Notebookcheck

Análise do Portátil HP Pavilion dv7-6c07eg

Atualizado. A HP melhorou o seu portátil multimídia, o Pavilion dv7,adicionando uma placa de vídeo da nova série AMD Radeon HD 7000M. Este substituto de desktop (DTR) de alto desempenho tem algumas fraquezas, mas a sua ótima relação de preço-desempenho garante atrair compradores.
Till Schönborn (traduzido por Ricardo Soto),

O Pavilion dv7 é um portátil multimídia de 17 polegadas da HP que faz com que alguns portáteis e alguns PCs desktop se envergonhem em termos de desempenho. O portátil aloja um veloz Core i7-2670QM, gráficos Radeon HD 7690M, um drive ótico Blu-ray, 8 GB de RAM e um disco rígido de 1 TB.

Inclusive no passado, muitos dos modelos da série HP Pavilion ofereceram um ótimo hardware por um preço razoável. De fato, recentemente testamos o dv7-6b02eg e ele se desempenhou tão bem em nossos testes que tivemos que colocá-lo na nossa Lista dos Top 10 dos melhores portáteis DTR (Desktop Replacement).

dv7-6c07eg custará entre 900 a 950 Euros e tem como alvo os compradores conscientes de preços que não precisam de uma tela Full-HD anti-refletiva como a que encontramos no modelo irmão. Testamos o painel WXGA++ no passado e chegamos à conclusão de que o desempenho do painel é desigual, como máximo.

Estamos ansiosos em testar este portátil e compará-lo com o seu concorrente: a Nvidia GeForce GT555M (no Asus N75SF e Dell XPS 17) e a AMD Radeon HD 6850M (encontrada no  Acer Aspire 7750G).

Case

Case de alumínio
Case de alumínio
Algumas falhas no acabamento
Algumas falhas no acabamento

Como o seu predecessor, o modelo de teste perante nós, usa um esquema de cores prateado e preto. As superfícies de alumínio escovado e formas lisas do portátil fornecem um ar de elegância, que é acentuado pelos logotipos bem posicionados e as elegantes inscrições.

O case é uma mistura de material sintético e metal. Como antes, esta mistura é muito impressionante: a base do portátil é extremamente sólida, e os habituais pontos fracos encontrados em um portátil, como a área acima do drive ótico ou a região acima do teclado, são insensíveis às pressões. Existem algumas falhas no acabamento: o nosso modelo de teste possui uma brecha visível (lado esquerdo frontal – do lado do leitor de cartões). Neste ponto, o case está separado da base do portátil. Em nossos testes anteriores, os modelos da HP sempre tiveram bons acabamentos e por isso consideramos que isto é uma falha isolada que encontramos apenas neste modelo de teste.

O usuário deve tomar cuidado de não exercer muita força ao abrir e fechar o portátil, para assim proteger as dobradiças de qualidade média. Estas duas dobradiças sólidas seguram a tela, mas não podem evitar que a tela se balance quando o portátil é movido.

No geral, o Pavilion dv7 possui um bom acabamento (com exceção da brecha). Em comparação, o Asus N75SF (que tem quase o mesmo preço) e o Acer Aspire 7750G pontuam mais baixo neste departamento. No entanto, o Dell XPS 17 de alta qualidade tem uma pontuação mais alta que o nosso modelo de teste e toma a liderança. 

Conectividade

As portas estão muito próximas umas das outras. Isto causa que um conector muito robusto bloqueie a porta vizinha.
As portas estão muito próximas umas das outras. Isto causa que um conector muito robusto bloqueie a porta vizinha.

A conectividade não mudou em comparação com os testes anteriores. O portátil ainda oferece 2 portas USB 2.0 e USB 3.0, e continua omitindo as interfaces Firewire e eSATA. No entanto, o mercado dos equipamentos USB 3.0 está crescendo rapidamente e, como tal, achamos que estas interfaces faltantes não serão muito inconvenientes para o usuário.

As interfaces padrão VGA e HDMI estão a bordo, e a HP também oferece três conectores de áudio (3,5 mm). Isto é especialmente generoso e permitirá que o usuário conecte um microfone, um par de fones e um sistema de alto falantes externos no portátil. A obrigatória porta LAN GBit, um leitor de cartões 2-em-1 (SD, MMC) e um leitor de impressões digitais concluem a conectividade do nosso modelo de teste.

Em nossa opinião, a HP deve reconsiderar o posicionamento das interfaces. O lado esquerdo do portátil está bastante amontoado, e muitas portas estão posicionadas bastante perto umas das outras, fazendo com que conectores robustos possam bloquear as portas vizinhas. Todas as interfaces, que são usadas com menor freqüência, deveriam ser posicionadas, mais para trás no lado esquerdo ou na parte posterior do portátil.

