos,  existiam três ecrãs diferentes disponíveis para o Dell Inspiron 1525. Todos eram ecrãs de 15.4 polegadas, mas diferiam uns dos outros no que diz respeito à resolução e à superfície.  O portátil analisado veio com um ecrã reflectivo TrueLife-LCD com resolução WXGA (1280x800 pixel), que é a resolução tipicamente usada por portáteis desta categoria. De acordo com a Dell, as suas vantagens são basicamente as cores vivas e um bom contraste. 

A primeira afirmação provou-se ser verdade durante a nossa análise. À primeira vista, as imagens de referência parecem ser atraentes, e claras. Tipicamente, a qualidade das imagens depende mais do ângulo de visão vertical. Este ecrã encontra-se ainda dentro da média para esta gama de portáteis.

229
cd/m²
257.8
cd/m²
231.1
cd/m²
238.7
cd/m²
251.8
cd/m²
220.5
cd/m²
241.2
cd/m²
228.4
cd/m²
237.2
cd/m²
Distribuição do brilho
Máximo: 257.8 cd/m² Médio: 237.3 cd/m²
iluminação: 86 %
Contraste: 180:1 (Preto: 1.4 cd/m²)

No exterior, este LCD teve um desempenho não muito bom. Em primeiro lugar os reflexos tiveram um impacto negativo na qualidade da imagem. Em segundo lugar, o ecrã abana quase permanentemente quando se está a usar o teclado, o que faz com que os reflexos se tornem ainda mais incomodativos. Contudo, na sombra pode-se trabalhar confortavelmente com este portátil. Se não necessitar de retocar imagens, o brilho e o contraste são suficientes.

Os resultados das medidas foram muito razoáveis. Um brilho máximo de 237.3cd/m2 é muito bom. A iluminação aparenta ser uniforme. A única fraqueza foi descoberta usando uma imagem com fundo preto, onde a iluminação do ecrã é demasiado forte, resultando num  contraste de apenas 183:1.

Ângulos de Visão do Dell Inspiron 1525
Ângulos de Visão do Dell Inspiron 1525
Ângulos de Visão do Dell Inspiron 1525
Ângulos de Visão do Dell Inspiron 1525
Ângulos de Visão do Dell Inspiron 1525
Ângulos de Visão do Dell Inspiron 1525
Ângulos de Visão do Dell Inspiron 1525
Ângulos de Visão do Dell Inspiron 1525

Desempenho

O Dell Inspiron 1525 é baseado na actual tecnologia Santa Rosa da Intel. Dependendo da configuração escolhida na loja on-line da Dell, podemos ter um processador Core-2-Duo ou um Celeron  com várias velocidades de relógio elevadas ou mais baixas. O portátil analisado veio com um Core-2-Duo T5500 com uma frequência de relógio de 1.66GHz e dois MByte de Cache L2. Apoiado por dois GByte DDR2-RAM e um disco rígido de 160GByte, o desempenho deste conjunto é mais do que suficiente para trabalhar sem problemas. Contudo, se tentar retocar umas fotografias usando, por exemplo, o Photoshop vai sentir que o desempenho poderia ser melhor. Este aspecto, no entanto, não pertence ao trabalho típico de um portátil de gama base.

Os resultados dos testes de desempenho do Dell Inspiron 1525 são típicos desta classe de portáteis. No teste PCMark05, alcançou uns bons 3600 pontos, no Cinebench R10 obteve 3069 pontos. Muito por causa da solução  de vídeo integrada da Intel, o 3DMark não mostrou resultados muito bons. .A mais recente série de testes resultou em 536 pontos, o que prova que os actuais jogos não se destinam à Intel GMA X3100. Aproximadamente 10 fps no Doom 3 mostram as limitações desta placa integrada, no que diz respeito à ultima geração de jogos.

desempenho do disco rígido não correspondeu às nossas expectativas. Apesar do disco de 160 GByte não ser dos mais recentes, já se comportou melhor em outros portáteis. A melhor taxa de transferência foi, após vários testes, de apenas 33.3 MByte/s e o tempo de acesso foi de 25 ms. Dentro de outros portáteis, o tempo de acesso de um disco idêntico foi de apenas 16 ms, com uma taxa de transferência de 34 MByte/s sob as mesmas condições - estranho.

