Notebookcheck

Análise do Netbook Acer Aspire One 722

Felix Sold (traduzido por Ricardo Soto), 07/28/2011

Gota d’água. Depois do menor One 522, uma alternativa maior no Acer Aspire One 722, também equipado com uma placa de vídeo AMD Radeon HD 6250, aparece em nosso escritório. Será uma expansão sensata da gama ou será que os efeitos que causa se desaparecerão rapidamente?

A empresa taiwanesa agora possui uma versão atualizada de seu maior representante de  11,6 polegadas disponível, o Acer Aspire One 722. Como o anteriormente analisado Acer Aspire One 522, o equipamento de teste vem junto com um fraco APU AMD C-50 Dual-Core  de 1 GHz (accelerated processing unit) junto com uma unidade gráfica incorporada AMD Radeon HD 6250. Outro dado chave, como uma memória principal de 2 GB DDR3, um disco rígido de 250 GB de capacidade e as interfaces habituais, foram mantidas.

O netbook demonstra modernizações na área do case e tela. Esta última agora possui uma resolução de 1280x720 pixels (HD Ready) e uma superfície do tipo refletiva em um tamanho normal. O modelo anterior ainda tinha a resolução mais fina de 1366x768 pixels com um formato de 16:9.

O equipamento está na faixa habitual de preços para tal configuração a um preço de venda de varejo, de 349 euros, incluindo IVA. No entanto, está etiquetado com um preço um pouco mais baixo que seu predecessor.

Case

Atualizando os interiores, a Acer também remodelou o exterior e agora oferece um design fresco. Parece um pouco mais amigável com suas formas mais arredondadas, a primeira vista. A cor preta também é convincente. Além de suas superfícies de alto brilho, é um pacote coerente que é descontraído pela textura de gota d’água da tampa. Além da alternativa preta, o equipamento também está disponível em azul, vermelho e branco. No entanto, o web site do produto correlacionado alemão ainda não está disponível. A fabricação e acabamento, basicamente oferecem uma boa impressão. Mas as uniões parcialmente mal feitas dos componentes plásticos, em nosso equipamento de teste, dão motivo para reclamos.

O case não é completamente convincente em termos de estabilidade. Uma leve pressão já é suficiente para induzir uma deformação visível no meio. Isto dá ao teclado uma impressão muito esponjosa. A tampa, por outro lado, é suficientemente rígida e somente permite uma distorção marginal. Pressões mais fortes desde o exterior produzem leves marcas de pressão na imagem. No entanto, isto dificilmente ocorrerá durante o uso diário. Duas dobradiças com aparência frágil oferecem um bom agarre. Adicionalmente ao agradável ângulo de apertura de 150 graus, o evidente balanço fica como um pequeno ponto negativo.

A parte inferior do case é aberta agradavelmente e permite o acesso rápido ao usuário ao hardware. A grande escotilha de manutenção pode ser retirada após afrouxar um só parafuso. Há um compartimento para uma memória principal DDR3, bem como para um meio de memória embaixo dele. Haveria espaço para um segundo compartimento de RAM, mas o compartimento necessário não foi soldado. Conseqüentemente, o máximo que pode ser inserido é 4 GB de RAM DDR3. Além disso, também há um compartimento vazio para una mini placa PCI Express. No entanto, não é possível conectar um módulo UMTS, pois não há antenas. Um pequeno solid state drive (SSD), como o SSD da Intel Serie 310, poderia ser uma alternativa factível.

Conectividade

Nada foi alterado no âmbito das interfaces. O padrão habitual sem extra algum, como USB 3.0 é fornecido. Entre outros, há três portas USB 2.0, um leitor de cartões de múltiplos-formatos e um moderno conector HDMI para transmitir vídeo e áudio em alta qualidade. As entradas disponíveis estão distribuídas sobre a parte esquerda e direita do case. Apesar de tudo, teríamos dado as boas-vindas a um posicionamento concentrado mais para trás e uma porta USB 3.0. A parte frontal e posterior não possui opções de interfaces, pois o case é cortado em ângulo na parte frontal, e a bateria de 6 células ocupa todo o espaço atrás.

