Notebookcheck

Análise do Portátil Lenovo Thinkpad W700 / W700ds

O tamanho importa.

Não só no setor de jogos, também em aplicações CAD/CAM profissionais, o desempenho cumpre um papel importante. Obviamente, a expectativa independente do desempenho dos usuários em um portátil adequado se diferencia consideravelmente de dispositivos feitos para jogos, o qual é a razão pela qual os principais fabricantes de portáteis de negócios possuem sua própria série para este grupo alvo no seu repertório.  O Thinkpad W700 com um CPU Quad-Core e placa de vídeo Quadro FX 3700 é o dispositivo mais importante da Lenovo.

 

Lenovo Thinkpad W700 / W700ds Notebook

Depois do teste do Lenovo Thinkpad W500, o irmãozinho do W700 em um formato de 15.4 polegadas, equipado com placa de vídeo ATI FireGL V5700 e processadores Intel Core 2 Duo, finalmente tivemos o prazer de analisar a série de Workstations de 17 polegadas muito e perto.

Até agora, existem dois variantes de modelo disponíveis, além das possibilidades de configuração individuais dos componentes de hardware. Por um lado o clássico workstation denominado W700, opcionalmente equipado com um dispositivo de calibração Pantone Color Display ou uma prancha digitalizadora integrada da Wacom e por outro lado, um modelo com uma tela dobrável adicional de 10.6 polegadas, denominado W700ds (dual screen).
O seguinte análise trata ambos os modelos, o Thinkpad W700 assim como o W700ds, completamente equipado com uma prancha digitalizadora, dispositivo de calibração e um CPU Intel Core em conexão com uma eficiente placa de vídeo Quadro FX3700M.

 

Case

O argumento de que os portáteis simplesmente precisam de menos espaço em um escritório que um PC desktop comum somente pode ser aplicado em certa medida no caso do Lenovo W700. O dispositivo mede 41x31 centímetros e exige 0,13m2 do seu valioso espaço de trabalho. O poderoso adaptador de força também não deve ser subestimado e pesa tanto quase como netbooks compactos, com 970 gramas. Achamos que o peso do portátil (W700) resulta ser menos dramático com 4.14 quilogramas.

Thinkpads e design são quase tão compatíveis quanto Lara Croft e Manolo Blahniks. De qualquer jeito, o, vamos chamá-lo de Thinkpad "anti-design", já quase alcançou uma posição de culto no mercado de portáteis. Diz-se muito que "menos é mais" quando se trata de portáteis pro, pelo menos em relação com o design do portátil.
O case completamente preto é afetado nos interiores e exteriores pelas letras de Thinkpad, onde uma vez estava estampado o “belo” logo da IBM.

Delicados acentos são colocados através das dobradiças de metal massivas, assim como algumas teclas azuis, ou melhor, rotulado de teclas azuis no teclado. Em vista disto oticamente, fica fácil para o trackpont vermelho, chamar a atenção.

Enquanto que para modelos menores na gama Thinkpad com freqüência são utilizados materiais de alta qualidade, como magnésio, no Thinkpad W700 você enfrenta principalmente superfícies de plástico. Somente a coberta da tela foi dotada com uma estrutura metálica estável. Com isto, a tela alcança a típica estabilidade Thinkpad, a qual permite até levantar o Thinkpad de 4 ou 5 quilos com a tela aberta sem qualquer problema.

Com respeito a isto, ambas as dobradiças massivas são, certamente, importantes e como nos bons tempos da IBM, fornecem um sustento firme e sem balanços da tela. Porém,os componentes de plástico da unidade base também fornecem ao portátil a estabilidade suficiente. Responsável por isto: Uma estrutura de magnésio projetada com inteligência no interior do case.
Mas também pudemos observar leves deformações em alguns lugares da parte exterior (por exemplo, na área do Express/PC – card slot ou na prancha digitalizadora) sob pressão. Como o W700 será principalmente utilizado sobre uma mesa, este ponto fraco pode ser descrito como suportável.

O W700ds não mostra nenhum ponto fraco com respeito à estabilidade. Até as dobradiças da tela, consideravelmente mais grossa, resultaram ser do mesmo tamanho. Elas podem sustentar a massiva tela, incluída a tela dobrável – embora você tenha que esperar um possível leve balanço.
Você tem um pouco mais de peso baixo o braço, com o W700ds, o qual tem um peso total de 5 quilogramas.

Conectividade

Com certeza existem maiores requerimento para um workstation com respeito às opções de portos oferecidas. Neste sentido, uma opção docking é quase indispensável para poder estender o portátil com uma base externa. O Thinkpad W700 também oferece esta possibilidade.
O Thinkpad é estendido com 4 portos USB 2.0 com o Minidock W700 e as conexões para os fones, microfone, S/PDIF, VGA, DVI-D adicionais, porto para tela e o conector de força deslocado para o lado posterior do portátil, permitindo que o portátil fique livre de um monte de dispositivos periféricos conectados, rápida e facilmente. O preço de quase 200,00 Euros pelo Minidock W700 pode ser adicionado ao já arrogante preço de venda do Thinkpad W700 começando em 2500,00 Euros (dependendo da configuração, o preço do nosso exemplar de teste: aproximadamente 3500,00 Euros), a variante W700ds começa em quase 4500,00 Euros.