Frente: Leitor de Cartões
Frente: Leitor de Cartões
Lado esquerdo: Abertura de ventilação, VGA, HDMI, LAN, 2x USB 3.0, microfone e 2 conectores de fones
Lado esquerdo: Abertura de ventilação, VGA, HDMI, LAN, 2x USB 3.0, microfone e 2 conectores de fones
Traseira: sem portas
Traseira: sem portas
Lado direito: 2x USB 2.0, drive ótico Blu-ray
Lado direito: 2x USB 2.0, drive ótico Blu-ray
Decente Webcam de 2.0 MP
Decente Webcam de 2.0 MP
PowerDVD para a reprodução de Blu-ray
PowerDVD para a reprodução de Blu-ray

Comunicação

adaptador WLAN RTL8188CE da RealTek é um módulo WLAN econômico com uma disposição de antena 1x1. Em comparação com módulos mais velozes MIMO, que podem atingir taxas de transferência de dados mais velozes dado que eles tem mais streams de transmissão e recepção, a velocidade do nosso modelo está restrita a um máximo de 150 MB/s. O modelo suporta apenas os padrões 802.11b/g/n e não pode se conectar a redes com a freqüência sem fio de 5 GHz.

O nosso Pavilion dv7-6c07eg não possui Bluetooth. No entanto, outras configurações, como o dv7-6c82eg, oferecem Bluetooth. Um módulo WWAN não está disponível para o dv7.

webcam "TrueVision-HD" tem uma resolução de 2.0 megapixels e está muito longe das habituais webcams de 0,3 e 1,3 MP encontradas em portáteis. A qualidade de gravação é decente e a reprodução das cores e som também é boa. A imagem é bastante nítida. O microfone integrado localizado do lado da webcam se desempenha bastante bem e grava o áudio com claridade excepcional.

Acessórios

Estamos acostumados a ver poucos acessórios entregues junto com portáteis caros, no entanto, a HP foi realmente mesquinha com o Pavilion dv7: o portátil é entregue com sua bateria, um adaptador de força de 120 W, uma breve Guia de Início Rápido, uma visão geral dos números de telefone do serviço, e um folheto informativo sobre o drive Blu-ray. Pelo menos, o pré-instalado PowerDVD da CyberLink permite aos usuários reproduzir filmes em alta resolução, imediatamente.

Sem parafusos – as escotilhas podem ser removidas com o prático deslizador no lado inferior do portátil
Sem parafusos – as escotilhas podem ser removidas com o prático deslizador no lado inferior do portátil

Manutenção

Grãs ao prático deslizador, as escotilhas no lado inferior do portátil, que protegem os módulos de hardware, podem ser removidas com facilidade. O portátil possui apenas dois compartimentos para RAM e para adicionar mais RAM, o usuário primeiro terá que retirar os módulos de RAM instalados. Módulos de RAM de 8GB devem ser compatíveis com o controlador de memória do processador. No entanto, não pudemos executar um teste para confirmar esta afirmação.

Adicionalmente à RAM, o modulo sem fio e o disco rígido também podem ser acessados facilmente. Um segundo, compartimento vazio de 2,5 polegadas está disponível e pode ser usado para adicionar outro HD ou SSD para o portátil laptop.

Garantia

O preço do portátil inclui a garantia padrão de 24 meses do fabricante e serviços extra podem ser adicionados (como o "Care Pack" na loja online da HP). O usuário pode estender a garantia para 3 anos de serviço "Pick-up and Return" por apenas 80 Euros online na página da HP.

Dispositivos de Entrada

Teclado

O Pavilion dv7 ainda usa um teclado chiclet com um pad numérico. Vimos um teclado similar no passado. As teclas incorporadas na superfície brilhante preta têm um tamanho de 15 mm e tem uma superfície áspera. Com a exceção das teclas direcionais (que variam em tamanho) e as combinações especiais Fn (podem ser alteradas no BIOS), o teclado é padrão e o usuário poderá se acostumar rapidamente a isto.

Os digitadores criticaram o pronto de pressão suave e curto, dado que isto evita uma boa resposta. Inclusive conseguimos digitar rapidamente e o ruído emitido pelas teclas é mais baixo que no passado. O teclado não é bem assegurado, e perto do topo dá a sensação de estar frouxo.

Touchpad

A elegante iluminação com LEDs brancos do touchpad de 9,5 x 5,5 cm é muito agradável visualmente. Este touchpad é feito pela Synaptics, e oferece boas propriedades de deslizamento. A precisão é bastante boa perto do meio, mas os últimos 3 a 4 mm do touchpad também não reagem.

Um ruído de clique satisfatório é emitido por ambos os botões embaixo do touchpad. O claro ponto de pressão parece ser de alta qualidade no começo, mas nas outras regiões, ele é bastante esponjoso e às vezes produz ruídos.

Teclado
Teclado
Touchpad
Touchpad
Teclas direcionais
Teclas direcionais

Tela

Dependendo da configuração, o Pavilion dv7 vem com uma tela Full HD ou uma WXGA++. O nosso modelo de teste possui a resolução mais baixa de 1600 x 900 pixels, que com uma diagonal de 17,3 polegadas, possui uma densidade de pixels de 106 dpi.

brilho máximo que medimos foi em média 230 cd/m². Este é um valor decente e mais alto que o máximo brilho no predecessor. Em interiores, o portátil é o suficientemente brilhante para o uso. Embora a iluminação seja levemente menor na esquina superior direita, descreveríamos subjetivamente que a tela é bem-balanceada.

