Notebookcheck

Análise do Portátil HP ProBook 6465b LY433EA

SSD é tudo. Este ProBook é definitivamente destinado para profissionais com sua tela HD+, DisplayPort e estação docking. Mas o portátil possui apenas um fraco AMD quad core.
Jonas Adams (traduzido por Ricardo Soto),

A gama ProBook da HP não é mais aquela coisa boa que costumava ser. As qualidades empresariais foram enfraquecidas em favor dos grandes volumes de vendas, como pode ser visto no ProBook 4730s. Isto supostamente deve fazer os ProBooks mais interessantes também para os consumidores. Mas isso não se aplica à série ProBook B à qual o nosso ProBook 6465b pertence. Isto consiste nas medidas já aprovadas e fornece alguma exclusividade, como uma porta para uma bateria externa.

O ProBook 6465b é idêntico ao seu parente ProBook 6460b me sua maior parte. No entanto, um Sandy Bridge de segunda geração da Intel trabalha no último, enquanto que um processador quad core da AMD está integrado em nosso equipamento de teste.

À diferença do ProBook 6460b que testamos, o portátil AMD possui o mais recente SSD de 128 GB  da Samsung. Isso justifica o preço bastante alto de ao redor de €900. Será que está combinação vale o seu preço?

Case

O design do ProBook 6465b é absolutamente idêntico ao seu irmão Intel, ProBook 6460b. Ele também é completamente cinza e se destaca com superfícies mate resistentes. A tampa é feita de alumínio, mas se flexiona com muita facilidade. Uma reborda de borracha foi colocada ao redor da tela. Supostamente ela evista que a poeira entre no portátil. No entanto, ela não se apóia perfeitamente na a unidade base em um estado fechado e uma pequena brecha permanece, a qual permite que a poeira entre no equipamento.

O lado superior da unidade base é feita de metal cinza escovado. O ProBook demonstra ser muito robusto e dificilmente se flexiona. O lado inferior de plástico preto mate também se sai bem. O plástico somente recua evidentemente embaixo do DVD drive e emite um nefasto rangido.

As dobradiças têm um agarre firme da tela, mas não conseguem evitar que ela se balance completamente. O portátil permanece embaixo graças a seu próprio peso quando é aberto e não sobe junto. O ângulo apertura é de ao redor de 180° e é por isso adequado para qualquer cenário imaginável. O ProBook 6465b possui dois ganchos na frente para o transporte. Eles mantêm a tela assegurada com firmeza na unidade base no estado fechado.

A primeira vista, o ProBook parece um pouco robusto devido à sua construção angular. No entanto, tem uma altura de apenas 38 mm. O portátil não é dos mais leves com 2,4 kg, mas ganha pontos pela qualidade dos materiais e estabilidade.

Conectividade

O portátil está bem equipado e possui muitas interfaces. À esquerda encontramos o conector de força e FireWire 400 além de duas das três portas USB 2.0. Eles ocultam um pouco o leitor de cartões (SD, MMC, Sony Memory Stick, Memory Stick Duo, xD Picture card) localizado embaixo deles. O gravador de DVD e o compartimento ExpressCard 54 estão no lado esquerdo frontal. Além da bateria, LAN Gigabit, VGA e uma coberta com o símbolo de um telefone, onde está instalado um modem em modelos selecionados, estão localizados na parte posterior.

O seguro Kensington obrigatório está à direita do lado da abertura de ventilação. Um DisplayPort, USB 2.0 e uma porta combo para eSATA e USB 2.0 seguem mais para frente. Além disso, uma saída para fones e uma entrada para microfone estão localizados na esquina frontal direita. Infelizmente, um USB 3.0 não está instalado. Também há uma porta docking e um conector para uma bateria externa.