Se você gostaria de utilizar o portátil de forma móvel, ou agüentar a conexão e desconexão dos dispositivos, você também deve ter bem claras as conexões oferecidas no dispositivo. Depois de tudo, existem 5 portos USB 2.0, Firewire, VGA, DVI, porto para tela, LAN e porto de modem.
Os 5 portos USB se encontram no lado poserior do dispositivo ou no lado posterior. Uma ou duas tomadas USB adicionais teriam sido uma vantagens aqui, para poder mudar a posição de dispositivos permanentemente conectados, como, por exemplo, uma impressora ou um mouse, dos lados para a parte posterior.

Lado Frontal: Leitor de Cartões Multimídia, Portos de Áudio
Lado Frontal: Leitor de Cartões Multimídia, Portos de Áudio
Lado Esquerdo: PC Card, ExpressCard, 2x USB, Firewire
Lado Esquerdo: PC Card, ExpressCard, 2x USB, Firewire
Lado Posterior: Porto para Tela, VGA, DVI, LAN, Conector de Força
Lado Posterior: Porto para Tela, VGA, DVI, LAN, Conector de Força
Lado Direito: 3x USB 2.0, Modem, drive ótico, Kensington Lock
Lado Direito: 3x USB 2.0, Modem, drive ótico, Kensington Lock

A configuração com uma interface gigabit LAN (Intel 8256LM) é quase obvia num calibre como o do Thinkpad W700. Porém, o que não é obvio é o modem integrado. Escassamente, ainda um punhado de portáteis de negócios possui esta opção desatualizada. Um módulo de comunicação poderia ser de ajuda em países com uma cobertura deficiente de banda larga ou UMTS. Uma conexão telefônica comum é encontrada em quase qualquer lugar.

O wireless LAN padrão a/b/g/n (Intel 5300 AGN) também pertence à configuração padrão do nosso exemplar de teste. De acordo com a Lenovo, um UMTS integrado para Internet de banda larga assim como wireless USB estão opcionalmente disponíveis.

Um extenso pacote de software da Lenovo também está incluído no equipamento padrão. Isto inclui, por exemplo, o resgate de ferramenta de restabelecimento, conexões de acesso, solução de segurança de clientes, as utilidades Thinkvantage e toda uma gama de software e programas, que ajudam ao usuário em muitas situações, e a preparar tarefas como, por exemplo, proteção de dados, administrador de conexões, etc.

Como todos os portáteis Thinkpad de alta qualidade, o W700 vem com uma garantia básica de fábrica de 3 anos. Se desejar, o "Serviço de Entrada" pode ser estendido ao "Serviço No Site". Um acréscimo de quase 100,00 Euros deve ser feito para a opção do Serviço ThinkPlus. Um upgrade a uma garantia de 4 anos inclusive a Serviço No-Site é possível também. O preço: aproximadamente 180,00 Euros.
Em qualquer caso, excluído da garantia estendida é a bateria. Como muitos outros fabricantes, a Lenovo garante a bateria somente um ano.

O Windows Vista Business também está disponível como sistema operativo para o Lenovo Thinkpad W700 ou para os fãs do XP, até o Windows XP Professional para o Lenovo Thinkpad W700, ou para os fãs do XP, até o . Obrigado, Lenovo.

Dispositivos de Entrada

"O que você desejaria? – Nós temos tudo!" Não, não estamos num restaurante agora, ainda estamos falando do Thinkpad W700, para ser mais precisos sobre os dispositivos de entrada oferecidos pelo portátil.
Além do teclado habitual com um bloco numérico adicional, ainda encontra um trackpoint, como em todos os modelos Thinkpad, no lado superior da unidade base, um touchpad e como no case do W700, uma prancha digitalizadora integrada da Wacom na configuração apropriada.

O teclado utilizado é o dispositivo de teclado padrão como também é utilizado nos colegas de maior tamanho (14", 15") na gama Thinkpad. Além disso, o W700 também foi equipado com um bloco numérico independente, o qual agradará especialmente os usuários gráficos e CAD, que são do grupo alvo principal do W700. A introdução de dados numéricos se torna segura com sua ajuda.

A qualidade da digitação das teclas se apresenta com o típico deslocamento profundo Thinkpad, por um lado e com a clássica estrutura IBM por outro. Isto significa que as teclas FN e Strg mudaram de lugar em comparação com teclados comuns.
Por um lado, encontramos algumas feições pouco promissoras do teclado do W700 em nossos testes. Esta é a causa de um ruído bastante forte durante a digitação. Graças a que o teclado não está completamente apoiado com firmeza no case, ele se sacode desagradavelmente durante uma digitação vigorosa.
É uma pena que o W700 tenha tal falha neste sentido. Esperávamos um pouco mais do modelo top da série.
Até um teclado de R50p ainda é encontrado no uso editorial, o qual já é um dispositivo de mais de 4 anos, mas como a edição "barata" de plástico, se mostra depois de anos de uso intenso consideravelmente mais confortável e com uma sensação mais agradável que o teclado atual do exemplar de teste W700.

Felizmente, eles se mantiveram leais com a qualidade do trackpoint e touchpad acostumada. Ambos permitem ser utilizados perfeitamente e fazem possível um bom uso do portátil mesmo sem um mouse externo.

W700 Keyboard
Teclado
W700 Touchpad
Touchpad
W700 Trackpoint
Trackpoint

Prancha Digitalizadora WACOM

O Thinkpad W700 na configuração que temos a mão está equipada com uma prancha digitalizadora Wacom de 120 x 80 mm incluindo a caneta apropriada. A Lenovo não está fazendo nenhum experimento, mas está se apoiando nas vantagens já testadas da prancha da Wacom.