242
cd/m²
212
cd/m²
209
cd/m²
241
cd/m²
226
cd/m²
230
cd/m²
240
cd/m²
238
cd/m²
235
cd/m²
Distribuição do brilho
AUO B173RW01 V3
Gossen Mavo-Monitor
Máximo: 242 cd/m² Médio: 230.3 cd/m²
iluminação: 86 %
iluminação com acumulador: 226 cd/m²
Contraste: 164:1 (Preto: 1.38 cd/m²)

valor de escuridão permaneceu o mesmo com 1,38 cd/m². O contraste ainda decepciona, dado que de apenas 164:1 e isto era previsível de um econômico painel TN (AUO B173RW01 V3). Os usuários que desejam uma melhor qualidade de imagem deveriam escolher uma tela Full HD superior. Esse painel tem um contraste de mais de 700:1 e um preto muito mais satisfatório. O Dell XPS 17 e Asus N75SF oferecem contraste muito mais altos.

As cores mostradas na tela estão muito longe das cores com as que trabalham os fotógrafos profissionais e designers gráficos. Como acontece com o Acer Aspire 7750G, o painel AUO não pode cobrir completamente o espaço de cores sRGB. No entanto, o usuário comum não notará isso.

Pavilion dv7 vs. AdoveRGB (t)
Pavilion dv7 vs. AdoveRGB (t)
Pavilion dv7 vs. sRGB (t)
Pavilion dv7 vs. sRGB (t)
Pavilion dv7 vs. Aspire 7750G (t)
Pavilion dv7 vs. Aspire 7750G (t)
Pavilion dv7 vs. N75SF (t)
Pavilion dv7 vs. N75SF (t)
Pavilion dv7 vs. XPS 17 (t)
Pavilion dv7 vs. XPS 17 (t)
Uso em exteriores
Uso em exteriores

O Pavilion dv7 não está feito ou é adequado para o uso em exteriores. O brilho da retro iluminação de LED é baixa demais para combater os reflexos que dançam na tela refletiva em exteriores. Com nuvens (veja a foto), o conteúdo da tela ainda é visível. A tela Full HD de alta qualidade do dv7-6b02eg é mais bem adequada para o uso em exteriores, dado que é mate e muito mais brilhante.

Ângulos de visão do HP Pavilion dv7-6c07eg
Ângulos de visão do HP Pavilion dv7-6c07eg

Finalmente, damos uma olhada na estabilidade dos ângulos de visão. Os pequenos desvios nos ângulos de visão horizontalmente não modificam muito o conteúdo da tela. No entanto, verticalmente tais modificações podem causam que o conteúdo da tela se inverta rapidamente. O usuário terá que corrigir o ângulo da tela constantemente para poder ver as cores e o contraste de forma adequada. Isto é irritante, e não ajuda a prolongar a vida útil das dobradiças da tela.

Os usuários, que em vista da deficiente estabilidade dos ângulos de visão, decidem usar um monitor externo com o portátil, estarão e felizes em saber que o portátil oferece uma saída VGA analógica e uma moderna interface digital HDMI.

Desempenho

Turbo Boost até 3,1 GHz
Turbo Boost até 3,1 GHz

Core i7-2670QM em nosso modelo de teste é um CPU quad-core da mais recente geração Sandy Bridge. Em comparação com seu predecessor, o Core i7-2630QM, o 2670QM opera com uma freqüência 200 MHz mais alta: com 2,2 GHz. O Turbo Boost 2.0 permite que o CPU atinja até 3,1 GHz e a tecnologia SMT permite que o processador funcione com até 8 threads simultaneamente.

O CPU se baseia na arquitetura Sandy Bridge. Os processadores Sandy Bridge são produzidos no formato de 32 nm e a previsão é que será substituído pela seguinte geração da Intel, Ivy Bridge, em alguns meses. O processador de nosso modelo de teste tem um valor de TDP de 45 watts e é bem adequado para um portátil DTR de 17 polegadas.

A saída dos gráficos é fornecida por uma (mais ou menos) nova Radeon HD 7690M da AMD. Estamos familiarizados com este GPU (HP Envy 17), e a maioria de suas especificações permaneceram as mesmas da antiga Radeon HD 6770M. O GPU possui 480 ALUs (96 5D shaders) que funcionam a 725 MHz e 2 GB de VRAM GDDR5 (memória gráfica) que usa uma interface de 128 bits e funciona a 800 MHz.

Embora o processador suporte memória até DDR3-1333, a HP equipou o Pavilion dv7 com dois velozes módulos de 4 GB DDR3-1600 da Samsung. O espaço de armazenamento de 1000 GB também ´pe bastante generoso. Os detalhes para realizar um upgrade .podem ser encontrados sob manutenção.