Frente: Sem interfaces
Frente: Sem interfaces
Esquerda: Conector de força, FireWire 400, 2 portas USB 2.0, leitor de cartões, gravador de DVD, ExpressCard 54
Esquerda: Conector de força, FireWire 400, 2 portas USB 2.0, leitor de cartões, gravador de DVD, ExpressCard 54
Traseira: VGA, Gigabit LAN
Traseira: VGA, Gigabit LAN
Direita: Fones, microfone, eSATA/USB 2.0 combo, USB 2.0, DisplayPort, Kensington
Direita: Fones, microfone, eSATA/USB 2.0 combo, USB 2.0, DisplayPort, Kensington
Leitor de Impressões Digitais
Leitor de Impressões Digitais
Estação Docking Avançada
Estação Docking Avançada

Comunicação

O portátil está equipado com WLAN b/g/n, Gigabit LAN e Bluetooth 2.1. um modem interno pode ser comprado opcionalmente para os outros modelos da gama ProBook 6465b, como pode se  ver em nossa análise da contraparte Intel, 6460b.

Software

Como já é costume, hoje em dia, o ProBook é entregue com muitos programas próprios do fabricante que parcialmente não são capazes de fazer mais do que as funções do Windows 7. No entanto, eles estão feitos de forma mais amigável – mesmo se são u pouco mais antiestéticos. Os ProtectTools Security Manager da HP é uma das ferramentas mais úteis. É bastante fácil adicionar impressões digitais para acessar o sistema através do leitor de impressões digitais. Além disso, o Microsoft Office 2010 Starter, Roxio Burn e a versão de teste de 60 dias do Norton Security também foram instalados.

Acessórios

Sendo um portátil empresarial, o ProBook possui bastantes acessórios disponíveis. O equipamento pode ser expandido com quarto portas USB 2.0, até 2 DVI e portas para tela através da porta docking. Uma bateria de 100 Wh pode ser inserida no compartimento no lugar da bateria de 55 Wh incluída. No entanto, ela sobressai um pouco no lado posterior. Além disso, uma bateria adicional pode ser conectada no lado inferior, o qual opcionalmente cobre uma metade (Bateria ST09, 77 Wh) ou o lado inferior inteiro (Bateria BB09, 100 Wh). A opção de bateria maior deveria fornecer facilmente uma duração de 24 horas. Fora isso, a bateria externa no lado inferior pode ser facilmente substituída com uma unidade completa.

Garantia

A garantia básica adiciona até um 1 ano de serviço “bring-in”. A garantia pode ser entendida para um serviço mundial no local pra o seguinte dia útil, incluindo proteção contra danos acidentais por cinco anos, por até €600 (Pacotes Care).

Dispositivos de Entrada

Teclado

O teclado consiste de teclas côncavas e retangulares em um design chiclet. A resposta é aceitável e o ponto de pressão é agradável. É preciso se acostumar à disposição: as teclas "DEL" e "Enter" são um pouco pequenas e por isso não podem ser pressionadas diretamente sem olhar. As teclas setas para cima e para baixo foram reduzidas a uma fila e a tecla errada é pressionada com freqüência.

Três teclas de atalho estão localizadas entre o teclado e a tela. Uma habilita/desabilita o módulo WLAN, o Segundo abre o navegador web e o terceiro controla os alto falantes (mute/volume).

Touchpad e Trackpoint

O touchpad possui um tamanho suficiente e suporta as funções multi-touch comuns. Elas podem ser facilmente adaptadas às preferências do usuário nos ajustes Synaptics. Ele responde com precisão às entradas é está delimitado de forma palpável em todos os lados. O touchpad pode ser desabilitado fazendo duplo clique um pequeno ponto branco em sua esquina esquerda superior, que então fica laranja. Este ponto também reativa o touchpad.

Pela primeira vez em um ProBook, o cursor pode ser movido alternativamente com um Trackpoint.  Ele possui uma superfície agradavelmente áspera e controla o cursor com precisão.