 

3DMark 2001SE Standard
4989 pontos
3DMark 03 Standard
1600 pontos
3DMark 05 Standard
837 pontos
3DMark 06
536 pontos
Ajuda
PCMark 05 Standard
3600 pontos
Ajuda
Cinebench R10
 ConfiguraçõesValor
 Rendering Single 32Bit1660 Points
 Rendering Multiple CPUs 32Bit3069 Points
 Shading 32Bit556 Points
Doom 3
 ResoluçãoConfiguraçõesValor
 1024x768Ultra, 0xAA, 0xAF8.2 fps
 800x600High, 0xAA, 0xAF9.8 fps
 640x480Medium, 0xAA, 0xAF9.9 fps
 640x480Low, 0xAA, 0xAF9.7 fps
160 GB - 5400 rpm
Velocidade de Transferência Mínima: 21.2 MB/s
Velocidade de Transferência Máxima: 43.1 MB/s
Velocidade de Transferência Média: 33.3 MB/s
Tempo de Acesso: 24.7 ms
Índice de Explosão: 91.9 MB/s
Uso da CPU: 2.6 %

Emissões

Nível de Ruído

O Dell Inspiron 1525 é bastante silencioso sob uma carga normal de trabalho. Durante trabalho de escritório não exigente ou quando se navega pela Internet, a ventoinha não entra em funcionamento a maior parte do tempo. Quando a ventoinha está desligada e tirando um leve ruído do disco rígido, este portátil é fica quase em silêncio. O silêncio só é mesmo perturbado, algumas vezes, pela súbita entrada em funcionamento da ventoinha de arrefecimento. Apesar de não se poder considerar o ruído da sua entrada em funcionamento perturbador, o que é um facto é que poderia ser feito de forma progressiva.

Quando a carga computacional é elevada, a ventoinha está permanentemente ligada sendo que sua rotação é ajustada ao nível de arrefecimento necessário. Enquanto que os primeiros níveis são aceitáveis, quando a carga sobre o processador se mantém elevada, o silêncio passa a ser coisa do passado e atinge-se um nível de ruído de 47.1 db(A). Contudo, se não se forçar o portátil ao seu máximo durante muito tempo, por exemplo,  editando vídeo, não será afectado por isto.

 

 

Barulho

Ocioso
32.1 / 37.8 / 40.2 dB
HDD
34 dB
DVD
37.5 / 46.4 dB
Carga
42.7 / 47.1 dB
 
 
 
30 dB
silencioso
40 dB(A)
audível
50 dB(A)
ruidosamente alto
 
min: dark, med: mid, max: light    (15 cm de distância)

Temperatura

Na sua globalidade, o aumento de temperatura  do portátil analisado não causa quaisquer problemas. Nem mesmo sob carga intensa, a sua superfície atinge uma temperatura desconfortável. Mesmo após duas horas a correr com carga intensiva a temperatura máxima medida ao nível o teclado foi moderada - 36.4 graus Celsius. Sob estas condições extremas, a parte inferior do portátil atingiu um máximo acima de 48 graus Celsius. Mesmo assim este valor não é nada de preocupante, pois durante trabalho de escritório e de multimédia a temperatura é bem mais baixa.

Carga Máxima
 31.8 °C36.2 °C31.2 °C 
 33.6 °C36.4 °C32 °C 
 31.6 °C34.5 °C31.6 °C 
Máximo: 36.4 °C
Médio: 33.2 °C
35.4 °C34.7 °C29.4 °C
37.8 °C48.4 °C32.8 °C
32.4 °C44 °C31.4 °C
Máximo: 48.4 °C
Médio: 36.3 °C
Temperatura do quarto 23.5 °C

Altifalantes

Existem dois pequenos altifalantes estéreo acima do teclado. Típico nesta classe de portáteis é o seu som que tem pouca definição, nada de especial. Os baixos dificilmente se conseguem ouvir, por outro lado, mesmo no máximo não fazem distorção.