No teste com Photoshop rapidamente se tornou evidente que a sensibilidade à pressão da caneta assim como do apagador foi ajustada muito baixa na fábrica, e deve se aplicar muita pressão para o nosso gosto, o que rapidamente levou ao cansaço.Também não ficamos totalmente convencidos com a ergonomia da caneta, se parece mais com uma dessas canetas baratas que a um dispositivo de precisão de alta qualidade.

Em nossa opinião, a prancha é muito adequada para o trabalho em movimento, um dispositivo de entrada externo seria recomendado para um uso fixo especialmente devido à melhor ergonomia.

Caneta Digitalizadora Incluída
Caneta Digitalizadora Incluída
e Prancha Digitalizadora Wacom Integrada
e Prancha Digitalizadora Wacom Integrada

Tela

Você terá que "aceitar" uma tela WUXA de 1920x1200 pixels de resolução no modelo Thinkpad W700. Na variante W700ds você pode desfrutar de uma tela adicional, que com uma diagonal de 10.6 polegadas (formato ereto) oferece um espaço de trabalho adicional de 768x1280 pixels. Isto pode ser espacialmente interessante para aplicações gráficas porque você pode, por exemplo, transferir a caixa de ferramentas ou diferentes ferramentas de comunicações aqui e ainda ter uma tela completa para a aplicação.

O máximo brilho possível da tela principal do nosso exemplar de teste teve um bom 265 cd/m2 no quadrante direito inferior. Uma forte diminuição do brilho nas bordas laterais, especialmente no lado esquerdo da tela, de até 178.4 cd/m2 era visível. O escurecimento nesta área era evidente até para o olho nu com um fundo de tela branco. O valor de iluminação muito baixo de escassos 67.3% confirmou esta impressão subjetiva.
A tela alcançou um bom contraste máximo de até 576:1 com um valor de escuridão de 0.46 cd/m2.

178.4
cd/m²
252
cd/m²
201
cd/m²
194
cd/m²
254
cd/m²
206
cd/m²
234
cd/m²
261
cd/m²
165
cd/m²
Distribuição do brilho
Máximo: 261 cd/m² Médio: 216.2 cd/m²
iluminação: 63 %
Contraste: 552:1 (Preto: 0.46 cd/m²)

Uma característica adicional, a qual deve fazer com que o Thinkpad seja especialmente atrativo para usuários gráficos: Um calibrador de cores integrado supostamente deve fornecer cores reais; isso é se você o usar.
A calibração com o Sensor de Cores Pantone é muito simples. O usuário poder ser lembrado automaticamente dentro de um intervalo predeterminado sobre a calibração do respectivo software ou você pode executar o programa manualmente. Depois de iniciá-lo lhe é solicitado que feche a tela assim, a unidade de medição ótica integrada na unidade base reter o lugar desejado da tela. O procedimento de avaliação está acompanhado por sons de Pacman "tipo-C64". Depois de três tons de beep finalmente você pode abrir a coberta e é confirmado com a habitual imagem do antes/depois da necessidade de calibração. E de fato, a imagem apresentada sem calibração parece consideravelmente muito fria e um pouco azulada.

As medidas de controle executadas com o nosso Colorímetro Spyder 3 Elite coincidiu quase completamente com o dispositivo de medição integrado. Este deveria ter um preço de quase o mesmo nível de um colorímetro personalizado. A tela integrada resultou boa em comparação com telas de portáteis de baixo custo de classe média. O espaço de cores apresentado é consideravelmente maior e cobre o espaço de cores RGB quase por completo. Primeiro o espaço de cores Adobe-RGB exige muito espaço da tela integrada. Em comparação direta com a tela de alta qualidade RGB-LED, já testada no Dell Studio XPS 16, a diferença especialmente com telas-RGB se torna bastante obvia. Seu espaço de cores está novamente bastante por cima da tela integrada. Seguem as medições executadas. O espaço de cor transparente correlativo está marcado com uma (t).

Comparison: Spyder3 Elite (t) vs. Panone Color Sensor
Comparação: Spyder3 Elite (t) vs. Panone Color Sensor
W700 (t) vs. Clevo M98NU - Wide Gamut TFT
W700 (t) vs. Clevo M98NU - Wide Gamut TFT
W700 (t) vs. MSI 627 - Standard TFT
W700 (t) vs. MSI 627 - Standard TFT
W700 (t) vs. RGB Color Space
W700 (t) vs. RGB Color Space
XPS 16 - RGB LED (t) vs. W700
XPS 16 - RGB LED (t) vs. W700

A superfície da tela resultou muito interessante. A Lenovo se apóia em uma mistura de uma tela matt de negócios e uma tela refletiva para multimídia. O resultado é impressionante. Os reflexos não são totalmente evitados, mas são mantidos muito bem dentro de um marco, especialmente durante o uso do portátil em interiores. Ao mesmo tempo, você pode desfrutar de imagens muito nítidas com cores vivas.

 

Viewing angle Lenovo Thinkpad W700
Ângulos de visão do Lenovo Thinkpad W700

A estabilidade dos ângulos de visão da tela é suficiente para o uso fixo. Pequenas discrepâncias são toleradas, mas em inclinações mais pronunciadas aparecem as habituais distorções da imagem na forma de sombra ou uma irradiação excessiva da tela.