Teclado
Teclado
Touchpad
Touchpad
Trackpoint
Trackpoint

Tela

 

Duas versões de telas estão disponíveis para o ProBook 6465b. Primeiro, há uma tela mate com 1366x768 pixels e segundo, uma tela HD+ com 1600x900 pixels como a que está instalado no ProBook 6465b LY433EA. Esta tela mate possui o modelo de nome LP140WD1-TLD2 e vem do fabricante LG. Ela possui uma resolução acima da media de e oferece um espaço de trabalho mais claro devido à maior  superfície da área de trabalho.

 

204
cd/m²
207
cd/m²
198
cd/m²
200
cd/m²
212
cd/m²
204
cd/m²
205
cd/m²
217
cd/m²
214
cd/m²
Distribuição do brilho
LG LP140WD1-TLD2
Gossen Mavo-Monitor
Máximo: 217 cd/m² Médio: 206.8 cd/m²
iluminação: 91 %
iluminação com acumulador: 212 cd/m²
Contraste: 141:1 (Preto: 1.5 cd/m²)

O brilho máximo da tela de 217 cd/m2 é encontrado na área central inferior. Ela fica um pouco mais escura nas laterais e na parte superior. Apesar de tudo, a distribuição do brilho de 91% ainda é bastante boa. O brilho médio de 207 cd/m2 é absolutamente suficiente para o uso em interiores. No entanto, a tela não pode competir com a luz ambiental na luz do sol e é possível trabalhar somente em certos ângulos ao sol.

Felizmente, o revestimento anti-refletivo evita os reflexos perturbantes na tela. O valor de escuridão de 1,5 cd/m2 é bastante alto assim um pixel preto ainda aparece levemente cinza. Isto leva a um contraste miserável de 141:1 e as imagens parecem um pouco embaçadas e opacas na tela.

Exteriores
Exteriores
Luz direta do sol
Luz direta do sol

A tela LG também não cobre o espectro de cores AdobeRGB nem o sRGB. Enquanto a tela nem sequer chega perto do AdobeRGB, quase consegue reproduzir o menos exigente espaço de cores sRGB. NO entanto, uma reprodução de cores adequada somente é relevante para fotógrafos profissionais e designers gráficos.

ProBook 6465b vs. AdobeRGB
ProBook 6465b vs. sRGB

Os ângulos de visão são absolutamente aceitáveis. Tudo ainda é muito legível desde uma perspectiva lateral. As cores desbotam rapidamente quando se olha para baixo e se escurece rapidamente. Mas o conteúdo ainda é bem legível. A tela somente falha quando se olha de cima. Algumas cores se invertem e se escurecem extremamente.

Ângulos de visão: HP ProBook 6465b LY433EA
Ângulos de visão: HP ProBook 6465b LY433EA

Desempenho

O HP ProBook 6465b está disponível em várias configurações. O comprador pode optar pelo processador dual core, AMD A4-3310MX com placa de vídeo Radeon HD 6480G integrada, ou o processador quad core mais potente, A6-3410MX com placa de vídeo Radeon HD 6520G integrada. Uma placa de vídeo dedicada não está disponível. O mais veloz processador quad core está integrado no ProBook 6465b LY433EA.

É fornecida uma RAM de 2 GB ou  4 GB DDR3 com 1333 MHz. A HP escolhe um disco rígido de 320 GB ou 500 GB com velozes 7200 rpm para a memória massiva convencional. É possível optar alternativamente por um veloz SSD com uma memória de 128 GB como em nosso modelo de teste.

Os novos processadores AMD agora se chamam “Accelerated Processing Unit” (APU) e fusionam um chip gráfico, diversos CPUs e o controlador de memória em uma só matriz. O chip gráfico pode suportar o processador nos cálculos. Isto pode economizar energia e a comunicação entre o CPU, GPU e RAM é acelerada.

CPUZ CPU
CPUZ CPU
CPUZ Cache
CPUZ Cache
CPUZ Placa mãe
CPUZ Placa mãe
GPUZ
GPUZ
HWiNFO64
HWiNFO64
Latência
Latência
Informação do sistema: HP ProBook 6465b LY433EA

Processador

O processador, AMD A6-3410MX, funciona com quarto núcleos a 1,6 GHz cada. Quando apenas um núcleo é carregado, pode atingir uma freqüência de 2,3 GHz através do recurso TurboCore 2.0.