Autonomia

A bateria de 6 células do portátil analisado, tem uma capacidade de 56 Wh. Dependendo da carga, consegue-se uma autonomia entre uma hora e meia a quatro horas e meia. Para além da carga, o brilho do ecrã também tem um forte impacto na duração da bateria. Enquanto que a bateria é gasta pelo funcionamento WLAN e com o brilho do ecrã no máximo em aproximadamente duas horas e meia, com a configuração de poupança de energia, conseguem-se para cima de três horas. Na prática, por exemplo, correndo o aplicações do Office, a bateria teve de ser recarregada após três horas. A Dell tem disponível, como opção, uma  bateria de 85 Wh que aumentará a autonomia do portátil.

Consumo de energia
desligadodarklight 0 / 0 Watt
Ociosodarkmidlight 14.3 / 21.8 / 24.4 Watt
Carga midlight 53.3 / 58.9 Watt
 color bar
Key: min: dark, med: mid, max: light        
Tempo de Execução da Bateria
Ocioso (sem WLAN, min brilho)
4h 39min
Navegar com WLAN
2h 26min
DVD
1h 49min
Carga (máximo brilho)
1h 9min

Conclusão

O Dell Inspiron 1525 provou, na nossa análise, ser uma máquina muito decente para trabalho de escritório e para correr aplicações multimédia. Uma qualidade geral boa, um chassis estável, e dispositivos de entrada ergonómicos são para além das muitas interfaces, as vantagens deste portátil de 15.4 polegadas. Quatro portas USB, uma câmara e também uma porta HDMI são raramente fornecidas num portátil desta classe de preços. O interface de multimédia, chamado Dell MediaDirect, o LCD brilhante e finalmente o controlo remoto, extendem o aspecto multimédia do portátil analisado.

Devido a um rápido processador Core-2-Duo e a dois GB de RAM este portátil torna-se na verdade apto para aplicações multimédia. O Inspiron 1525 é mesmo suficientemente poderoso para que se possam visualizar filmes de alta resolução do seu disco rígido. No entanto, não é definitivamente uma máquina para correr os actuais jogos de computador. A placa gráfica integrada da Intel não é poderosa o suficiente para esse fim.

A concepção do ecrã sem gancho de transporte, o touchpad que nem sempre reagia, e o elevado ruído emanado da ventoinha de arrefecimento, podem na prática não convencer. Considerando todo o pacote, na sua globalidade bom, e também o bom preço, estas pequenas falhas acabam por não ser muito importantes.

Quando foi feita esta análise ao Dell Inspiron 1525, este custava cerca de 700 Euros sem custos de envio. Note-se que a Dell altera com frequência, os preços apresentados na sua loja on-line.

 

Dell Inspiron 1525
Dell Inspiron 1525
Dell Inspiron 1525
Analisado: Dell Inspiron 1525

Especificações do portátil

Dell Inspiron 1525
Memória
2048 MB 
, DDR2 PC5300 667MHz
Pantalha
15.4 polegadas 16:10, 1280x800 pixel, Brilhante: sim
placa mãe
Intel GM965
Disco rígido
160 GB - 5400 rpm, 160 GB 
, 5400 rpm, Seagate ST9160821AS
Placa de Som
Conexant
Conexões
1 Express Card 54mm, 4 USB 2.0, 1 Firewire, 1 VGA, 1 HDMI, 1 S-Video, 1 Modem, 1 Kensington Lock, Conexões Audio: auscultadores, microfone, Card Reader: 8 em 1
Funcionamento em rede
Marvell Yukon 88E8040 PCI-E (10/100MBit), Intel PRO/Wireless 3945ABG (a/b/g), Bluetooth 56K V.92
Unidade ótica
HL-DT-ST DVDRAM GSA-T21N
Tamanho
altura x largura x profundidade (em mm): 3.1 - 4.1 x 35.7 x 24.7
Bateria
56 Wh Lítio-Ion, 11.1 V
Sistema Operativo
Microsoft Windows Vista Home Premium 32 Bit
Características adicionais
12 Meses Garantia
peso
2.79 kg, Suprimento de energia: 364 g
Preço
699 Euro