Esquerda: Força, RJ45, VGA, USB 2.0, HDMI
Esquerda: Força, RJ45, VGA, USB 2.0, HDMI
Direita: Leitor de cartões, áudio, 2 USB 2.0s, seguro Kensington
Direita: Leitor de cartões, áudio, 2 USB 2.0s, seguro Kensington
Frente: Sem interfaces
Frente: Sem interfaces
Atrás: Bateria de 6 células (49 watts horas)
Atrás: Bateria de 6 células (49 watts horas)

Comunicação

A imagem não é quebrada pelas opções de comunicação e o padrão habitual para esta faixa de preços é oferecido. Além do padrão mais recente WLAN 802.11n e suporte para Bluetooth 3.0 +HS, terá que viver sem gigabit Ethernet. O Atheros AR8152 somente suporta as transmissões com 10/100 MBits. Este padrão é suficiente para a maioria dos usuários e não é um ponto grande de crítica.

Provisões

Abrir a caixa provoca uma rápida desilusão porque só as provisões mais necessárias para o uso imediato estão incluídas. Além do netbook, está a bateria de 6 células com 49 watts horas, documentação impressa e o adaptador de 40 watts. Em compensação, os conectores trocáveis para vários países são um destaque. No entanto, somente o conector para o respectivo país onde foi feito o pedido, foi incluído e os outros adaptadores têm que ser pedidos de forma opcional. O pacote de software inclui programas úteis como Office 2010 Starter, Adobe Reader e Skype, além do sistema operacional Microsoft Windows Home Premium (64 bit). Mas, com exceção de alguns programas controladores (teclado, touchpad, etc.) também há muitos programas freeware e software da Acer, os quais não são realmente necessários.

Garantia

A Acer também outorga um período de garantia de 12 meses, incluindo a Garantia Internacional para Viajantes (ITW), neste netbook. Uma olhada a outros fabricantes mostra que uma garantia de 24 meses é outorgada de forma padrão na divisão B2C (business to customer). Você pode escolher entre um período de garantia de 24 ou 36 meses ou um preço entre 45 e 89 euros (RRP).

Dispositivos de Entrada

Teclado

O teclado flutuante (teclado FineTip) é a medida de todas as coisas no setor de netbooks da Acer e também é usado nesta atualização. a sensação da digitação, bem como suas características são as mesmas em todos os outros netbooks do fabricante. No entanto, a impressão subjetiva pode diferir dependendo de cada usuário. Neste caso, o deslocamento das teclas é bastante curto e o ponto de pressão não é claramente palpável. Uma desvantagem é a superfície esponjosa no centro, que poderia afetar a digitação. As teclas importantes têm o tamanho suficiente e estreitam-se nos bordas. A Acer talvez devesse ter usado o da gama do TimelineX (3830TG, 4830TG, 5830TG), com seu teclado ao estilo chiclet, como modelo ideal. Outros fabricantes reconheceram esta tendência e a implementaram.

Touchpad

O touchpad foi modificado e agora está claramente separado do pousa palmas. Este dispositivo de entrada possui o tamanho suficiente com dimensões de 82x43 milímetros (largura x altura) e um diâmetro de superfície usável de 9,2 centímetros. A navegação é facilmente possível graças à superfície levemente áspera e suporte para gestos multi-touch. As teclas do mouse estão embaixo de uma roda brilhante e por isso seu uso não é o ideal. Duas teclas separadas teriam sido subjetivamente mais agradáveis.

Tela

Tela refletiva de 11,6 polegadas (HD)
Tela refletiva de 11,6 polegadas (HD)

Um pequeno passo para trás foi dado em termos da tela. A brilhante AUO (modelo:B116XW03 V2) somente oferece uma resolução nativa de 1280x720 pixels em um formato de 16:9 com uma diagonal de 29,5 centímetros, isto é 11,6 polegadas. Esta inclusive suporta o padrão HD Ready, mas o predecessor imediato, Acer Aspire One 721, poderia servir com una resolução mais alta de 1366x768 pixels. Você não deve se deslocar muito de forma horizontal, enquanto navega com 1280 pixels na largura, mas não faz mal ter uma resolução mais alta para trabalhar de forma agradável na maioria dos casos. Uma possibilidade de aumentar esta conveniência é conectar um monitor através da saída VGA ou HDMI. Desta forma pode-se conseguir uma tela Full HD sem problemas.