Cinebench R10 e R11.5 determinam o desempenho do processador renderizando uma cena tridimensional. Aqui vemos que o processador AMD quad core um pouco desconhecido, A6-3410MX, funciona no mesmo nível do popular Core i3 2310M da Intel. A Série 3 305V5A-S01DE da Samsung, com o mesmo CPU, demonstra um desempenho similar. O bem conhecido Intel Core i5 2410M é claramente superior ao processador AMD com 2,5 pontos no Cinebench R11.5.

Cinebench R10 Rendering Single CPUs 64Bit
2190 Points
Cinebench R10 Rendering Multiple CPUs 64Bit
7209 Points
Cinebench R10 Shading 64Bit
3327 Points
Cinebench R11.5 OpenGL 64Bit
13.17 fps
Cinebench R11.5 CPU Multi 64Bit
2.01 Points
Ajuda

O desempenho geral dos aplicativos no portátil é avaliada no PCMark. O portátil possui uma enorme vantagem que se deve ao veloz SSD e consegue se colocar entre os portáteis de jogos, como o Deviltech Fragbook, com 2420 pontos no PCMark 7. É claro que isso não significa que o portátil pode reproduzir jogos em uma resolução alta. Ela simplesmente não possui o suficiente poder gráfico. No entanto, o SSD pode mais que apenas compensar isso em outras aplicações, como nas habituais tarefas de office.

4.5
Índice de Experiência Windows 7
Processador
Cálculos por segundo
6.4
Memória (RAM)
Operações de memória por segundo
5.9
Gráficos
Desempenho da Área de Trabalho para Windows Aero
4.5
Gráficos de jogos
Gráficos 3D empresariais e de jogos
5.8
Disco rígido principal
Velocidade de transferência de dados de disco
7.7
PCMark Vantage Result
7349 pontos
PCMark 7 Score
2420 pontos
Ajuda

Memória massiva

A memória massiva vem da Samsung e possui uma capacidade comparativamente baixa de 128 GB. Em compensação, não é um disco giratório, e si m uma memória flash que responde de forma muito mais rápida. O disco de estado sólido com o nome longo, MZ7PA128HMCD-010H1, também é conhecido como Samsung PM810 ou série 470. Ele funciona bastante rápido mesmo quando comparado com outros de seu tipo e consegue um índice de leitura seqüencial de mais de 250 MB/s e um índice de leitura de mais de 200 MB/s no benchmark, AS SSD. Por isso, ele supera por pouco equipamentos da mesma série com uma memória de 256 GB. Por outro lado, seus índices de acesso são um pouco mais lentos que o de seus irmão maiores com cerca de 0,37 ms. Mais comparações podem ser encontradas em nossa tabela de benchmarks.

Samsung SSD 470 Series MZ7PA128HMCD-010H1
Velocidade de Transferência Mínima: 190 MB/s
Velocidade de Transferência Máxima: 199.8 MB/s
Velocidade de Transferência Média: 195.8 MB/s
Tempo de Acesso: 0.3 ms
Índice de Explosão: 52.3 MB/s

Solução Gráfica

AMD Radeon HD 6520G está integrada no processador e não nos permite esperar resultados dramáticos. O desempenho está localizado entre a placa HD Graphics 3000  integrada no Intel Core i3 2310M e o Intel Core i5 2410M com 1588 pontos no 3DMark Vantage. No entanto, a placa de video AMD suporta o mais recente padrão DirectX 11, enquanto que a Intel HD Graphics 3000 pode lidar apenas com DirectX 10.1.