 

A tampa com a decoração 'Commotion' atrai a atenção.
O disco rígido de 160GB não é muito rápido.
Existe ainda espaço livre dentro do portátil para a instalação de um cartão HSDAP.
...a ventoinha só precisava de funcionar de tempos a tempos, mas quando entrava em funcionamento era bem audível.
Apesar do sistema de arrefecimento do processador ser algo pequeno...
O touchpad recusou-se a trabalhar por algumas vezes durante a nossa análise.
...e durante o seu transporte, torna-se óbvio que o deveria ter.
O portátil não possuí um gancho de transporte...
Apesar do seu aspecto, trata-se de um portátil algo alto.
...o Inspiron 1525 vem também equipado com uma saída HDMI - uma maravilha considerando a classe de preços.
Para além da saída S-Video...
Invulgar, mas que acaba por dar muito jeito, são as portas de som na frente.
O botão esquerdo lança o interface da Dell chamado MediaDirect. Faz com que o ver filmes ou ouvir musica seja possível sem o carregar do sistema operativo.
Os barra de botões multimédia são sensíveis ao toque.
Mas, estão ao mesmo nível das outras partes.
O som emanado dos altifalantes é mediano.
Se olhar com mais atenção ao pormenor, vai mesmo assim encontrar algumas falhas nos acabamentos.
O interior do 1525 é razoável, a qualidade é boa e as superfícies são agradáveis ao toque.
Dependendo da carga, consegue-se até quatro horas e meia de autonomia.

Portáteis Semelhantes

Portáteis de um fabricante diferente e com CPU diferente

Análise do Portátil HP 550
Graphics Media Accelerator (GMA) X3100, Celeron M 550
Análise do Portátil Lenovo 3000 N200
Graphics Media Accelerator (GMA) X3100, Pentium Dual Core T2330
Análise do Notebook Acer Extensa 5220
Graphics Media Accelerator (GMA) X3100, Celeron M 540
Análise Toshiba Satellite L40-14N
Graphics Media Accelerator (GMA) X3100, Pentium Dual Core T2310
Análise do Notebook Sony Vaio VGN-NR11S/S
Graphics Media Accelerator (GMA) X3100, Core 2 Duo T5250
Análise do Notebook HP Compaq 6720s
Graphics Media Accelerator (GMA) X3100, Core 2 Duo T7250

Portáteis com o mesmo GPU

Análise do Portátil HP Compaq 6910p
Graphics Media Accelerator (GMA) X3100, Core 2 Duo T9300, 14.1", 2.33 kg
Análise do Portátil Dell Vostro 1310
Graphics Media Accelerator (GMA) X3100, Core 2 Duo T8100, 13.3", 2.16 kg
Análise do Portátil Fujitsu Siemens Esprimo M9400
Graphics Media Accelerator (GMA) X3100, Core 2 Duo T7300, 14.1", 2.2 kg

Pro

+Chassis Estável
+Boa Qualidade
+Teclado Ergonómico
+Ecrã Brilhante
+Porta HDMI
+Controlo Remoto
+Câmara de Vídeo
+Preço
 

Contra

-Ventoinha
-Problema com o gancho de transporte
-Touchpad nem sempre é rápido a reagir

Avaliação

Dell Inspiron 1525 - 01/20/2008
Kristian Kübeck

Acabamento
81%
Teclado
87%
Mouse
80%
Conectividade
87%
Peso
78%
Bateria
68%
Pantalha
85%
Desempenho do jogos
50%
Desempenho da aplicação
91%
Temperatura
78%
Ruído
67%
Impressão
92%
Médio
79%
81%
Office - Médio equilibrado
Please share our article, every link counts!
> Análises e revisões de portáteis e celulares > Análises > Análises > Arquivo de análises próprios > Análise do Portátil Dell Inspiron 1525
Kristian Kübeck, 2008-03-24 (Update: 2009-07-13)