A iluminação de LED integrada, não apenas permite uma construção fina, mas também uma iluminação mais brilhante. O netbook está dentro do campo médio habitual com um máximo de 216 cd/m2, respectivamente uma média de 203,6 cd/m2. A iluminação uniforme de toda a superfície, de 89 por cento deve ser valorada de forma positiva. Não notamos uma diferença visível de brilho, ou ofuscação.

193
cd/m²
195
cd/m²
196
cd/m²
198
cd/m²
205
cd/m²
203
cd/m²
211
cd/m²
215
cd/m²
216
cd/m²
Distribuição do brilho
Gossen Mavo-Monitor
Máximo: 216 cd/m² Médio: 203.6 cd/m²
iluminação: 89 %
iluminação com acumulador: 205 cd/m²
Contraste: 164:1 (Preto: 1.25 cd/m²)

As outras medições confirmam a barata imagem da tela TN. O valor de escuridão de 1,25 cd/m2 é um pouco alto e não é possível uma reprodução de um preto saturado. Imagens com fundo escuro, subjetivamente, dão uma impressão de uma cor cinza suave. Outro motivo para crítica é o resultante contraste deficiente (164:1). O equipamento não é adequado para a edição profissional de imagens porque não cobre a referência do espectro de cores sRGB. No entanto, devemos apontar que o econômico netbook concebido para clientes, poderia ganhar pontos neste campo.

O uso em exteriores não é o campo de uso favorecido para o One 722, apesar do alinhamento móvel do netbook. A superfície brilhante da superfície, junto com o brilho médio e índice de contraste, fazem com que seja quase impossível trabalhar sob a luz do sol. Trabalhar em um lugar sombreado ainda é possível com restrições. Em geral, uma fonte de luz direta desde atrás deve ser evitada, inclusive em interiores.

A limitada estabilidade dos ângulos de visão também não é uma surpresa e aponto para uma solução de tela de baixo custo. A reprodução se mantém estável inclusive em ângulos estreitos horizontalmente sem mudanças. Pelo contrário, o desbotamento e a inversão se desenvolvem rapidamente durante movimentos verticais (fechando) em nossa imagem de referência utilizada.

Ângulos de visão: Netbook Acer Aspire One 722-C52kk
Ângulos de visão: Netbook Acer Aspire One 722-C52kk

Desempenho

Além do design fresco, a verdadeira inovação são os interiores atualizados pela AMD. Os principais componentes são um APU AMD C-50 com uma freqüência de 1 GHz e dois núcleos (dual core). Este componente é uma solução de nível básico de AMD que atualmente está encontrando um novo lar em cada vez mais netbooks e quer desafiar a plataforma Intel. No entanto, em contraste com o Intel Atom N550, o APU não apresenta a multiplicação virtual de núcleos (Hyper Threading) e conseqüentemente, também não, o poder de multi-tarefas. O CPU Intel também tem a liderança na freqüência nominal com uma diferença positiva de 500 MHz (1,5 GHz).

Outro grande ponto positivo do novo APU é a unidade gráfica AMD Radeon HD 6250 incorporada com uma freqüência veloz de 280 MHz e suporte para DirectX 11. O fato de que a Acer atualmente não possua um modelo Aspire One 722 com o mais potente APU AMD E-350 e gráficos AMD Radeon HD 6310 mais potente, em seu repertório, é uma pena. Por exemplo, a Asus oferece o Netbook Eee PC 1215B com esta solução por 499 euros (RRP).