3DMark 03 Standard
9614 pontos
3DMark 05 Standard
6139 pontos
3DMark 06 Standard
3322 pontos
3DMark Vantage P Result
1588 pontos
3DMark 11 Performance
552 pontos
Ajuda

Desempenho dos jogos

O portátil dificilmente é adequado para jogar jogos de computador mais complexos. No máximo é possível jogar com os ajustes mais baixos. Isto estragaria a diversão para a maioria dos usuários.

DIRT 3 ainda pode ser muito bem jogado e de forma fluente no nível mais baixo com uma resolução de 800x600 pixels. Isto não é muito divertido em uma tela com uma resolução de 1600x900 pixels. O DIRT 3 ainda pode ser jogado com a resolução nativa quando se usa os ajustes mais baixos. A velocidade dos quadros cai para um máximo de 23 fps, mas normalmente fica sobre os 40 fps. A placa de vídeo fracassa muito rapidamente com ajustes altos e o jogo começa a se afogar.

No Battlefield Bad Company 2, imagem útil nenhuma pode ser reproduzida mesmo com a menor resolução e os ajustes mais baixos. Embora uma velocidade de quadros de 28 fps ainda soa aceitável, é apenas o índice média de atualização; ele cai para 4 fps em cenas exigentes. Os jogos então não são mais um problema.

baixo média alto ultra
Battlefield: Bad Company 2 (2010) 28 24 11 fps
Dirt 3 (2011) 58 17 15 fps

Emissões

Ruído do Sistema

O ProBook é agradavelmente silencioso durante o modo inativo. É dificilmente audível com 32 dB. É de grande vantagem ter um SSD, o qual funciona em silêncio absoluto, ao contrário dos HDs. No entanto, o DVD drive é muito audível e a diversão de um filme e perturbada por bastante altos 38,5 dB em cenas silenciosas. Assim que o processador é colocado sob carga pesada, o ventilador aumenta sua velocidade notavelmente e atinge até 43 dB.

Barulho

Ocioso
31.7 / 31.9 / 35.6 dB
DVD
38.5 / dB
Carga
39 / 42.8 dB
  red to green bar
 
 
30 dB
silencioso
40 dB(A)
audível
50 dB(A)
ruidosamente alto
 
min: dark, med: mid, max: light   Voltcraft sl-320 (15 cm de distância)

Temperatura

O ProBook realmente pode se gabar em termos de temperatura. Ele permanece muito frio com uma máxima de 23°C em modo inativo. Ele dificilmente esquenta mesmo sob cargas pesadas. O ponto mais quente do lado superior é frio 30°C. Ele esquenta um pouco no lado inferior e medimos 36°C na esquina direita inferior. No entanto, isto ainda é muito frio e pode ser usado sobre as pernas.

Carga Máxima
 21.8 °C24.7 °C29.3 °C 
 20 °C24 °C26.8 °C 
 19.3 °C21.6 °C23.4 °C 
Máximo: 29.3 °C
Médio: 23.4 °C
35.6 °C31 °C22.3 °C
24.5 °C32.2 °C21.1 °C
22.4 °C23 °C21.3 °C
Máximo: 35.6 °C
Médio: 25.9 °C
alimentação elétrica  43 °C | Temperatura do quarto 17.4 °C | Voltcraft IR-360
(+) The average temperature for the upper side under maximal load is 23.4 °C / 74 F, compared to the average of 29.4 °C / 85 F for the devices in the class Office.
(+) The maximum temperature on the upper side is 29.3 °C / 85 F, compared to the average of 34 °C / 93 F, ranging from 21.2 to 62.5 °C for the class Office.
(+) The bottom heats up to a maximum of 35.6 °C / 96 F, compared to the average of 36.5 °C / 98 F
(+) In idle usage, the average temperature for the upper side is 19.6 °C / 67 F, compared to the device average of 29.4 °C / 85 F.
(+) The palmrests and touchpad are cooler than skin temperature with a maximum of 23.4 °C / 74.1 F and are therefore cool to the touch.
(+) The average temperature of the palmrest area of similar devices was 28 °C / 82.4 F (+4.6 °C / 8.3 F).
ProBook no teste de estresse
ProBook no teste de estresse

Teste de Estresse

O processador e placa de vídeo são carregados até sua capacidade máxima com o Furmark e Prime95 durante uma hora no teste de estresse. Isto é para determinar se o chip esquenta muito ou se a freqüência do CPU é afogada. Felizmente, ambos os casos não surgiram neste portátil. O ProBook passou este teste bastante bem e também pôde suprir todo o desempenho o tempo todo.