 



Video of the Viewing Areas of the Display

A tela adicional do Lenovo Thinkpad W700ds

A tela retrativa pode ser puxada com um toque sem problemas e se mantém a disposição com uma resolução de 1280x768 pixels. O escritório estende-se automaticamente sobre a tela externa à direita. Depois da ativação da tela você é informado que não é possível utilizar uma tela externa com a tela dobrável.

Uma diferença significante na qualidade da imagem entre a tela principal e a tela adicional se torna obvia ao olho nu. As cores parecem opacas e o preto aparece mais como um tom cinza.
Nossas medições certificam o brilho médio da tela de 168.8 cd/m2. A iluminação de 84% também é boa.
O truque está no valor de escuridão, que resulta ser muito alto com 2.23 cd/m2 e certifica o máximo contraste possível de escassos 83:1 da tela adicional. Portanto, não é uma surpresa que a qualidade da imagem não resultou muito boa.

A estabilidade dos ângulos de visão da tela adicional também não conseguiu nos convencer. Esta permite ser movida para dentro em certa medida; um notável escurecimento da imagem em um ângulo de visão não ótimo faz com que a imagem seja parcialmente ilegível.
A tela é suficiente como uma substituta móvel para uma tela externa, mas não se pode comparar com a qualidade da imagem assim como a superfície de trabalho de um monitor externo, mesmo se for um modelo de baixo orçamento. A tela adicional também deve ser suficiente para o uso nada complicado de colocar várias ferramentas e caixas de ferramentas nela.

Thinkpad W700ds
A tela dobrável de 10.6 polegadas não se compara com a tela principal.
Thinkpad W700ds

Desempenho

O que esperaria de um workstation Thinkpad W700, se não fossem os componentes mais eficientes? De fato, a Lenovo não é mesquinha com o W700 e oferece o equipamento com os componentes móveis mais potentes ofertado no mercado pelo momento. É obvio que aceitamos a oferta com gratidão e pedimos um exemplar de teste equipado com um CPU Core 2 Extreme QX9300 e uma Geforce FX 3700M, por assim dizer, a variante mais exclusiva e cara do Thinkpad W700.

O CPU Core 2 Extreme QX9300 da Intel ganha pontos, especialmente com seus quatro núcleos para aplicações otimizadas para multicores. O teste de benchmark Cinebench R10 mostra isto impressionantemente, ou, para ser mais preciso, o teste Rendering Multi-CPU.

 

Cinebench R10 Benchmarktest
Cinebench R10 Benchmarktest

Já pudemos observar que em muitas aplicações a freqüência do CPU se mantém no primeiro plano no nosso Análise comparativo dos CPUs de Portáteis Intel Core 2 Quad da Intel. A Lenovo também oferece uma solução adequada para isto – o CPU Core 2 Extreme X9100 com 3.06 GHz. Os modelos muito difundidos (porque são baratos) também são variantes dos CPUs Intel T9400 e T9600 (2.53 GHz/2.8 GHz, cada um com dois chips núcleo).

 

PC Mark 2005 Benchmarktest
PC Mark 2005 Benchmarktest

O resultado PC Mark 2005 certifica o Thinkpad W700 em todo o excelente desempenho de escritório. O workstation alcança outros dispositivos substitutos de desktops eficientes com 7792 pontos. Um papel importante, com certeza é desempenhado pelo pacote completo, incluindo RAM e disco rígido, em nosso caso, dois discos rígidos de 7200 e 4 GB DDR3 RAM.

 

Um papel importante é designado à placa de vídeo no pacote do Thinkpad W700. A Lenovo oferece duas variações para o portátil. Seja a Nvidia Quadro FX 2700M ou a, no nosso exemplar de teste, Quadro FX 3700M. Esta placa de vídeo, otimizada e certificada para aplicações CAD, com respeito à sua arquitetura é equivalente à Geforce 9800M GTX, mas oferece 128 unidades Shader.
A arquitetura também está estreitamente relacionada com a atual Geforce GTX 280M, que também está baseada na G92 core, mas é fabricada no processo de 55 nanômetros (FX 3700 – 65 nm).

A Quadro FX 2700M alternativamente disponível, mais barata, mas também consideravelmente menos eficiente, baseada na placa de vídeo Geforce 9700M GT, é como a FX 3700M equipada com controladores especiais, que enfeita o hardware para a estabilidade e está otimizada para aplicações CAD e gráficas. Surpreendentemente, mas infelizmente não de forma positiva, é o resultado do W700 com Quadro FX3700 no teste de Shading Cinebenceh R10. O portátil alcançou apenas 4481 pontos durante a seqüência de rendering OpenGL e lines in no nível da ATI RAdeon HD3650 com isso. O já testado W500, equipado com uma placa de vídeo ATI FireGL V5700, resultou consideravelmente melhor com 5049 pontos. Um teste de controle com o W700ds (a mesma placa de vídeo, CPU Q9100) não trouxe uma melhora. Como se sai o dispositivo no uso prático com suas aplicações individuais somente poderá ser comprovado através de um teste no final.

O resultado do sistema no benchmark SPEC Viewperf também não resultou de forma magnífica, especialmente se considerar que a Quadro FX 3700M deveria pertencer às eficientes placas de vídeo pro.
A taxa de frames nas visualizações das aplicações gráficas no teste se manteve no nível da Quadro FX 3600M e parcialmente embaixo do desempenho da placa de vídeo ATI FireGL V5700 (Maya, Solid Works). Os resultados do teste do W700ds estiveram em um nível similar.