System info CPU-Z CPU
System info CPU-Z Cache
System info CPU-Z Mainboard
System info CPU-Z RAM
System info CPU-Z RAM SPD
System info GPU-Z
System info DPC Latency Checker
System info Microsoft Windows 7 Performance Index
Informação do Sistema: Netbook Acer Aspire One 722-C52kk

Os primeiros testes em nosso curso de benchmarks tratam com o desempenho do processador. O APU C-50 atinge satisfatórios 1264 pontos em Cinebench R10 Multi-Thread Rendering (32bit) e por isso move-se na familiar gama de netbooks. O Intel Atom N550, como oponente, ocasionalmente marca melhor, e atinge 1415 pontos neste teste (diferença +10,7 por cento). Pode-se conseguir um aumento ainda maior do desempenho graças ao sistema operacional de 64 bits. No entanto, o processador Intel és descartado, porque estas configurações somente são equipadas com Windows 7 Starter (32 bit). Em português simples, existe una diferença de 8,8 por cento (1264 a 1386 pontos) entre o aplicativo de 32 e 64 bits em nosso equipamento de teste.

O Aspire One 722 somente atinge fracos 0,38 pontos no benchmark de CPU Cinebench R11.5 (64 bits) e por isso está na parte inferior do nosso banco de dados. Vale a pena uma comparação com o mais potente APU AMD E-350 com uma freqüência de 1,6 GHz, embora não haja muitos disponíveis. Este componente atinge 0,6 pontos no Acer Aspire 5253 e lidera por cerca de 33,7 por cento no APU C-50. Em geral, um desempenho de processador pobre que também é notado em uso diário, como a apertura lenta de janelas e tempos de boot mais longos.

Cinebench R10 Shading 32Bit
1325
Cinebench R10 Shading 64Bit
1359 Points
Cinebench R10 Rendering Single 32Bit
665
Cinebench R10 Rendering Multiple CPUs 32Bit
1264
Cinebench R10 Rendering Single CPUs 64Bit
727 Points
Cinebench R10 Rendering Multiple CPUs 64Bit
1386 Points
Cinebench R11.5 OpenGL 64Bit
5 fps
Cinebench R11.5 CPU Multi 64Bit
0.38 Points
Ajuda
2.8
Índice de Experiência Windows 7
Processador
Cálculos por segundo
2.8
Memória (RAM)
Operações de memória por segundo
4.9
Gráficos
Desempenho da Área de Trabalho para Windows Aero
4.1
Gráficos de jogos
Gráficos 3D empresariais e de jogos
5.5
Disco rígido principal
Velocidade de transferência de dados de disco
5.9
3DMark 2001SE Standard
6230 pontos
3DMark 03 Standard
4249 pontos
3DMark 05 Standard
2656 pontos
3DMark 06 Standard
1411 pontos
3DMark Vantage P Result
423 pontos
3DMark 11 Performance
186 pontos
Ajuda

O AMD Radeon HD 6250 pode se diferenciar da contraparte da Intel no desempenho 3D dos benchmarks sintéticos. No entanto, não oferece uma verdadeira diversão nos jogos. Os sub-portáteis com uma placa de vídeo dedicada são recomendados para ambições que vão nesta direção. O 3DMark06 da Futuremark confirma isto com uma pontuação de 1411 pontos a uma resolução de 1280x1024 pixels. O resultado está no terço inferior, como se esperava. No entanto, a diferença com o Intel GMA 3150 no CPU Atom N550 é surpreendente. Esta combinação consegue apenas 144 pontos no Asus Eee PC 1015PEM e deve admitir sua derrota com uma diferença de 89,8 por cento.

Desempenho do Sistema

Os benchmarks de sistemas da Futuremark são uma boa possibilidade para um veredicto breve, preliminar do desempenho. O pacote em nossas mãos atinge um resultado de 1582 pontos em PCMark Vantage. Porém, mais uma vez está no terço inferior do nosso banco de dados. Adicionalmente aos componentes comparativamente fracos, o meio de memória instalado também contribui massivamente a isto. Por exemplo, o HP Mini 5103 ou o Samsung NF210 estão num nível comparável. O novo PCMark 7 confirma este resultado e o Acer Aspire One 722 encontra-se entre este tipo (Asus Eee PC 1015B, Eee PC 1215B).