Como era previsível, o ProBook não atinge todo o seu desempenho com energia da bateria. O portátil consegue apenas 1,90 em lugar de 2,01 pontos no Cinebench R11.5 sem o cabo de força.

Alto falantes

Os alto falantes são suficientes para o escritório e reproduz os sons do sistema satisfatoriamente. O resto, como música e vídeos, soa muito diminuto nos pequenos alto falantes. O software de Áudio SRS, que é para melhorar o som, não pode remediar isso. 

Duração da Bateria

Consumo de Energia

Como se esperava, o consumo de energia é muito baixo. O portátil é muito energeticamente eficiente com menos de 10 watts no modo inativo. Isto é controlado pelo eficiente CPU e a solução gráfica integrada. O SSD também é mais eficiente com o uso da energia que um disco rígido convencional.  Ele primeiro consome entre 35 watts durante a carga, o qual ainda é aceitável, 55 watts.

Consumo de energia
desligadodarklight 0.5 / 0.7 Watt
Ociosodarkmidlight 8.6 / 13.2 / 14 Watt
Carga midlight 35.9 / 54.6 Watt
 color bar
Key: min: dark, med: mid, max: light        Voltcraft VC 940
Teste Classic
Teste Classic
Carregando
Carregando

Duração da Bateria

Uma bateria 55 Wh de lítio íon é inserida no ProBook 6465b de forma padrão. No entanto, pode se conectar baterias adicionais através da porta da bateria secundária. Isto pode aumentar a capacidade total até 200 Wh. Mais informação sobre isso pode ser encontrada em "Acessórios".

É possível uma duração de bateria máxima de 7 horas com a bateria incluída. Este índice foi apenas atingido usando todas as opções de economia de energia, desabilitando WLAN e com o nível de brilho mais escuro.

Nosso teste WLAN está muito mais perto da realidade. Aqui navegamos na Internet através do WLAN com brilho médio. O portátil  consegue mais de cinco horas e meia – um bom índice.

Um filme de DVD é reproduzido com o máximo brilho da tela e volume ao máximo no teste de DVD. O portátil pode agüentar o filme mais longo com 3:23 horas. Uma noite de filmes pode ser iniciada com segurança mesmo com bateria sem a carga completa.

Determinamos a mínima duração da bateria com o teste BatteryEater Classic, que reproduz um objeto 3D. O CPU e GPU são colocados sob carga pesada aqui. O ProBook aguenta quase uma hora e meia.

O portátil precisa se quase duas horas para recarregar quando está ligado.

Tempo de Execução da Bateria
Ocioso (sem WLAN, min brilho)
7h 01min
Navegar com WLAN
5h 35min
DVD
3h 23min
Carga (máximo brilho)
1h 28min

Veredicto

HP ProBook 6465b
HP ProBook 6465b

O HP ProBook 6465b LY433EA com AMD A6-3410MX é um portátil de trabalho sólido. O case é robusto e é elegante com o metal polido. A conectividade é diversa e o único que falta são portas USB 3.0. Isto é compensado pelo eSATA, DisplayPort e a porta docking. Além disso, o ProBook pode ser expandido através das portas no lado inferior e pode ser adaptado para atender necessidades individuais.

Os dispositivos de entrada são satisfatórios. É fácil digitar no teclado, mas é necessário se adaptar à disposição. É possível escolher entre touchpad e trackpoint para controlar o cursor. A tela possui uma resolução alta, mas infelizmente oferece uma resolução apenas medíocre. Em compensação, é anti-refletiva e possui ângulos de visão absolutamente aceitáveis.