Systeminfo CPUZ CPU
Systeminfo CPUZ Cache
Systeminfo CPUZ Mainboard
Systeminfo CPUZ RAM
Systeminfo CPUZ RAM SPD
Systeminfo GPUZ
Systeminfo HDTune
DPC Latency times
Informação do sistema para o HP Pavilion dv7-6c07eg

Processador

Nossos benchmarks mostram quão potente é o Core i7-2670QM. O CPU marca 5,23 pontos no Cinebench R11.5 e inclusive supera alguns velozes CPUs de desktop como o Core i5-2400. No teste de thread simples (apenas um núcleo funciona), o Turbo Boost e o ótimo desempenho por-MHz da arquitetura ajudam o processador fornecem excelentes resultados: 4894 pontos no antigo Cinebench R10 (ambos os benchmarks são de 64 bits).

No uso rotineiro, o usuário raramente encontrará um programa que faça com que o processador desafie os seus limites. Inclusive os programas e tarefas exigentes como Photoshop ou codificação de vídeos são realizados pelo 2670QM sem problemas. Os típicos processadores de gama média como o Core i5-2430M são apenas da metade da capacidade deste. A brecha de desempenho entre o antigo i7-2630QM e o i7-2670QM é relativamente pequeno: 5-10%.

Cinebench R10 Rendering Single 32Bit
3912
Cinebench R10 Rendering Multiple CPUs 32Bit
14847
Cinebench R10 Shading 32Bit
5514
Cinebench R10 Rendering Single CPUs 64Bit
4894 Points
Cinebench R10 Shading 64Bit
5673 Points
Cinebench R10 Rendering Multiple CPUs 64Bit
18106 Points
Cinebench R11.5 CPU Multi 64Bit
5.23 Points
Ajuda
HD Tune benchmark
HD Tune benchmark

Disco Rígido

Apesar dos altos preços dos discos rígidos, o Pavilion dv7 oferece um disco rígido de 1000 GB  da Toshiba (MK1059GSMP). A HP usa até 25 GB para duas partições de recuperação e controladores, mas isto apenas afeta o espaço de armazenamento geral.

O disco rígido funciona a 5400 rpm e funciona com um cachê de 8 MB. Infelizmente, ele fornece um desempenho apenas médio (segundo o demonstrado pelo HD Tune). Em média, o drive fornece ao redor de 70 MB/s, que é um valor médio para um típico disco rígido. O tempo de acesso de 17,5 milissegundos é relativamente bom. No entanto, em comparação com os modernos SSDs: os tempos de acesso de 0,1 milissegundos e velocidades de leitura de até 500 MB/s são possíveis com a mais recente interface SATA III.

Toshiba MK1059GSMP
Velocidade de Transferência Mínima: 37.3 MB/s
Velocidade de Transferência Máxima: 90.1 MB/s
Velocidade de Transferência Média: 70.2 MB/s
Tempo de Acesso: 17.5 ms
Índice de Explosão: 80 MB/s
Uso da CPU: 1 %

Desempenho do Sistema

Graças ao potente hardware, o portátil tem um ótimo desempenho de sistema. 8488 pontos no PCMark Vantage e 2456 pontos no PCMark 7 – um dos melhores resultados que temos visto de um portátil sem um SSD. Apesar de estar equipado com hardware igualmente rápido, o Asus N75SF e o Acer Aspire 7750G fica para um pouco trás nos benchmarks.

Uma solução ExpressCache ou SSD fariam do Pavilion dv7 o portátil DTR supremo. Desde que o usuário tenha o suficiente dinheiro para comprar um SSD, atualizar o portátil adicionando um SSD não deve ser difícil. O tempo de arranque do Windows (40 segundos) ou aplicativos, e inclusive as instalações e outras tarefas, podem ser reduzidas com um moderno SSD.

5.9
Índice de Experiência Windows 7
Processador
Cálculos por segundo
7.5
Memória (RAM)
Operações de memória por segundo
7.6
Gráficos
Desempenho da Área de Trabalho para Windows Aero
6.6
Gráficos de jogos
Gráficos 3D empresariais e de jogos
6.6
Disco rígido principal
Velocidade de transferência de dados de disco
5.9
PCMark Vantage Result
8488 pontos
PCMark 7 Score
2456 pontos
Ajuda

Gráficos

Durante o modo inativo, a placa de vídeo integrada (Intel HD Graphics 3000) está ativa. No entanto, quando inicia programas 3D exigentes, a Radeon HD 7690M (derivada da HP Radeon 7690M XT) assume o controle automaticamente. Embora no papel não haja diferença entre a Tecnologia de Gráficos Comutáveis da AMD e a tecnologia Optimus da Nvidia, ainda recebemos comentários dos usuários sobre pequenos e grandes problemas som o sistema da AMD. Apesar do extensamente configurável CCC (Catalyst Control Center), ainda há alguns aplicativos que não funcionam com o processador gráfico desejado.

Fora essas dificuldades, a Radeon HD 7690M oferece um desempenho excepcional e se coloca no topo da gama de classe média1517 pontos no 3DMark 11 – um pouco menos que a Radeon HD 6850M com VRAM DDR3, e a GeForce GT 555M fica (dependendo da freqüência de funcionamento) para trás por ao redor de 100 a 200 pontos. No 3DMark Vantage, o 7690M pôde marcar 6765 pontos, que é um pouco mais que o que a sua concorrência (6770M6850M e GT 555M) poderia fornecer.