PCMark Vantage Result
1582 pontos
PCMark 7 Score
747 pontos
Ajuda
Toshiba MK2559GSXP
Velocidade de Transferência Mínima: 19.6 MB/s
Velocidade de Transferência Máxima: 83.4 MB/s
Velocidade de Transferência Média: 63.2 MB/s
Tempo de Acesso: 17.6 ms
Índice de Explosão: 119 MB/s
Uso da CPU: 13.6 %
System info HD Tune Pro 4.6
Benchmark
System info CrystalDiskMark 3.0
Benchmark

O netbook oferece memória suficiente para os dados mais importantes e inclusive mais com uma capacidade bruta de 250 GBs. O Toshiba MK2559GSXP está no campo médio com uma velocidade de 5400 revoluções por minuto e um bus SATA II. O índice máximo de transferência de leitura de 80,8 MB por segundo (CrystalDiskMark) e o índice de acesso bastante lento (AS SSD) confirmam esta posição. Um drive híbrido ou um solid state drive com uma altura de construção de 9 milímetros é recomendável para mais potência. No entanto, a transferência através de SATA III não é suportada.

Emissões

Ruído do Sistema

Ventilador pequeno, baixo nível de ruído. O netbook Aspire One pode ser categorizado desta forma no campo de ruído do sistema. Pudemos medir entre 30,5 e 31,5 dB(A) em modo inativo a uma distância de 15 centímetros. O ventilador ocasionalmente era desativado durante este tempo. O meio de memória e o uso durante a carga estavam dentro de limites, embora o nível de ruído tenha aumentado. O nível consistente de 34,7 dB(A) e a redução de velocidade do ventilador depois de que a carga e finalizada, é agradável.

Barulho

Ocioso
30.5 / 31.3 / 31.5 dB
HDD
30.6 dB
Carga
31.6 / 34.7 dB
 
 
 
30 dB
silencioso
40 dB(A)
audível
50 dB(A)
ruidosamente alto
 
min: dark, med: mid, max: light   Voltcraft SL-320 (15 cm de distância)

Temperatura

A boa impressão do parágrafo anterior pôde ser mantida em termos de temperatura. Os exteriores esquentam notavelmente em modo inativo. Apesar de tudo, a impressão subjetiva do máximo de 32 graus Celsius pode ser descrita como morna. A temperatura aumenta durante a carga e registra-se um pico de até 43,7 graus Celsius. As temperaturas nesta faixa de preços são claramente notáveis e o uso prolongado sobre as pernas poderia resultar desconfortável. Por outro lado, o pousa palmas e o teclado se mantiveram suficientemente frios e a ergonomia não é afetada.

Carga Máxima
 36 °C31.8 °C27.5 °C 
 35.1 °C33.1 °C27.8 °C 
 32.9 °C32.5 °C26.3 °C 
Máximo: 36 °C
Médio: 31.4 °C
29.6 °C36.1 °C43.7 °C
29.7 °C36.7 °C43.3 °C
28.2 °C33.1 °C33.5 °C
Máximo: 43.7 °C
Médio: 34.9 °C
alimentação elétrica  35.8 °C | Temperatura do quarto 21.7 °C | Voltcraft IR-360

Alto falantes

Há um alto falante estéreo tanto à direita como à esquerda, embaixo do pousa palmas. A qualidade de seu som é suficiente para podcasts simples, pois os tonos altos são reproduzidos claramente e inclusive altos níveis do volume não produzem distorções. Como basicamente carece de tons profundos e baixos, a reprodução de música ou filmes com eles não é recomendável. O conector estéreo de 3,5 mm ou a saída HDMI permite a conexão de soluções externas de alta qualidade. Ambas as opções conseguiram garantir uma transmissão prefeita em um teste de som.