SPEC Viewperf Benchmarktest
SPEC Viewperf Benchmarktest

Na configuração atual, o W700 apresentou dois discos rígidos integrados do tipo Hitachi HTS722020K9SA00 com uma capacidade bruta de 200 gigabytes cada um e uma velocidade de 7200 rpm.
Os discos apresentaram uma taxa de transferência media de 51,2 MB/Seg e um tempo de acesso menor a 15,1 milissegundos no benchmark HDTune.

Equipado com duas vezes 2GB RAM do tipo DDR PC3-8500 nosso exemplar de teste alcançou a consignação de memória máxima possível, pelo menos, de acordo com as especificações da Lenovo. O chip set Intel PM45 utilizado, deveria suportar uma consignação de memória máxima de 8 gigabytes, a qual somente pode ser alcançada com o uso de duas barras de memória de 4 GB.
Para que toda a memória esteja disponível sob o Windows, nosso modelo de teste funciona com a versão de 64-Bits do Windows Vista Business.

System info CPU
System info CPU
System info Chipset
System info RAM
System info RAM
System info GPU
System info HDD
System information Lenovo Thinkpad W700
3DMark 05 Standard
15759 pontos
3DMark 06 Standard
11111 pontos
3DMark Vantage P Result
5053 pontos
Ajuda
PCMark 05 Standard
7792 pontos
PCMark Vantage Result
4685 pontos
Ajuda
Hitachi Travelstar 7K200 HTS722020K9SA00
Velocidade de Transferência Mínima: 28.3 MB/s
Velocidade de Transferência Máxima: 67.7 MB/s
Velocidade de Transferência Média: 51.2 MB/s
Tempo de Acesso: 15.1 ms
Índice de Explosão: 74.6 MB/s
Uso da CPU: 1.9 %

Desempenho nos Jogos

Devido a que o desempenho da Nvidia Quadro FX 3700M deve ser capaz de se colocar ao nível da Geforce 9800M GTX, é possível jogar os jogos atuais com o Thinkpad W700. Como influencia pintar a Liberty City vermelha em GTA IV depois de um dia de trabalho os seus planos e visualizações? – Não é problema para o Lenovo W700.

Um bom resultado de uma media de 39,9 frames/segundo pôde ser alcançado com o teste de benchmark do próprio jogo em uma resolução de 1024x768 pixels e detalhes médios (distância de visão 21/100, distância de detalhes 10/100, densidade de veículos 50/100, densidade de sombras 8/16). No jogo, o desempenho observado resultou ser menos satisfatório. 20 - 40 fps puderam ser observados com a ferramenta de Fraps breves pausas ocorreram também. O jogo era fluido com estas configurações; uma pausa no momento errado poderia ser letal, especialmente durante uma perseguição ou até em combates. A única coisa que pode ajudar aqui é uma maior redução do nível de detalhe.

Também testamos o jogo de estratégia em tempo real, Supreme Comander – Forged Alliance. O jogo foi absolutamente fluido mesmo em níveis de detalhes mais altos e com uma resolução de 1280x1024 pixels (anti-aliasing x2). Até maiores mapas puderam ser encarados sem problemas em um jogo de vários jogadores 3 vs. 3.

Emissões

Ruído do Sistema

O Thinkpad W700 se manteve agradavelmente silencioso durante a exigência de desempenho normal, apesar dos eficientes componentes de hardware. O ventilador funcionou apenas a um nível mínimo durante o uso não sofisticado de Office ou até navegando pela internet causando um nível de ruído de escassos 31.5 dB(A).Com uma exigência de desempenho um pouco maior, o ventilador funcionou um pouco mais rápido por um curto tempo e alcançou 33.5 dB(A). Subjetivamente, o barulho pode ser descrito como agradavelmente silencioso e pode ser caracterizado com um ruído acústico silencioso, tal como um vento forte pode provocar.

O workstation aumentou o seu volume sob carga de trabalho, mas se manteve com um valor máximo de 39.0 dB(A) uma faixa absolutamente agradável. Mesmo a carga de trabalho contínua não deveria ser um problema para o W700 e para as orelhas do usuário sentado em frente dele.

Barulho

Ocioso
31.5 / 31.5 / 33.5 dB
HDD
32.5 dB
DVD
36.2 / 45.2 dB
Carga
36.2 / 39 dB
  red to green bar
 
 
30 dB
silencioso
40 dB(A)
audível
50 dB(A)
ruidosamente alto
 
min: dark, med: mid, max: light    (15 cm de distância)

Temperatura

Quem agora está pensando que a maior parte do calor expulsado deve ser distribuída sobre o case, está errado. Nossas medições não mostraram nenhum resultado evidente com respeito à temperatura da superfície mesmo depois de algumas horas sob carga de trabalho.

O lado superior alcançou uma temperatura um pouco mais alta, porém inofensiva de 38.9°C no quadrante posterior direita. O teclado nunca sobre passou a marca dos 30°C. E não é diferente no lado inferior do W700. Este se esquentou até uma media de ao redor de 30°C com uma máxima de inofensivos 39.7°C. Se suas pernas são suficientemente resistentes, você também pode usar o dispositivo sobre as suas pernas, teoricamente.