3DMark 05 Standard
17545 pontos
3DMark 06 Standard
10628 pontos
3DMark Vantage P Result
6765 pontos
3DMark 11 Performance
1517 pontos
Ajuda

Desempenho dos jogos

Os benchmarks sintéticos são bons para estimar o potencial de um componente de hardware. Os teste de jogos são muito mais práticos e nos dão um idéia mais real de quanto desempenho pode fornecer uma placa de vídeo.

Fifa 12
Fifa 12
F1 2011
F1 2011
Skyrim
Skyrim

O nosso primeiro teste de jogos foi com o Fifa 12. Inclusive portáteis de gama básica podem executar este jogo com velocidades altas de fotogramas, e como tal, o nosso portátil de gama alta funcionou sem problemas com detalhes ao máximo, anti-aliasing 4 x e resolução Full HD (1920x1080 pixels).

Os jogos de corrida Dirt 3 e F1 2011 são bastante mais exigentes e fazem com que a Radeon HD 7690M comece a transpirar. O Deus Ex Human Revolution e Mass Effect 3 também são jogos muito exigentes que pode ser executados fluentemente somente se o usuário ajusta a resolução para 1366 x 768 pixels. No entanto, contanto a resolução seja mantida baixa, o usuário pode ativar o anti-aliasing ou a filtragem anisotrópica. Diminuir os detalhes permite que o portátil execute os jogos com a resolução nativa de 1600 x 900 pixels.

Os jogos mais graficamente exigentes que executamos no modelo de teste foram Skyrim, a mais recente adição à saga Elder Scrolls, e o jogo de estratégia Anno 2070. Embora ambos os jogos ainda eram jogáveis com configurações altas, recomendamos executá-los com configurações médias para obter a melhor experiência de jogo. Uma resolução de 1366 x 768 pixels com anti-aliasing permite que os jogos funcionem com mais de 40 fps.

A anteriormente mencionada similaridade entre a 6770M e a 7690M é refletida por nossas medições. Os controladores mais atualizados normalmente oferecem maior desempenho, mas não pudemos ver tal melhoria com a 7690M. Para concluir, o Pavilion dv7 se desempenho no mesmo nível de outros portáteis com uma GeForce GT 555M ou uma Radeon HD 6850M DDR3, como é confirmado pelos resultados dos anteriores benchmarks  3DMark.

baixo média alto ultra
Dirt 3 (2011) 104.2 63.2 48.2 fps
Deus Ex Human Revolution (2011) 102.7 43.4 fps
F1 2011 (2011) 92 62 37 fps
Fifa 12 (2011) 303 154.9 105.4 55.6 fps
The Elder Scrolls V: Skyrim (2011) 63.2 44.7 30 fps
Anno 2070 (2011) 97.6 41.3 27.4 fps
Mass Effect 3 (2012) 57 42.8 30.2 fps

Emissões

Ruído do Sistema

Embora o ventilador do portátil nunca se desligue (nem mesmo quando o portátil está em modo inativo), as emissões de ruído deste modelo se mantêm bastante baixas. Medimos emissões de 31,1 a 31,6 db(A) e durante curtos períodos de tempo as emissões inclusive aumentam até 36,2 db(A). O dv7 não pode ser chamado de silencioso devido a essas emissões, mas felizmente, em momento algum o disco rígido é audível. O ventilador abafa as emissões do disco rígido.

Quando a carga do modelo de teste aumenta, as emissões de ruído aumentam e se tornam claramente audíveis, ou inclusive irritantemente barulhentas. Nos jogos, as emissões até 40,5 db(A) são toleráveis. No entanto, após um longo período de testes com o nosso teste de estresse, as emissões de ruído chegaram até 47,3 dB(A). Infelizmente, o Pavilion dv7, como outros portáteis com placas de vídeo da série HD 7000, não são compatíveis com o FurMark  e em lugar dele usamos o HD Graphics 3000 IGP para efetuar o benchmark.

Em comparação com outros portáteis equipados de maneira similar, o modelo de teste se classifica mas ou menos no meio. Em nossos testes do ano passado, apenas o Asus N75SF demonstrou ser relativamente silencioso, mas isto se devia ao forte afogamento.

Barulho

Ocioso
31.3 / 31.6 / 36.2 dB
HDD
31.3 dB
DVD
35.3 / dB
Carga
40.5 / 47.3 dB
  red to green bar
 
 
30 dB
silencioso
40 dB(A)
audível
50 dB(A)
ruidosamente alto
 
min: dark, med: mid, max: light   Voltcraft SL 320 (15 cm de distância)
Teste de estresse
Teste de estresse

Temperatura

As temperaturas da superfície do Pavilion dv7 são confortavelmente baixas. Sem carga, medimos 25 a 26 graus Celsius na superfície no lado inferior do portátil. Isto indica que o modelo de teste é bastante conservador no modo inativo.