Duração da Bateria

Mínima duração da bateria (Teste Classic)
Teste Classic

Os componentes de economia de energia e a bateria de 6 células são para garantir durações típicas de netbooks. O adaptador de força é o suficientemente grande para isto com uma capacidade de 49 watt horas (Wh), ou 4400 mAh, inclusive se outros fabricantes oferecem uma alternativa maior. A ferramenta BatteryEater oferece dois testes padronizados que estimam os limites superior e inferior com o teste Classic e Reader. O possível intervalo entre 3 horas e 15 minutos até um máximo de 10 horas e 42 minutos, convence, e está dentro de uma faixa aceitável para esta configuração de hardware. Adicionalmente a ambas as avaliações extremas, o teste "navegando através  de WLAN" oferece um cenário prático. São possíveis, ainda boas 6 horas e 34 minutos longe da tomada com brilho agradável da tela e adaptador WLAN habilitado com a bateria incluída.

Tempo de Execução da Bateria
Ocioso (sem WLAN, min brilho)
10h 42min
Navegar com WLAN
6h 34min
Carga (máximo brilho)
3h 15min

Os baixos índices de consumo concordam com as durações oferecidas. O netbook permanece modesto com um máximo de 9,5 watts em modo inativo. Por isso, é parcialmente melhor que configurações com um  Intel Atom N550. Logicamente, o consumo aumenta durante a carga e o AMD Radeon HD 6250 incorporado é percebido durante esta operação. Um máximo de 17,3 watts são necessários, enquanto que a diferença com o CPU Intel agora é leve, o consumo em um estado desativado ou standby não mostra irregularidades.

Consumo de energia
desligadodarklight 0.1 / 0.2 Watt
Ociosodarkmidlight 7 / 9 / 9.5 Watt
Carga midlight 15.9 / 17.3 Watt
 color bar
Key: min: dark, med: mid, max: light        Voltcraft VC-960

Veredicto

O Acer Aspire One 722 finaliza o portfólio de netbooks com o mais recente APU AMD C-50 e unidade gráfica Radeon HD 6250 incorporado. Em termos de desempenho, o pacote fornecido não é nada novo e o oponente da Intel deve ser preferido para o desempenho puro de escritório. O design fresco, o repertorio padrão de interfaces e a fácil capacidade de extensão, são pontos positivos. A falta de estabilidade do case na área central, o habitual escasso conteúdo de entrega e a tela refletiva estão no outro lado da moeda. Em contraste ao predecessor, a Acer dá um passo para trás e só oferece 1280x720 pixels em lugar de 1366x768 pixels, como o representante mais pequeno, Acer Aspire One 522.

Além de suas qualidades positivas, como as baixas emissões em modo inativo e um sistema de esfriamento silencioso, a temperatura durante a carga e os convencionais alto falantes estéreo têm que ser criticados. No entanto, é uma oferta aceitável de Taiwan. Gostaríamos de ter visto o mais potente AMD E-350 e com isso uma vantagem sobre a alternativa de 10 polegadas, bem como um período de garantia mais longo por 349 euros.

Em Análise: Netbook Acer Aspire One 722-C52kk
Em Análise: Netbook Acer Aspire One 722-C52kk