O desempenho do portátil se beneficia significantemente do SSD instalado e acelera bastante o trabalho do dia a dia. O processador AMD A6 é apenas de gama básica, apesar dos quatro núcleos. Esta quase no mesmo nível de um Intel Core i3 2310M. A placa de vídeo está integrada no processador e não é adequada para tarefas e jogos 3D exigentes.

As emissões são agradavelmente discretas porque o portátil dificilmente esquenta. O ruído do sistema também é aceitável em uso normal. O portátil demonstra ser resistente no teste de estresse e funciona com capacidade total mesmo durante um período longo. O ProBook é muito eficiente com o consumo de energia e, portanto, pode oferecer uma longa duração da bateria.

Sobre tudo, um pacote completo da HP para clientes corporativos e autônomos que também usam as diversas opções de expansão. O preço é um pouco alto para pessoas particulares, considerando que existem portáteis mais potentes disponíveis, por menos. ELes apenas não possuem uma porta docking.

Por cortesia da...
Em Análise:  HP ProBook 6465b LY433EA
Em Análise: HP ProBook 6465b LY433EA, por cortesia da:

Especificações do portátil

HP ProBook 6465b LY433EA (ProBook 6465b Serie)
Processador
AMD A6-3410MX 4 x 1.6 - 2.3 GHz, Llano
Placa gráfica
AMD Radeon HD 6520G, Análises do: 400 MHz
Memória
4096 MB 
, 1x DDR3-1333
Pantalha
14 polegadas 16:9, 1600 x 900 pixel, LG LP140WD1-TLD2, Brilhante: não
Disco rígido
Samsung SSD 470 Series MZ7PA128HMCD-010H1, 128 GB 
Placa de Som
IDT 92HD81B1X @ AMD A60M
Conexões
1 Express Card 54mm, 3 USB 2.0, 1 Firewire, 1 VGA, 1 DisplayPort, 1 Kensington Lock, 1 eSata, 1 Docking Station Port, Conexões Audio: microfone, fones, Card Reader: SD, MMC, Sony Memory Stick, Memory Stick Duo, xD picture card, 1 Leitor de Impressões Digitais
Funcionamento em rede
Realtek RTL8168/8111 Gigabit-LAN (10/100/1000/2500/5000MBit/s), Broadcom 4313 802.11b/g/n (b/g/n = Wi-Fi 4), Bluetooth 2.1+ EDR
Unidade ótica
HP DS8A5LH
Tamanho
altura x largura x profundidade (em mm): 38 x 338 x 234
Bateria
55 Wh Lítio-Ion
Sistema Operativo
Microsoft Windows 7 Professional 64 Bit
Camera
Webcam: HD
Características adicionais
1 Jahr Bring-In Meses Garantia
peso
2.35 kg, Suprimento de energia: 250 g
Preço
900 Euro

 