O case permanece bastante frio até mesmo quando o CPU e GPU estão funcionando. Apesar de que a temperatura do case aumente 5 graus Celsius em alguns pontos na vizinhança da abertura de ventilação, o portátil ainda pode ser usado sobre as pernas.

Utilizamos o teste de renderização do GPU-Z para colocar a Radeon HD 7690M sob cargas pesadas. Este teste não é o suficientemente intenso para representar o que poderia acontecer no pioro dos cenários. Mesmo assim, junto com o Prime95, simulamos uma carga no portátil que não é possível, ou pelo menos não é comum, durante o uso rotineiro: o CPU atingiu até 94 graus Celsius e o GPU 79 graus Celsius. O processador se afogou levemente e a freqüência caiu de 2100 para 2000 MHz. Nos jogos e aplicativos, este afogamento não estará presente, e nem mesmo em benchmarks realizado logo após o teste de estresse, não detectamos queda alguma do desempenho. Mesmo assim, um sistema de esfriamento mais potente seria desejável, dado que deve-se considerar as altas temperaturas de alguns ambientes.

Carga Máxima
 38.5 °C32.2 °C25.5 °C 
 36 °C33.7 °C25.3 °C 
 27.2 °C26 °C23.6 °C 
Máximo: 38.5 °C
Médio: 29.8 °C
23.7 °C47.4 °C44.6 °C
25.1 °C37 °C28.2 °C
21.7 °C28.2 °C26 °C
Máximo: 47.4 °C
Médio: 31.3 °C
alimentação elétrica  43 °C | Temperatura do quarto 20.7 °C | Voltcraft IR-360
(+) The average temperature for the upper side under maximal load is 29.8 °C / 86 F, compared to the average of 33.4 °C / 92 F for the devices in the class Gaming.
(+) The maximum temperature on the upper side is 38.5 °C / 101 F, compared to the average of 39.8 °C / 104 F, ranging from 21.6 to 68.8 °C for the class Gaming.
(-) The bottom heats up to a maximum of 47.4 °C / 117 F, compared to the average of 42.6 °C / 109 F
(+) In idle usage, the average temperature for the upper side is 25 °C / 77 F, compared to the device average of 33.4 °C / 92 F.
(+) The palmrests and touchpad are cooler than skin temperature with a maximum of 27.2 °C / 81 F and are therefore cool to the touch.
(±) The average temperature of the palmrest area of similar devices was 28.8 °C / 83.8 F (+1.6 °C / 2.8 F).
Painel de controle do sistema de som
Painel de controle do sistema de som

Alto falantes

As altas expectativas evocadas pelo título sistema "beatsaudio" não são satisfeitas completamente. Como em nosso teste anterior do Pavilion dv7, os quatro alto falantes e um subwoofer do portátil fornecem um som simples. O alto volume máximo não pode ser usado, dado que o som começa a se distorcer, e inclusive as notas profundas são apenas perceptíveis.

Embora a qualidade de reprodução seja audível e esteja entre a maioria dos portáteis com simples alto falantes estéreo, esperávamos um melhor desempenho - o sistema de alto falantes do portátil não é tão bom quanto o do Dell XPS 17. Para uma experiência perfeita de filmes ou música, recomendamos o uso de alto falantes externos através da interface HDMI ou através dos dois conectores de áudio.

Duração da bateria

Consumo de energia

Os portáteis modernos podem ser bastante conservadores enquanto estiverem no modo inativo até mesmo com um CPU quad-core e um GPU de gama média. Isto se deve à tecnologia de comutação gráfica dinâmica. Os Gráficos Comutáveis da AMD se desempenham bastante bem e ajudam ao Pavilion dv7 a manter bons valores entre 11,5 e 18,1 watts. À diferença de seu predecessor, o nosso modelo de teste economiza alguns watts a mais.

Com 71 W (máximo 85 W) sob carga, há apenas algumas modificações. Este alto consumo de energia é aceitável considerando o desempenho oferecido pelo portátil. O Asus N75SF e o Dell XPS 17 (ambos usam GeForce GT 555M) consomem muito mais e oferecem o mesmo desempenho. Interessante: o Acer Aspire 7750G é um pouco mais conservador (no 3DMark 06) embora use a Radeon HD 6850M.

Consumo de energia
desligadodarklight 0.3 / 0.7 Watt
Ociosodarkmidlight 11.5 / 16.7 / 18.1 Watt
Carga midlight 71.2 / 84.6 Watt
 color bar
Key: min: dark, med: mid, max: light        Voltcraft VC 940

Duração da bateria

O relativamente baixo consumo de energia significa que a bateria de 62 Wh oferece uma duração bastante longa. O portátil durou mais de 6 horas no teste Battery Eater Reader (com o brilho no mínimo e todas as opções para economizar energia, ligadas).

Navegar através de WLAN (150 cd/m², modo "Economizador de energia"), é possível durante consideráveis 4 horas e 46 minutos. Filmes longos não são um problema para este portátil de 17 polegadas.

Embora o teste Battery Eater Classic não sumule um cenário de carga pesada, a duração neste teste cai para 77 minutos. Jogos ou aplicativos exigentes farão com que seja necessário conectar o portátil na tomada. O adaptador de força de 120 W oferece energia mais que suficiente e precisa de apenas duas horas para carregar completamente a bateria.