Especificações do portátil

Acer Aspire One 722-C52kk (Aspire One 722 Serie)
Processador
AMD C-50 1 GHz
Placa gráfica
AMD Radeon HD 6250, Análises do: 280 MHz, DirectX 11, Shader 5.0, 8.802.2.1000
Memória
2048 MB 
, fabricante: Hynix (Hyundai Electronics), HMT325S6BFR8C-H9, DDR3-10600S, 1066 MHz, máximo 4 GBs, 1 compartimento
Pantalha
11.6 polegadas 16:9, 1280x720 pixel, AUO B116XW03 V2, WXGA, LED, diagonal: 29,5 centímetros, Brilhante: sim
placa mãe
AMD A50M
Disco rígido
Toshiba MK2559GSXP, 250 GB 
, 5400 rpm
Placa de Som
HD Audio
Conexões
3 USB 2.0, 1 VGA, 1 HDMI, 1 Kensington Lock, Conexões Audio: saída para fones, entrada para microfone, Card Reader: 5-em-1 (MMC, SD, MS, MS PRO, xD), RJ-45
Funcionamento em rede
Atheros AR8152 PCI-E Fast Ethernet Controller (10/100MBit), Broadcom 802.11n (a/b/g/n), Bluetooth 3.0 +HS
Tamanho
altura x largura x profundidade (em mm): 25.4 x 285 x 202
Bateria
49 Wh Lítio-Ion, 6 células, 4400 mAh, 11,1 Volts, modelo: AL10B31
Sistema Operativo
Microsoft Windows 7 Professional 64 Bit
Camera
Webcam: 0.3 Megapixel
Características adicionais
netbook, adaptador de força de 40 watts com conector (DE), bateria de 6 células, cartão de garantia, instruções, Adobe Reader 9, Microsoft Office 2010 Starter, Windows Live Essentials, McAfee Internet Security Suite (versão de teste), newXpresso, Norton Online Backup, Skype, Acer software, 12 Meses Garantia, garantia inclui serviço de recolho & e devolução e Garantia Intenacional para Viajantes (ITW), cor: preto
peso
1.358 kg, Suprimento de energia: 172 g
Preço
349 Euro

 

Portáteis Similares

Portáteis com o tamanho de tela e peso

Breve Análise do Acer Chromebook 15 CB5
HD Graphics (Broadwell), Celeron 3205U, 15.6", 2.2 kg
Breve Análise do Acer Chromebook 11 CB3-111
HD Graphics (Bay Trail), Celeron N2840, 11.6", 1.25 kg
Breve Análise do Portátil Acer Aspire E3-111-C6LG
HD Graphics (Bay Trail), Celeron N2930, 11.6", 1.29 kg
Análise do Portátil Acer Aspire One 725
Radeon HD 6290, C-Series C-60, 11.6", 1.2 kg
Análise do Netbook Acer Aspire One D270-26Dbb
Graphics Media Accelerator (GMA) 3600, Atom N2600, 10.1", 1.3 kg

Portáteis do mesmo fabricante

Breve Análise do Portátil Acer TravelMate P449-M-7407
HD Graphics 520, Core i7 6500U, 14", 2 kg

Links

  • Informação do fabricante

Compare Preços

Pro

+Case fino e elegante
+Fácil capacidade de extensão
+Adaptador leve que poupa espaço
+Desempenho de escritório médio
+Baixo ruído do sistema
+Convincentes durações da bateria
 

Contra

-Falta de estabilidade do case
-Reduzido conteúdo de entrega
-Uma garantia de apenas 12 meses
-Índices médios da tela
-Temperaturas durante a carga

Resumindo

Do que gostamos

O design fresco com a aparência de gota d’água, as boas durações da bateria, a excelente capacidade de extensão e a silenciosa operação de escritório.

O que gostaríamos de ver

Uma tela mate de 1366x768 pixels, disponível no modelo anterior e um período de garantia de 24 meses.

O que nos surpreendeu

Um teclado chiclet deve ser adicionado à lista de tarefas da Acer para a seguinte geração.

A concorrência

Os netbooks com o mais recente hardware AMD. Entre outros, Asus Eee PCs 1215B e 1015B ou o Toshiba NB550D com o APU AMD C-50, por exemplo. Também o mais pequeñno Aspire One 522 com o mesmo hardware.

Rating

Acer Aspire One 722-C52kk - 06/20/2011 v2(old)
Felix Sold

Acabamento
86%
Teclado
80%
Mouse
84%
Conectividade
66%
Peso
93%
Bateria
93%
Pantalha
70%
Desempenho do jogos
54%
Desempenho da aplicação
63%
Temperatura
86%
Ruído
93%
Impressão
80%
Médio
79%
85%
Netbook - Médio equilibrado
> Português - página inicial > Análises > Análises > Arquivo de análises próprios > Análise do Netbook Acer Aspire One 722
Felix Sold, 2011-07-28 (Update: 2013-06- 6)