Carga Máxima
 29.7 °C33.7 °C38.9 °C 
 26.4 °C27.5 °C25.8 °C 
 24 °C25.2 °C22.8 °C 
Máximo: 38.9 °C
Médio: 28.2 °C
39.7 °C35.4 °C32.8 °C
29.7 °C35.1 °C33.4 °C
24.1 °C28.9 °C27.8 °C
Máximo: 39.7 °C
Médio: 31.9 °C
Temperatura do quarto 21 °C
(+) The average temperature for the upper side under maximal load is 28.2 °C / 83 F, compared to the average of 33.4 °C / 92 F for the devices in the class Gaming.
(+) The maximum temperature on the upper side is 38.9 °C / 102 F, compared to the average of 39.8 °C / 104 F, ranging from 21.6 to 68.8 °C for the class Gaming.
(+) The bottom heats up to a maximum of 39.7 °C / 103 F, compared to the average of 42.6 °C / 109 F
(+) The palmrests and touchpad are cooler than skin temperature with a maximum of 25.2 °C / 77.4 F and are therefore cool to the touch.
(+) The average temperature of the palmrest area of similar devices was 28.8 °C / 83.8 F (+3.6 °C / 6.4 F).

Alto falantes

Mesmo assumindo que os consumidores mais potenciais não podiam se importar menos com este ponto, demos uma olhada mais de perto aos alto falantes. Dois alto falantes foram colocados embaixo da coberta perfurada em cima do teclado do Lenovo, que emite o som diretamente ao usuário. O som resultou, para nossa surpresa, muito bom. Os alto falantes forneceram um som claro mesmo no volume máximo e são muito adequados para a reprodução de música. Mesmo assim, um melhor, e principalmente, um som mais completo foi emitido sobre o sinal do conector de fones oferecido, sem deixar nada a desejar.

Duração da Bateria

Maximum battery runtime (BatteryEater Readers Test)
Readers Test
Minimum runtime (BatteryEater Classic Test)
Classic Test

Para poder dar ao faminto W700 (consumo de energia máximo sob carga de trabalho: 149.8 W) uma duração de bateria aceitável, a Lenovo equipou o portátil com uma bateria lithium-ion com uma capacidade de 84.2 Wh. O portátil alcançou uma duração máxima de 187 minutos no teste BatteryEater Reader (brilho mínimo da tela, modo de economia de energia, WLAN desligado).

O W700 alcançou uma duração de escassos 66 minutos no teste BatteryEater Classic, com brilho máximo de tela no perfil de alto desempenho, sob carga de trabalho.
Nosso exemplar de teste ainda pôde alcançar durações aceitáveis reproduzindo um DVD: 112 minutos com brilho máximo da tela no modo de economia de energia. Os 140 minutos alcançados com brilho máximo no uso prático WLAN não quebra nenhum recorde, mas basta para cobrir curtos períodos de tempo sem tomadas de força.

Consumo de energia
desligadodarklight 0 / 0 Watt
Ociosodarkmidlight 29.6 / 40.8 / 47.2 Watt
Carga midlight 120.3 / 149.8 Watt
 color bar
Key: min: dark, med: mid, max: light        
Tempo de Execução da Bateria
Ocioso (sem WLAN, min brilho)
3h 07min
Navegar com WLAN
2h 20min
DVD
1h 52min
Carga (máximo brilho)
1h 06min

Veredicto

Lenovo Thinkpad W700

Somente pelo preço, o W700 entra em consideração quase exclusivamente para clientes de negócios financeiramente fortes. Eles também podem se deleitar no acabamento aceitável do case robusto por um longo tempo. Infelizmente, com exceção da coberta da tela, as superfícies do W700 são feitas de componentes plásticos. A sensação do portátil não conseguiu convencer completamente por causa disto, mas, com respeito à estabilidade isto não afeta ao dispositivo inteiro.

Quase todos os portos necessários são fornecidos no próprio portátil. O usuário somente não tem um porto eSATA. Mesmo assim, uma base externa é recomendável, porque 3 dos 5 portos USB fornecidos estão na parte dianteira da borda. Estas, como todas as alternativas de conexão, poderiam ser conectadas no lado posterior do portátil com a ajuda de uma base externa e o portátil pode ser liberado rapidamente de todos os dispositivos conectados.

Infelizmente, nos surpreendemos com um teclado que não conseguiu convencer. A bem conhecida unidade do Thinkpad foi muito bem utilizada aqui, mas infelizmente, não está colocada com firmeza no case, resultando em barulhos durante a digitação. Porém, a Lenovo oferece a bem conhecida alta qualidade para a combinação touchpad/trackpoint. A prancha digitalizadora integrada opcionalmente poderia ser interessante para designers e construtores CAD, porém, soluções externas fornecem certa vantagem na ergonomia.

A tela utilizada em um formato WUXGA oferece um máximo espaço de trabalho com bom brilho de tela e bom contraste da imagem. Não, de fato o modelo W700ds oferece um espaço de trabalho máximo "de verdade", possuindo uma tela dobrável adicional de 10.6 polegadas. O acabamento da superfície da tela também resultou interessante. Uma mistura de tela multimídia refletiva e tela matt de negócios fornece uma apresentação de cores vivas. Falando de cores: O espaço de cores coberto quase iguala o espaço de cores RGB, e, portanto é consideravelmente melhor que em telas de portáteis mais comuns. O W700 não pode se comparar com telas RGB-LED, como, por exemplo, o Dell Studio XPS 16.

Não poderíamos ter esperado nada mais que um desempenho de primeira classe do Thinkpad W700 com a configuração disponível: CPU Core 2 Extreme QX9300, Nvidia Quadro FX 3700M, 2x 200GB 7200 HDD e um total de 4GB DDR3 RAM. Porém, no teste de benchmark SPEC Viewperf, os resultados alcançados se mantiveram um pouco embaixo das nossas expectativas.