Máxima duração da bateria (Teste Reader)
Teste Reader
Mínima duração da bateria (Teste Classic)
Teste Classic
Carregando
Carregando
Tempo de Execução da Bateria
Ocioso (sem WLAN, min brilho)
6h 37min
Navegar com WLAN
4h 46min
DVD
2h 45min
Carga (máximo brilho)
1h 17min

Veredicto

HP Pavilion dv7-6c07eg
HP Pavilion dv7-6c07eg

O HP Pavilion dv7-6c07eg é um pacote muito atrativo. Por pouco mais de 900 Euros, o usuário recebe um potente portátil multimídia de 17 polegadas que fornece alto desempenho em jogos e programas – apesar do fato que nem o Core i7-2670QM, nem a Radeon HD 7690M são muito diferentes de seus predecessores. O preço é bastante justo, considerando que o laptop está equipado com um Blu-ray drive e um disco rígido de 1000 GB.

O sólido case também é digno de elogios. O portátil brilha graças ao alumínio escovado. O nosso modelo de teste apresenta algumas falhas no acabamento, mas acreditamos que esta é uma falha apenas no nosso modelo de teste, dado que a nossa experiência com anteriores modelos da HP sempre foi boa. Mesmo assim o fabricante deve se esforçar em evitar tais falhas.

tela precisa de melhorias desesperadamente. A tela possui uma resolução nativa de 1600 x 900 pixels e funciona harmoniosamente com o hardware do portátil. Infelizmente, a tela não chega nem perto do painel Full HD do dv7-6b02eg. O fabricante também deveria considerar melhorar o sistema de esfriamento relativamente barulhento. Com exceção das falhas mencionadas anteriormente, o portátil tem muitas poucas fraquezas que poderiam estragar a borá impressão geral do Pavilion dv7. 

Os fás da Nvidia irão querer dar uma olhada no Asus N75SF ou Dell XPS 17, dado que oferecem ótimas telas e sistemas de som impressionantes. Recomendamos a compra do HP Pavilion dv7-6c07eg, pois oferece um ótimo desempenho por um preço razoável.

Por cortesia da ...
Em Análise: HP Pavilion dv7-6c07eg
Em Análise: HP Pavilion dv7-6c07eg, por cortesia da:

Especificações do portátil

HP Pavilion dv7-6c07eg (Pavilion dv7 Serie)
Processador
Intel Core i7-2670QM 4 x 2.2 - 3.1 GHz, Sandy Bridge
Placa gráfica
AMD Radeon HD 7690M XT - 2048 MB, Análises do: 725 MHz, Memoría: 900 MHz, GDDR5-VRAM, 8.882.2.3000
Memória
8192 MB 
, 2x 4096 MB DDR3-SDRAM (1600 MHz) da Samsung, 2 compartimentos
Pantalha
17.3 polegadas 16:9, 1600 x 900 pixel, AUO B173RW01 V3, Retro iluminação LED, Brilhante: sim
placa mãe
Intel HM65
Disco rígido
Toshiba MK1059GSMP, 1000 GB 
, 5400 rpm, Cache de 8 MB
Placa de Som
Intel Cougar Point PCH - High Definition Audio Controller
Conexões
2 USB 2.0, 2 USB 3.0, 1 VGA, 1 HDMI, Conexões Audio: 2 conectores de áudio, 1 conector para microfone, Card Reader: 2-em-1 (SD, MMC), 1 Leitor de Impressões Digitais
Funcionamento em rede
Realtek RTL8168/8111 Gigabit-LAN (10/100/1000/2500/5000MBit/s), Realtek RTL8188CE Wireless LAN 802.11n (b/g/n = Wi-Fi 4)
Unidade ótica
HP BD E DS6E2LH
Tamanho
altura x largura x profundidade (em mm): 36 x 416 x 275
Bateria
62 Wh Lítio-Ion, 6 células, 11,1 V
Sistema Operativo
Microsoft Windows 7 Home Premium 64 Bit
Camera
Webcam: TrueVision HD, 2.0 Megapixel
Características adicionais
Manual breve, CyberLink YouCam, 24 Meses Garantia
peso
3.43 kg, Suprimento de energia: 350 g
Preço
999 Euro

 