O ProBook 6465b LY433EA...
O ProBook 6465b LY433EA...
Fácil expansão através do ExpressCard 54.
Fácil expansão através do ExpressCard 54.
Um FireWire 400 também está instalado.
Um FireWire 400 também está instalado.
Outros modelos também estão disponíveis com um modem.
Outros modelos também estão disponíveis com um modem.
Conectores de áudio e eSATA...
Conectores de áudio e eSATA...
...não conseguem compensar a falta de USB 3.0.
...não conseguem compensar a falta de USB 3.0.
Em compensação, encontramos um...
Em compensação, encontramos um...
...conector de estação docking no lado inferior.
...conector de estação docking no lado inferior.
A bateria de lítio íon tem uma capacidade de 55 Wh.
A bateria de lítio íon tem uma capacidade de 55 Wh.
A coberta de manutenção pode ser removida facilmente a través de um seguro.
A coberta de manutenção pode ser removida facilmente a través de um seguro.
Apenas um dos dois compartimentos de RAM está ocupado.
Apenas um dos dois compartimentos de RAM está ocupado.
Os alto falantes são terríveis, mas são suficientes para o escritório.
Os alto falantes são terríveis, mas são suficientes para o escritório.
O SSD pode ser atualizado com facilidade.
O SSD pode ser atualizado com facilidade.
O adaptador de força de 90 watts supre a energia suficiente.
O adaptador de força de 90 watts supre a energia suficiente.
Um amplo ângulo de apertura de ao redor de180°.
Um amplo ângulo de apertura de ao redor de180°.
Um pano incluído evita que a poeira penetre.
Um pano incluído evita que a poeira penetre.
... mostra-se como um parceiro de negócios por excelência...
... mostra-se como um parceiro de negócios por excelência...
...em um case de alumínio...
...em um case de alumínio...
...e com um SSD da Samsung.
...e com um SSD da Samsung.
Ganchos firmes para o transporte.
Ganchos firmes para o transporte.
A tela HD+ é revelada no interior...
A tela HD+ é revelada no interior...
...bem como um teclado chiclet.
...bem como um teclado chiclet.
A parte posterior mostra o logotipo da HP em prateado.
A parte posterior mostra o logotipo da HP em prateado.
Um AMD A6-3410MX e...
Um AMD A6-3410MX e...
...a Radeon HD 6520G integrada funcionam dentro.
...a Radeon HD 6520G integrada funcionam dentro.
O leitor de impressões digitais fornece segurança...
O leitor de impressões digitais fornece segurança...
...bem como o seguro Kensington.T
...bem como o seguro Kensington.T
Também é possível o acesso através de reconhecimento facial.
Também é possível o acesso através de reconhecimento facial.
Três teclas de atalho iluminadas.
Três teclas de atalho iluminadas.

Portáteis Similares

Portáteis com o tamanho de tela e peso

Breve Análise do HP 250 G7: Reciclagem de sucata feita à maneira da HP
GeForce MX110, Ice Lake i5-1035G1, 15.6", 1.78 kg
Breve Análise do Portátil HP ProBook 445 G7: Avançando com Renoir
Vega 6 R4000, Renoir (Ryzen 4000 APU) R5 4500U, 14", 1.6 kg
Portátil de escritório HP 15s-fq1440ng no teste: hardware enganoso - potencial desperdiçado
Iris Plus Graphics G7 (Ice Lake 64 EU), Ice Lake i7-1065G7, 15.6", 1.592 kg

Links

Compare Preços

Pro

+Case robusto e elegante
+Touchpad + Trackpoint
+Longa duração da bateria
+Tela mate HD+
+Baixa s emissões de temperatura
 

Contra

-Tampa flexível
-Falta USB 3.0
-Brilho da tela
-Desempenho do processador igual ao do Core i3

Resumindo

Do que gostamos

O design simples, porém, elegante, bem como as muitas portas e opções de expansão.

O que gostaríamos de ver

O mais recente USB 3.0 e uma tela mais brilhante.

O que nos surpreendeu

Que o SSD aumente o desempenho a tal grau, de acordo com o PCMark.

A concorrência

Dell Vostro 3450Acer TravelMate TimelineX 8481TGDell Latitude E6320HP ProBook 4535s

Rating

HP ProBook 6465b LY433EA - 01/11/2012 v2(old)
Jonas Adams

Acabamento
88%
Teclado
85%
Mouse
87%
Conectividade
81%
Peso
83%
Bateria
85%
Pantalha
77%
Desempenho do jogos
64%
Desempenho da aplicação
90%
Temperatura
94%
Ruído
82%
Impressão
90%
Médio
84%
85%
Office - Médio equilibrado
Please share our article, every link counts!
> Análises e revisões de portáteis e celulares > Análises > Análises > Arquivo de análises próprios > Análise do Portátil HP ProBook 6465b LY433EA
Jonas Adams, 2012-01-28 (Update: 2013-06- 6)