O Lenovo W700 pôde convencer com respeito às emissões. Um baixo ruído do sistema, sem importar se está no modo office ou sob carga de trabalho, assim como as baixas temperaturas da superfície do case fazem que o trabalho com o portátil seja um prazer. A duração da bateria oferecida é suficiente para intervalos curtos longe de tomadas, mas um escritório com uma tomada por perto ainda é o melhor lugar de trabalho para o Lenovo Thinkpad W700.

Lenovo Thinkpad W700
Lenovo Thinkpad W700
Lenovo Thinkpad W700
Lenovo Thinkpad W700
Lenovo Thinkpad W700
Em Análise: Lenovo Thinkpad W700

Especificações do portátil

Lenovo Thinkpad W700 (Thinkpad W Serie)
Processador
Intel Core 2 Extreme QX9300 4 x 2.5 GHz, Penryn
Placa gráfica
NVIDIA Quadro FX 3700M - 1024 MB, Análises do: 550 MHz, Memoría: 799 MHz, 7.15.11.7695 / Forceware 176.95
Memória
4096 MB 
, DDR3 PC3-8500, 2x2048MB, máx. 8GB
Pantalha
17.00 polegadas 16:10, 1920 x 1200 pixel, WUXGA TFT, Brilhante: não
placa mãe
Intel PM45
Disco rígido
Hitachi Travelstar 7K200 HTS722020K9SA00, 200 GB 
, 7200 rpm, 2x 200GB
Placa de Som
HD Audio
Conexões
1 PC-Card, 1 Express Card 34mm, 5 USB 2.0, 1 Firewire, 1 VGA, 1 DVI, 1 DisplayPort, V.90 & K56/non-voice Modem, 1 Kensington Lock, 1 Docking Station Port, Conexões Audio: Fones, microfone, Card Reader: Leitor de Cartões SD
Funcionamento em rede
Intel(R) 82567LM Gigabit Network Connection (10/100/1000/2500/5000MBit/s), Intel Wireless WiFi Link 5300 (a/b/g/n = Wi-Fi 4), Bluetooth 2.0+EDR
Unidade ótica
HL-DT-ST BD-RE GBW-B10N
Tamanho
altura x largura x profundidade (em mm): 52 x 310 x 410
Bateria
84 Wh Lítio-Ion, 10.8V 7.8Ah
Sistema Operativo
Microsoft Windows Vista Business 64 Bit
Características adicionais
Ferramentas ThinkVantage, 36 Meses Garantia, Webcam
peso
4.14 kg, Suprimento de energia: 970 g
Preço
3500 Euro

 