Simples e elegante:
Simples e elegante:
Um Leitor de impressões digitais está a bordo.
Um Leitor de impressões digitais está a bordo.
Os vídeo bate-papos devem ser um deleite graças à webcam HD e o microfone integrado.
Os vídeo bate-papos devem ser um deleite graças à webcam HD e o microfone integrado.
Em caso de que o ventilador se torne muito barulhento, ...
Em caso de que o ventilador se torne muito barulhento, ...
o sistema beatsaudio pode ser usado com música.
o sistema beatsaudio pode ser usado com música.
Um total de quarto alto falantes...
Um total de quarto alto falantes...
e um subwoofer...
e um subwoofer...
fazem com que a saída de som seja bastante boa.
fazem com que a saída de som seja bastante boa.
Para a reprodução de Blu-ray...
Para a reprodução de Blu-ray...
também pode-se usar alto falante externos.
também pode-se usar alto falante externos.
O lado inferior do portátil possui uma escotilha,
O lado inferior do portátil possui uma escotilha,
que oferece ao usuário fácil acesso aos componentes de hardware.
que oferece ao usuário fácil acesso aos componentes de hardware.
A RAM deve ser tocada, pois não há compartimentos livres, ...
A RAM deve ser tocada, pois não há compartimentos livres, ...
e pode adicionar um HD ou SSD.
e pode adicionar um HD ou SSD.
A bateria está quase esgotada após 5 horas de navegação, ...
A bateria está quase esgotada após 5 horas de navegação, ...
E duas portas USB 2.0 adicionais.
E duas portas USB 2.0 adicionais.
A HP equipou o dv7 com duas portas USB 3.0, ...
A HP equipou o dv7 com duas portas USB 3.0, ...
O HP Pavilion dv7, ...
O HP Pavilion dv7, ...
com um case de alumínio escovado...
com um case de alumínio escovado...
e um visual de alta qualidade.
e um visual de alta qualidade.
Existem algumas falhas, ...
Existem algumas falhas, ...
Tais como esta brecha...
Tais como esta brecha...
que é  muito grande em certos lugares.
que é muito grande em certos lugares.
O design elegante...
O design elegante...
não é afetado por esta falha.
não é afetado por esta falha.
As dobradiças são rígidas, ...
As dobradiças são rígidas, ...
e permitem ao usuário abrir a tela até ângulos bastante amplos, ...
e permitem ao usuário abrir a tela até ângulos bastante amplos, ...
mas não conseguem manter a tela em seu lugar quando o portátil é movido.
mas não conseguem manter a tela em seu lugar quando o portátil é movido.
Os dispositivos de entrada...
Os dispositivos de entrada...
incluem o touchpad iluminado.
incluem o touchpad iluminado.
O teclado é comum.
O teclado é comum.
E pode ser rapidamente carregada com o adaptador de força de 120 W.
E pode ser rapidamente carregada com o adaptador de força de 120 W.

Equipamentos Similares

Portáteis com o tamanho de tela e peso

Breve Análise do HP Pavilion Gaming 15: Portátil de jogos econômico oferece bateria de longa duração
GeForce GTX 1650 Mobile, Renoir (Ryzen 4000 APU) R5 4600H, 15.6", 2.084 kg
Breve Análise do HP Pavilion Gaming 15: O portátil de 15,6 polegadas da HP combina proeza em jogos e estamina
GeForce GTX 1660 Ti Max-Q, Picasso (Ryzen 3000 APU) R7 3750H, 15.6", 2.25 kg
Encrenca em dobro: Breve Análise do Portátil HP Omen X 2S 15
GeForce RTX 2070 Max-Q, Coffee Lake i7-9750H, 15.6", 2.38 kg
Breve Análise do HP Pavilion Gaming 17: Finalmente, um Portátil de Jogos Silencioso
GeForce GTX 1660 Ti Max-Q, Coffee Lake i7-9750H, 17.3", 2.76 kg

Links

Comparação de Preços

Pro

+Ótimo desempenho de programas
+Potente placa de vídeo
+Case sólido de alumínio
+Blu-ray drive
+Duas portas USB 3.0
+Boa duração da bateria
 

Contra

-Tela deficiente
-Leve afogamento
-Algumas falhas no acabamento
-Um pouco barulhento sob carga

Resumindo

Do que gostamos

Desempenho excepcional por um preço justo - este argumento irá atrair compradores para o Pavilion dv7. Tos ótimos componentes de hardware e o elegante case também são dignos de elogios.

O que gostaríamos de ver

Infelizmente, o portátil não usa a incrível tela Full HD que encontramos em outras configurações deste modelo. O resultado são o baixo contraste e os ângulos de visão instáveis. Adicionalmente, o fabricante deve prestar mais atenção nas falhas do acabamento como as brechas no material e partes.

O que nos surpreende

Apesar dos quatro alto falantes e um subwoofer, a qualidade do som do portátil não é o que esperávamos.

A concorrência

Dell XPS 17 e Asus N75SF usam uma placa de vídeo GeForce e são dois dos concorrente mais ferozes. O HP Envy 17 é outra alternativa de alta qualidade e impressionante.

Rating

HP Pavilion dv7-6c07eg - 02/28/2012 v2(old)
Till Schönborn

Acabamento
83%
Teclado
80%
Mouse
78%
Conectividade
72%
Peso
64%
Bateria
82%
Pantalha
71%
Desempenho do jogos
90%
Desempenho da aplicação
91%
Temperatura
90%
Ruído
77%
Impressão
83%
Médio
80%
81%
Gaming - Médio equilibrado
Please share our article, every link counts!
> Análises e revisões de portáteis e celulares > Análises > Análises > Arquivo de análises próprios > Análise do Portátil HP Pavilion dv7-6c07eg
Till Schönborn, 2012-04- 5 (Update: 2013-06- 6)