O Thinkpad W700 atualmente é o veiculo mais potente no time de corridas da Lenovo.
O Thinkpad W700 atualmente é o veiculo mais potente no time de corridas da Lenovo.
Portanto, você encontra uma unidade de teclado Thinkpad comum no dispositivo, a qual não conseguiu convencer totalmente.
Portanto, você encontra uma unidade de teclado Thinkpad comum no dispositivo, a qual não conseguiu convencer totalmente.
Além disso, o portátil tem um bloco numérico separado para a rápida introdução de números.
Além disso, o portátil tem um bloco numérico separado para a rápida introdução de números.
O W700 também pode ser equipado opcionalmente com uma prancha digitalizadora integrada da Wacom.
O W700 também pode ser equipado opcionalmente com uma prancha digitalizadora integrada da Wacom.
As qualidades de primeira classe habituais foram oferecidas pela combinação do touchpad e trackpoint.
As qualidades de primeira classe habituais foram oferecidas pela combinação do touchpad e trackpoint.
A tela do W700 domina, além da tela muitas outras funções, também a recepção de várias antenas e a webcam ou até as ThinkLights, por exemplo.
A tela do W700 domina, além da tela muitas outras funções, também a recepção de várias antenas e a webcam ou até as ThinkLights, por exemplo.
O portátil pode ser, também opcionalmente, equipado com um colorímetro integrado, o qual garante uma apresentação de cores reais.
O portátil pode ser, também opcionalmente, equipado com um colorímetro integrado, o qual garante uma apresentação de cores reais.
A tela mostrou um bom brilho com excelente contraste no teste.
A tela mostrou um bom brilho com excelente contraste no teste.
O acabamento da superfície da tela resulta interessante, que é uma mistura de uma tela matt e uma tela refletiva.
O acabamento da superfície da tela resulta interessante, que é uma mistura de uma tela matt e uma tela refletiva.
A Lenovo não é mesquinha quando o assunto é desempenho: Um CPU QX9300 Quad-Core e uma placa de vídeo Nvidia Quadro FX 3700M fornecem um desempenho decente.
A Lenovo não é mesquinha quando o assunto é desempenho: Um CPU QX9300 Quad-Core e uma placa de vídeo Nvidia Quadro FX 3700M fornecem um desempenho decente.
Uma barra de memória de 4GB DDR3 é utilizada no nosso exemplar de teste, com respeito ao RAM.
Uma barra de memória de 4GB DDR3 é utilizada no nosso exemplar de teste, com respeito ao RAM.
O Thinkpad W700 também pode ser configurado com uma capacidade de armazenagem decente, tendo dois compartimentos para drives.
O Thinkpad W700 também pode ser configurado com uma capacidade de armazenagem decente, tendo dois compartimentos para drives.
O ventilador também coopera, com o GPU e com o processador.
O ventilador também coopera, com o GPU e com o processador.
Mas o W700 se mantém surpreendentemente silencioso em quase todos os modos de operação.
Mas o W700 se mantém surpreendentemente silencioso em quase todos os modos de operação.
As temperaturas da superfície também se mantêm muito baixas, em vista do desempenho oferecido.
As temperaturas da superfície também se mantêm muito baixas, em vista do desempenho oferecido.
Com respeito aos dispositivos de entrada, o Lenovo Thinkpad W700 possui toda uma gama de possibilidades.
Com respeito aos dispositivos de entrada, o Lenovo Thinkpad W700 possui toda uma gama de possibilidades.
No drive do W700, encontramos um caro gravador Blu-Ray da Hitachi-LG.
No drive do W700, encontramos um caro gravador Blu-Ray da Hitachi-LG.
O gigante não só busca desempenho, mas também medições na sua própria classe.
O gigante não só busca desempenho, mas também medições na sua própria classe.
O W700 traz aproximadamente 4 quilogramas ou quase 5 quilogramas (W700ds), dependendo da configuração.
O W700 traz aproximadamente 4 quilogramas ou quase 5 quilogramas (W700ds), dependendo da configuração.
Como sempre, o drive ótico do Thinkpad W700 é discreto.
Como sempre, o drive ótico do Thinkpad W700 é discreto.
O case inteiro está submergido em preto, somente o trackpoint vermelho fornece um acento colorido.
O case inteiro está submergido em preto, somente o trackpoint vermelho fornece um acento colorido.
A estabilidade fornecida resulta boa, apesar dos componentes de plástico utilizados na superfície.
A estabilidade fornecida resulta boa, apesar dos componentes de plástico utilizados na superfície.
Uma estrutura estável de magnésio no interior do dispositivo é responsável por isto, que une o baixo peso com alta estabilidade.
Uma estrutura estável de magnésio no interior do dispositivo é responsável por isto, que une o baixo peso com alta estabilidade.
No mecanismo de fechamento você encontra as bem conhecidas dobradiças de metal massivas.
No mecanismo de fechamento você encontra as bem conhecidas dobradiças de metal massivas.
Estas seguram até a grande tela de 17 polegadas estavelmente no lugar.
Estas seguram até a grande tela de 17 polegadas estavelmente no lugar.
Primeiro o W700ds com sua tela particularmente pesada leva as dobradiças ao limite da sua capacidade.
Primeiro o W700ds com sua tela particularmente pesada leva as dobradiças ao limite da sua capacidade.
A Concha principal também é encontrada mais uma vez na série W700.
A Concha principal também é encontrada mais uma vez na série W700.
O W700 oferece uma fila de possibilidades de conexão diretamente no portátil.
O W700 oferece uma fila de possibilidades de conexão diretamente no portátil.
Além dos 5 portos USB também existe um slot PC-Card e ExpressCard,...
Além dos 5 portos USB também existe um slot PC-Card e ExpressCard,...
...assim como um VGA, DVI e porto de tela no lado posterior do portátil.
...assim como um VGA, DVI e porto de tela no lado posterior do portátil.
Também há um porto para base externa no lado inferior do dispositivo.
Também há um porto para base externa no lado inferior do dispositivo.
Devido a que a Lenovo equipa o W700 com uma capacidade particularmente alta, durações de bateria bastante razoáveis puderam ser alcançadas.
Devido a que a Lenovo equipa o W700 com uma capacidade particularmente alta, durações de bateria bastante razoáveis puderam ser alcançadas.

Similar Notebooks

Links

Compare Prices

Lenovo Thinkpad W700 on Ciao

Pricerunner.de

Pro

+Case robusto
+Extensas opções de conexão
+3 anos de garantia de fábrica
+Win XP e Vista disponíveis
+Confortável combinação touchpad/trackpoint
+Prancha digitalizadora integrada disponível
+Tela brilhante com bom contraste
+Colorímetro integrado disponível
+Bom desempenho de office
+Baixas emissões de ruído e calor
+Emissão de som aceitável
 

Contra

-Precisa se acostumar ao comportamento da digitação
-Medíocre iluminação da tela
-Medíocre desempenho em benchmarks de aplicações individuais
-Curta duração da bateria

Shortcut

What we liked

The "All in One" principle of the Thinkpad W700. It doesn't matter if a colorimeter, graphic tablet or external display – the W700 has united all of these peripheral devices in one notebook as a rule.

What we missed

A keyboard in the "good old IBM quality" from in the year one. A clattery keyboard in a 5000.00 Euros top model can't really be true… 

What surprised us

That, apparently regardless of the high retail price of over 4000.00 Euros, there is a big demand for this high performance business machine.

The competitors

With a good business image: HP EliteBook 8730w, Dell Precision M6400; possibly the flossy barebones, for instance from Nexoc, Schenker Notebook, or Deviltech.

 

Rating

Lenovo Thinkpad W700 - 10/15/2008
J. Simon Leitner

Acabamento
88%
Teclado
78%
Mouse
90%
Conectividade
92%
Peso
55%
Bateria
71%
Pantalha
84%
Desempenho do jogos
96%
Desempenho da aplicação
100%
Temperatura
86%
Ruído
92%
Impressão
88%
Médio
85%
89%
Gaming - Médio equilibrado
Please share our article, every link counts!
> Análises e revisões de portáteis e celulares > Análises > Análises > Arquivo de análises próprios > Análise do Portátil Lenovo Thinkpad W700 / W700ds
J. Simon Leitner, 2009-04-22 (Update: 2009-09- 6)